CA4uXh_WgAA2Cg0

Viralizou nas redes sociais um post no facebook em que o crítico de cinema Pablo Villaça ironiza a forma como a mídia noticia a crise econômica. Você pode ler abaixo.

APESAR DA CRISE
———————
Eu fico realmente impressionado ao perceber como os colunistas políticos da grande mídia sentem prazer em pintar o país em cores sombrias: tudo está sempre “terrível”, “desesperador”, “desalentador”. Nunca estivemos “tão mal” ou numa crise “tão grande”.

Em primeiro lugar, é preciso perguntar: estes colunistas não viveram os anos 90?! Mas, mesmo que não tenham vivido e realmente acreditem que “crise” é o que o Brasil enfrenta hoje, outra indagação se faz necessária: não lêem as informações que seus próprios jornais publicam, mesmo que escondidas em pequenas notas no meio dos cadernos?

Vejamos: a safra agrícola é recordista, o setor automobilístico tem imensas filas de espera por produtos, os supermercados seguem aumentando lucros, a estimativa de ganhos da Ambev para 2015 é 14,5% maior do que o de 2014, os aeroportos estão lotados e as cidades turísticas têm atraído número colossal de visitantes. Passem diante dos melhores bares e restaurantes de sua cidade no fim de semana e perceberá que seguem lotados.

Aliás, isto é sintomático: quando um país se encontra realmente em crise econômica, as primeiras indústrias que sofrem são as de entretenimento. Sempre. Famílias com o bolso vazio não gastam com supérfluos – e o entretenimento não consegue competir com a necessidade de economizar para gastos em supermercado, escola, saúde, água, luz, etc.

Portanto, é revelador notar, por exemplo, como os cinemas brasileiros estão tendo seu melhor ano desde 2011. Público recorde. “Apesar da crise”. A venda de livros aumentou 7% no primeiro semestre. “Apesar da crise”.

Uma “crise” que, no entanto, não dissuadiu a China de anunciar investimentos de mais de 60 bilhões no mercado brasileiro – porque, claro, os chineses são conhecidos por investir em maus negócios, certo? Foi isto que os tornou uma potência econômica, afinal de contas. Não?

Se banissem a expressão “apesar da crise” do jornalismo brasileiro, a mídia não teria mais o que publicar. Faça uma rápida pesquisa no Google pela expressão “apesar da crise”: quase 400 mil resultados.

“Apesar da crise, cenário de investimentos no Brasil é promissor para 2015.”

“Cinemas do país têm maior crescimento em 4 anos apesar da crise”

“Apesar da crise, organização da Flip soube driblar os contratempos: mesas estiveram sempre lotadas”

“Apesar da crise, produção de batatas atrai investimentos em Minas”

“Apesar da crise, vendas da Toyota crescem 3% no primeiro semestre”

“Apesar da crise, Riachuelo vai inaugurar mais 40 lojas em 2015″

“Apesar da crise, fabricantes de máquinas agrícolas estão otimistas para 2015″

“Apesar da crise, Rock in Rio conseguiu licenciar 643 produtos – o recorde histórico do festival.”

“Honda tem fila de espera por carros e paga hora extra para produzir mais apesar da crise,”

“16º Exposerra: Apesar da crise, hotéis estão lotados;”

“Apesar da crise, brasileiros pretendem fazer mais viagens internacionais”

“Apesar da crise, Piauí registra crescimento na abertura de empresas”

Apesar da crise. Apesar da crise. Apesar da crise.

A crise que nós vivemos no país é a de falta de caráter do jornalismo brasileiro.

Uma coisa é dizer que o país está em situação maravilhosa, pois não está; outra é inventar um caos que não corresponde à realidade. A verdade, como de hábito, reside no meio do caminho: o país enfrenta problemas sérios, mas está longe de viver “em crise”. E certamente teria mais facilidade para evitá-la caso a mídia em peso não insistisse em semear o pânico na mente da população – o que, aí, sim, tem potencial de provocar uma crise real.

Que é, afinal, o que eles querem. Porque nos momentos de verdadeira crise econômica, os mais abastados permanecem confortáveis – no máximo cortam uma viagem extra à Europa. Já da classe média para baixo, as consequências são devastadoras, criando um quadro no qual, em desespero, a população poderá tender a acreditar que a solução será devolver ao poder aqueles mesmos que encabeçaram a verdadeira crise dos anos 90. Uma “crise” neoliberal que sufocou os miseráveis, mas enriqueceu ainda mais os poderosos.

E quando nos damos conta disso, percebemos por que os colunistas políticos insistem tanto em pintar um retrato tão sombrio do país. Porque estão escrevendo as palavras desejadas pelas corporações que os empregam.

Como eu disse, a crise é de caráter. E, infelizmente, este não é vendido nas prateleiras dos supermercados.

Romario290715a

Romário vai à Suiça, prova que conta milionária não é dele e manda recado para Revista Veja

O senador Romário Faria disse hoje (29) que foi até Genebra, na Suíça, e confirmou que não é
o titular de uma conta com saldo de 2,1 milhões de francos suíços (cerca de R$ 7,5 milhões),
como noticiou a revista “Veja” no último dia 24.

Em seu facebook, Romário declarou:

Chateado!

Acabei de descobrir aqui em Genebra, na Suíça, que não sou dono dos R$ 7,5 milhões.

Aguardem mais informações…

Agora, aqueles que devem, podem começar a contar as moedinhas, porque a conta vai chegar de todas as formas.

Eu não finjo ser decente, não faço de conta ser sério e pareço ser correto. Eu sou!!!

Segundo a revista, o jogador não declarou à Receita Federal ter conta no exterior com saldo superior a US$ 100 mil, como manda a lei. A conta também aparece em sua declaração oficial de bens apresentada à Justiça Eleitoral em 2014.

Romário admitiu ter aberto contas na Holanda e na Espanha na época em que atuou no futebol desses países e afirmou não se lembrar se havia fechado essas contas. No entanto, disse que nunca fez movimentações nelas.

Através de sua conta no twitter, Romário mandou outro recado para a VEJA:

“Agora, aqueles que devem, podem começar a contar as moedinhas, porque a conta vai chegar de todas as formas.
Eu não finjo ser decente, não faço de conta ser sério e pareço ser correto. Eu sou!!!”, escreveu.

A Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte aprovou, nesta quinta-feira (30), novas medidas para a redução de gastos com o custeio da administração da Casa. A aprovação foi feita em reunião entre o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Ezequiel Ferreira de Souza (PMDB), e os deputados estaduais que compõem a Mesa Diretora da Casa.

No encontro entre os deputados, ficou definido o fechamento de dois anexos da Assembleia, que reduzirá quase R$ 800 mil os custos anuais da Casa, e também o cancelamento de 107 linhas de celular, que custavam R$ 360 mil aos cofres públicos.

“São medidas necessárias para que readequar nosso orçamento à realidade estadual. Temos que enxugar os gastos, cortar custos para contribuir durante a crise financeira pela qual passa o Rio Grande do Norte”, disse o presidente Ezequiel Ferreira.

Novos cortes também serão feitos em atividades desenvolvidas pela Assembleia, como o programa Assembleia Cidadã, que oferece atendimento gratuito a população do interior do Estado nas áreas de saúde, cursos e emissão de documentos, e estão suspensas as edições da Assembleia Cultural, que consiste em apresentações de artistas em todo o Rio Grande do Norte. A economia nesses setores vai superar os R$ 400 mil. Ler mais…

A Secretaria Estadual do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos (Semarh) concluiu a fase de formação das comissões gestoras dos municípios que serão beneficiados pelo Programa Água Para Todos. A meta do programa aqui no Estado é atender 5800 famílias de 50 municípios com a implantação de barreiros e sistemas simplificados de abastecimento de água.

“Promovemos 50 seminários onde foi apresentado o programa e as estratégias de atuação da Semarh. Foram formados os Comitês Gestores, em cada município, e definidas as comunidades a serem beneficiadas” disse Sérgio Pinheiro, coordenador do programa. De acordo com ele, o comitê gestor municipal é formação que indica as comunidades que receberão as obras de infraestrutura hídrica e geralmente ele é formado por representantes da sociedade civil e do poder público, ligados à temática rural, tais como: representantes de sindicatos de trabalhadores rurais, associações rurais, cooperativas, secretários de agricultura, meio Ambiente e recursos hídricos.

casa da cultura

??????????????????????????

Os ministros do Turismo, Henrique Eduardo Alves, e do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC), Armando Monteiro, assinaram, em Brasília, um acordo de cooperação técnica com o objetivo de facilitar a troca de informações com investidores internacionais. O acordo com o MDlC prevê o compartilhamento de informações para ampliar investimentos, gerando oportunidades de negócios relacionados ao turismo no Brasil.

Para Henrique Eduardo Alves, o novo acordo está alinhado com a estratégia de inserir o turismo na pauta econômica do país. “O setor passa a ter uma rede de informações qualificadas, o que facilita a ampliação de investimentos no país”, afirmou o ministro. Alves ressaltou ainda que o Brasil tem um grande potencial para atrair investidores, especialmente devido à visibilidade conquistada com a Copa do Mundo e a Olimpíada.

O acordo permitirá o intercâmbio de informações e a articulação de ações conjuntas para facilitar a entrada de investimentos produtivos no país por meio da Rede Nacional de Informações sobre o Investimento (Renai).

Estadão: A presidente Dilma Rousseff sancionou a lei que estende a atual política de reajuste do salário mínimo até 2019. Resultado da aprovação da Medida Provisória 672, o texto está publicado no Diário Oficial da União desta quinta-feira, 30, e, como já anunciado, veio com veto à extensão da regra aos benefícios e aposentadorias pagos pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS).

Pela política sancionada, o salário mínimo continuará sendo reajustado com base na correção da inflação, medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) de um ano antes, mais a variação do Produto Interno Bruto (PIB) de dois anos anteriores.

Ontem, o governo antecipou que iria vetar o reajuste aos aposentados vinculado ao mínimo. A extensão da regra, incluída pelos parlamentares durante a tramitação da medida provisória, foi aprovada pelo Congresso no início deste mês. O ministro de Aviação Civil, Eliseu Padilha, um dos responsáveis pela articulação política do governo, disse que “esta conta é impagável” e “a solução é vetar”. “Não tem outra saída”, informou ontem. Segundo a Previdência Social, se fosse mantida, a medida geraria um gasto extra estimado em R$ 9,2 bilhões por ano.

Nas razões do veto enviadas ao Congresso, o governo justificou que a ampliação da regra do mínimo violaria disposição constitucional que veda sua vinculação para qualquer fim. O governo alegou ainda que o veto não retira a garantia, também constitucional, de que nenhum benefício do INSS poderá ter valor mensal inferior ao salário mínimo. “Ao realizar vinculação entre os reajustes da política de valorização do salário mínimo e dos benefícios pagos pelo Regime Geral de Previdência Social – RGPS, as medidas violariam o disposto no art. 7º, inciso IV, da Constituição. Além disso, o veto não restringe a garantia constitucional prevista no art. 201, ? 2º”, argumentou Dilma.

450x100px

A Justiça Federal do Rio Grande do Norte determinou a retirada do ar do site “tudosobretodos.se”, que fornece ilegalmente informações particulares de cidadãos brasileiros, como endereço, CPF, nome de vizinhos, entre outros dados. A decisão foi do Juiz Federal Magnus Augusto Costa Delgado, da 1ª Vara Federal, em liminar concedida a ação promovida pelo Ministério Público Federal.

O magistrado determinou que empresas brasileiras de internet não permitam o acesso ao endereço eletrônico do site. Na decisão, o magistrado determinou que seja solicitado ao Reino da Suécia, via Departamento de Recuperação de Ativos/Secretaria Nacional de Justiça/Ministério da Justiça do Brasil, a retirada provisória da internet do site “tudosobretodos.se’, hospedado no top-level domain (TLD) daquele país. O juiz federal Magnus Delgado solicitou dados completos das pessoas físicas que criaram e mantém o site Tudo sobre Todos, inclusive os números de IP e os logs de acesso e endereço de e-mail.

“A empresa demandada, ao disponibilizar, através do site http://tudosobretodos.se, dados de caráter pessoal, sem que tenha autorização dos seus titulares para tanto, viola a Constituição Federal, atingindo-lhe o núcleo dos direitos e garantias individuais, mais especificamente, os direitos à intimidade e à vida privada”, escreveu o magistrado na decisão. Ele observou que a gravidade dos fatos é mais acentuada porque, por estarem os dados na internet, possibilita o intercâmbio de informações de toda natureza, em escala global, com um nível de interatividade jamais visto.

Quatro homens fortemente armados renderam um caminhoneiro em Macaíba e fizeram a vítima como refém durante um assalto ocorrido na noite de ontem (29). A Polícia Militar do 3ºPelotão da 4ºCIPM (PM) disse que a vítima estava com a carreta estacionada no posto de combustível de Macaíba, quando foi abordado pela quadrilha que estava fortemente armada.

Os bandidos conduziram a carreta até a cidade de São Paulo do Potengi e chegando em uma fazenda da região, quebraram um cadeado de uma das porteiras e adentraram com o veículo. Na ação da quadrilha, os pneus foram levados e o motorista foi encontrado na manhã desta Quinta-feira amarrado dentro da carreta por moradores da fazenda. Segundo a Polícia Militar de São Paulo do Potengi, são constantes as praticas desses tipos de assaltos onde os veículos roubados são encontrados sem pneus na região.

Com informações da ConnectTV

Logomarca Madrecitta

Com o objetivo de propor um pacto pela governabilidade e pedir ajuda na aprovação de matérias que estarão em pauta no Congresso Nacional, a presidente Dilma Rousseff reúne-se nesta quinta-feira (30), pela primeira vez em seu segundo mandato, com os governadores de todas as regiões do país. Com exceção do governador de Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja (PSDB), que será representado pela vice, Rose Modesto, os demais chefes dos Executivos estaduais e do Distrito Federal confirmaram presença no encontro.

Entre os temas que estarão em pauta na Sala Suprema do Palácio do Planalto, em Brasília, a reforma do Imposto sobre Comercialização de Mercadorias e Serviços (ICMS) terá importância especial, pois uma proposta sobre o tema em vias de ser votada pelos senadores, assim que retornarem do recesso na próxima semana. Além das medidas que pretende apresentar, Dilma quer ouvir as demandas dos governadores. O encontro está marcado para as 16h.

A presidente deverá discutir as formas de recompensar os estados que terão perdas com a unificação do imposto, como a medida provisória assinada por ela neste mês criando dois fundos para este fim. Também no Senado está em discussão o projeto de lei que trata da repatriação de valores obtidos de forma ilícita no Brasil, que poderiam ser fonte de recursos para os fundos de compensação. Ler mais…

Agência do Bradesco ficou partialmente destruída com a força da explosão; criminosos usaram dinamite (Foto: Leonardo Ribeiro/Angicos Notícias)

G1 RN: Criminosos explodiram um caixa eletrônico do banco Bradesco na madrugada desta quinta-feira (30) no município de Angicos, localizado na região Central do Rio Grande do Norte. Na fuga, tiros foram disparados, apavorando a população. Ninguém foi preso.

De acordo com a Polícia Militar, o crime aconteceu por volta das 3h. As portas da agência foram lançadas para a rua com a força da explosão. Seis homens encapuzados e armados participaram da ação. A quadrilha invadiu a agência e usou uma grande quantidade de explosivos, segundo a PM.

Ainda de acordo com a polícia, os terminais haviam sido abastecidos recentemente e os bandidos conseguiram pegar todo o dinheiro, mas a quantia levada não foi revelada.
A PM fez buscas pela região, mas nenhum suspeito foi encontrado.

IMG-20150413-WA0024

A Companhia Energética do Rio Grande do Norte (Cosern) lançará, a partir do próximo dia 31 julho, um projeto que prevê bônus para os consumidores para a troca de eletrodomésticos usados por novos, como ar-condicionado, refrigerador, freezer ou lavadora de roupas.

Com o objetivo de  incentivar a substituição dos produtos elétricos para que haja redução de consumo e redução da conta de energia dos participantes, a “Troca Econômica Cosern” pretende bonificar consumidores com valores que variam entre R$ 285 a R$ 585 reais para aquisição de aparelhos com Selo Procel de Economia de Energia, de menor ou igual capacidade.

Na prática, o consumidor que atender aos critérios para participação receberá o bônus durante ou após a aquisição do novo equipamento. Ao substituir, por exemplo, um refrigerador antigo, ineficiente, por um novo de menor ou igual capacidade, o consumidor pode reduzir em até 30% a conta de energia. No caso do freezer, a substituição pode promover uma redução de até 35%. Para a lavadora de roupas, esse índice pode chegar a 10% e, para o ar condicionado, 23%. Vale destacar que cada consumidor terá direito à substituição de dois equipamentos por conta contrato. Ler mais…

Contratados deverão atuar em unidades da Fundac em Natal, Caicó e Mossoró

O Governo do Estado publicou na edição desta quarta-feira (29) do Diário Oficial dois editais de processos seletivos para contratação temporário de servidores (veja o edital 1 e o edital 2), que deverão atuar na Fundação Estadual da Criança e do Adolescente (Fundac), dentro de unidades educacionais em três municípios do RN. Ao todo, são oferecidos 386 vagas, para os cargos de agente educacional (nível médio), assistente social, psicólogo e pedagogo (todos de nível superior), além de auxiliar de serviços diversos e motorista (nível fundamental).

As inscrições para o processo seletivo deverão ser feitas entre os dias 6 e 16 de agosto, através do site da Fundação de Apoio à Educação e ao Desenvolvimento Tecnológico do RN (Funcern), no endereço www.funcern.br. Os valores para se inscrever variam de acordo com o nível do cargo escolhido (R$ 35 para nível fundamental, R$ 45 para nível médio, e R$ 58 para nível superior). Os candidatos que têm direito à isenção devem solicitar entre os dias 6 e 8 de agosto. Ler mais…

Alcaçuz teve a maior quantidades de fugas dentre os presídios do RN

Tribuna do Norte: O Ministério Público instaurou inquérito para esclarecer se houve facilitação em fugas nos presídios do Rio Grande do Norte em 2015. Após diversos casos que resultaram na saída de aproximadamente 80 detentos das unidades prisionais potiguares neste ano, o MP quer esclarecimento sobre o andamento de sindicâncias e a responsabilização dos servidores que porventura tenham colaborado com as saídas dos detentos.

Para instaurar o inquérito, o promotor Márcio Cardoso Santos argumentou que cabe ao MP o acompanhamento das atividades dos órgãos correcionais do quadro de pessoal penitenciário do Rio Grande do Norte, além de afirmar que também compete à Comissão Especial de Processo Administrativo (CEPA) a apuração de irregularidades e de infrações disciplinares envolvendo Agentes Penitenciários.

No primeiro momento, o MP quer informações sobre as sindicâncias, principalmente sobre a que apura a fuga de 32 presos da penitenciária estadual de Alcaçuz. Porém, o objetivo é ter informações acerca de todas as investigações que apuram responsabilidades nas fugas dos detentos, que foram constantes após as rebeliões que ocorrerem neste ano.

O promotor deu prazo de dez dias úteis para que Secretaria de Estado de Justiça e Cidadania (Sejuc) e a CEPA encaminhem informações sobre os procedimentos (sindicância e/ou processo administrativo disciplinar) que foram instaurados para apurar eventual irregularidade ou infração cometida por agentes penitenciários nas várias episódios de fugas ocorridas no ano, indicando o número e a sua atual fase.

450x100px

O Ministério Público Estadual, por seu Procurador-Geral de Justiça Adjunto, ofereceu denúncia perante o Poder Judiciário contra cinco gestores de municípios do Rio Grande do Norte que incorreram em crime por desobediência à requisição de informações pela Instituição. Não atenderam à requisição do MPRN, dificultando o ajuizamento de ação civil, e foram denunciados o prefeito de Governador Dix-Sept Rosado, Anaximandro Rodrigues Vale Costa, o prefeito de João Câmara, Ariosvaldo Targino de Araújo, o prefeito de Caraúbas, Ademar Ferreira da Silva, a prefeita de Areia Branca, Luana Pedrosa Bruno Moura, e o prefeito de Jandaíra, José Roberto de Souza.

As ações penais foram ajuizadas com base no ilícito penal tipificado no art. 10 da Lei nº 7.347/85, que dispõe sobre a desobediência à requisição do Ministério Público Estadual de dados indispensáveis ao ajuizamento de ações civis públicas. O tipo penal se sintoniza com importância do Ministério Público na defesa dos interesses da sociedade.

Em relação ao prefeito de Governador Dix-Sept Rosado, narra a denúncia que nos meses de julho, agosto, setembro e dezembro do ano passado, o gestor omitiu informações requisitadas pelo MPRN relativas a supostas fraudes em processo licitatório do município, destinado à contratação de empresa para manutenção de escolas da rede pública. Em todas as requisições não atendidas, o representante ministerial da comarca alertou o denunciado sobre a imprescindibilidade dos dados técnicos reclamados, sem os quais não poderia formar convicção acerca da necessidade de propositura da ação civil pertinente para a proteção do interesse público existente no caso.

Por sua vez, o prefeito de João Câmara, Ariosvaldo Targino de Araújo, foi denunciado pois no período de novembro de 2012 a março de 2015, na condição de chefe do executivo municipal, de forma intencional, omitiu dados indispensáveis à propositura de ação, requisitados pela 1ª Promotoria de Justiça daquela Comarca. O inquérito civil nº 06.2012.00003617-8 apurava a falta de implantação de política e plano de saneamento básico no município. Ler mais…

 Como parte da Operação Flipinha, autores convidados participam de encontro com alunos de escolas públicas durante visita à Escola Municipal Domingos Gonçalves de Abreu em Paraty (Tânia Rêgo/Agência Brasil)Brasil terá que aumentar em até três vezes o valor investido por aluno na rede pública para garantir uma educação com padrões mínimos de qualidade, informou a Campanha Nacional pelo Direito à Educação, rede que reúne mais de 200 organizações. Esse cálculo significa R$ 37 bilhões a mais no sistema educacional público, que engloba 40,7 milhões de matrículas.

A etapa educacional que mais necessita de investimentos é a creche, que atende a crianças de até 3 anos de idade. O valor ideal seria R$ 10 mil por aluno para o atendimento em tempo integral. Atualmente, segundo os dados divulgados pela Campanha, são gastos R$ 3,3 mil, com base nos valores do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais de Educação (Fundeb).

O investimento calculado pela Campanha corresponde ao Custo Aluno-Qualidade inicial (CAQi), instrumento criado pela própria organização e incorporado ao Plano Nacional de Educação (PNE). O CAQi define quanto cada aluno precisa para ter acesso a uma educação com um padrão mínimo de qualidade. Entram no cálculo recursos para infraestrutura, materiais e equipamentos, além do salário dos professores. Ler mais…

O Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN), através da Procuradoria Geral de Justiça, Promotoria de Justiça da Comarca de Umarizal, do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (GAECO), e do Grupo de Atuação Regional de Defesa do Patrimônio Público (GARPP), com apoio da Polícia Civil, deflagrou na manhã desta quarta-feira (29), a Operação NEGOCIATA, destinada a desarticular associação de pessoas formada com o intuito de fraudar e desviar dinheiro através do Termo de Convênio celebrado entre a Prefeitura Municipal de Umarizal e o Banco Gerador S.A, objetivando a concessão de empréstimos consignados e financiamentos aos servidores ativos e inativos.

Participam da operação 17 Promotores de Justiça, delegados e agentes de Polícia Civil no cumprimento dos mandados de afastamento da função pública (1), de busca e apreensão (15), prisão preventiva (6) e conduções coercitivas (3). Tais ordens foram expedidas pelo Tribunal de Justiça e pelo Juízo da Comarca de Umarizal, os quais estão sendo cumpridos nas cidades de Umarizal, Martins, Natal e Parnamirim.

Em função do seu envolvimento direto nos fatos, e a pedido do Procurador-Geral de Justiça, Rinaldo Reis, o prefeito Carlindson Onofre Pereira de Melo foi afastado do exercício do mandato pelo Tribunal de Justiça, na forma de decisão proferida pelo Desembargador Expedido Ferreira, estando em curso, igualmente, ordens de busca e apreensão em sua residência e no seu gabinete na sede da Prefeitura.

No curso da investigação, restou evidenciada a existência de um “esquema” de desvio de dinheiro através do Termo de Convênio celebrado entre a Prefeitura Municipal de Umarizal e o Banco Gerador S.A, para a concessão de empréstimos consignados e financiamentos aos servidores ativos e inativos daquela edilidade, pelo qual foram firmados 109 empréstimos dessa natureza na Prefeitura de Umarizal, sendo liberado nas contas dos interessados o valor total de R$ 1.571.792,33, o que gerou um saldo devedor aproximado de R$ 2.043.625,34 atualizado até o ano de 2014.

Entretanto, dos 109 beneficiários dos empréstimos, 98 sequer fazem parte do quadro de servidores públicos do Município de Umarizal. Tais empréstimos tiveram início no ano de 2010, na gestão do ex-prefeito e um dos investigados, e prosseguiu, até meados do ano de 2013, portanto, no início da gestão do atual prefeito.

Saiba mais AQUI.

Logomarca Madrecitta

O ministro da Saúde, Arthur Chioro, disse nessa terça-feira (28) que o governo vai se esforçar ao máximo para derrubar a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 451. Segundo ele, o texto favorece interesses econômicos contrários aos da maioria da sociedade brasileira. A PEC, que obriga empregadores a pagar planos de saúde a todos os empregados, é de autoria do presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ) e está na Comissão de Constituição e Justiça.

“Nós lutaremos com toda força para que a PEC 451, que faz um verdadeiro retrocesso em relação às conquistas que nós tivemos, ao afirmar que a saúde é um direito de todos e dever do Estado, acabando com a figura do indigente na área da saúde, não passe [no Congresso Nacional]”, disse Chioro, durante a abertura do 11º Congresso Brasileiro de Saúde Coletiva, ontem (28). Ele ressaltou que o governo vai mobilizar todas as forças para que a proposta não passe na Câmara.

O projeto de Cunha altera o Artigo 7º da Constituição Federal, obrigando os empregadores a pagar planos de saúde privados a todos funcionários, urbanos, rurais, domésticos ou não. Para justificar a proposta, o autor usa o artigo da constituição que diz que a saúde é direito de todos. Ler mais…

A COSERN INFORMA QUE PARA FAZER A AMPLIAÇÃO E O MELHORAMENTO DA REDE IRÁ SUSPENDER O FORNECIMENTO DE ENERGIA NO DOMINGO 2 NO CENTRO NA RUA DONA EMÍLIA E ADJACÊNCIAS NO PERÍODO DE OITO HORAS DA MANHÃ ATÉ UMA HORA DA TARDE NO MUNICÍPIO DE MACAÍBA.

CASO O SERVIÇO SEJA CONCLUÍDO ANTES DO HORÁRIO PREVISTO A REDE SERÁ ENERGIZADA SEM QUALQUER OUTRO AVISO.

MAIS INFORMAÇÕES PELO TELEFONE 116.

IMG-20150413-WA0024

Polícia Federal cumpriu mandados de busca e apreensão na Secretaria de Assistência Social de Maxaranguape

A Polícia Federal deflagrou na madrugada desta quarta-feira (29) a Operação Ozius, com objetivo de combater desvios dos programas Bolsa Família e PET (Programa de Educação Tutorial), ambos do Governo Federal, em dois municípios do Rio Grande do Norte.

De acordo com a PF, foram cumpridos mandados de busca e apreensão nas cidades de Maxaranguape e Natal, sendo a maior parte no primeiro município citado.

Segundo o delegado Rubens França, da Polícia Federal, servidores públicos e terceirizados à serviço da Prefeitura que realizavam o cadastro no programa social ficavam com os dados cadastrais dos beneficiários. Com isso, os membros da organização tinham acesso aos recursos do Bolsa Família.

“Temos a informação preliminar de que o grupo atuava pelo menos desde 2012 só no Bolsa Família. O que estamos investigando e se outros programas do Governo Federal também foram fraudados pelos investigados”, explicou ele. Ler mais…

45791577f2315c31cfca8f994fde6ca7

Os agentes de saúde de Macaíba deflagraram greve no município, devido ao descumprimento de compromissos trabalhistas pela Prefeitura da cidade. De acordo com os agentes, o salário de R$1.014,00 é repassado pelo Governo Federal, mas o Município se nega a cumprir outras atribuições.

Os servidores, que reduziram o efetivo de funcionamento para 30% desde o dia 6 de julho, reivindicam reajuste salarial com base na inflação, pagamento do PMAQ, do incentivo de final do ano e também auxílio transporte.

Portal no Ar

unnamed

O site acaba de ser informado que o Instituto Item de Pesquisas Técnicas esteve em Macaíba no dia 22 do corrente mês e  colheu informações sobre a gestão municipal, estadual, federal e avaliando a sucessão da cidade em 2016.

A empresa colheu informações em 50 comunidades rurais e urbanas no município.

Hoje (28) a empresa começou a colher informações na cidade de Ceará Mirim.

G1 RN: O Conselho de Administração (Consad) da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) aprovou a abertura de concurso público para vagas de técnico-administrativos. A proposta de edital prevê 41 vagas, além de formação de cadastro de reserva, com oportunidades para todos os níveis de escolaridade.

De acordo com a relatora Mirian Dantas dos Santos, a Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas (Progesp) trabalha com a perspectiva das seguintes datas: publicação do edital no dia 10 de agosto; inscrições no período de 24 de agosto a 14 de setembro; aplicação das provas na data de 11 de outubro. A organizadora do processo seletivo será a Comperve.

Entre as novidades, a também pró-reitora de Gestão de Pessoas Mirian Dantas salientou que a Universidade oferecerá, pela primeira vez, vagas para tecnólogo em ciência e tecnologia e revisor de texto em Braille. Neste último caso, é pré-requisito que o candidato seja deficiente visual.

O último edital para concurso de técnico-administrativo que a UFRN realizou foi publicado em 2014 e homologado em janeiro de 2015. Na ocasião, foram abertas 31 vagas para preenchimento imediato.

O governador Robinson Faria reuniu o grupo de trabalho responsável pelas negociações para renovação do Programa de Incentivo às Indústrias por meio do gás natural, nesta terça-feira, 28, na secretaria de Planejamento e Finanças. O chefe do executivo determinou a continuidade do benefício mesmo com o fim do contrato prorrogado pela Petrobras até 31 de julho. “O Estado vai aperfeiçoar o formato de subsídio de gás no Estado, tornando-se mais sustentável, mais responsável e que seja ainda mais atrativo para novas indústrias. Continuaremos a ser o único Estado a fornecer esse tipo de subsídio no país e nossa intenção é melhorar as condições para que novas indústrias se instalem, fomentando emprego e renda para a população”, explicou o chefe de Estado, Robinson Faria.

As negociações com a Petrobras começaram em 21 de janeiro. O Progás venceu em 30 de abril, sendo prorrogado por mais 90 dias para permitir a continuidade das negociações. Em seis meses foram realizadas 14 reuniões para discussão de propostas e tratamento da dívida cobrada pela estatal de R$ 190 milhões, gerada até 31 de dezembro de 2014. A atual gestão tem feito os pagamentos regularmente a Petrobras. As Secretarias de Planejamento e Finanças e da Tributação estão encarregadas de apresentar o novo regulamento definindo os critérios adotados para o fornecimento do volume subsidiado a cada indústria que passará a valer a partir de 01 de agosto.

O Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) anunciou, nesta terça-feira (28), medidas de cortes e redução de despesas. De acordo com o procurador-geral de Justiça, Rinaldo Reis, a necessidade de um contingenciamento reflete a situação de não-crescimento da receita corrente líquida do Estado, que vem impactando os gastos com pessoal da instituição.

Entre as medidas para diminuição dos gastos estão os cortes em projetos e despesas como o MP Ativo, gestão documental, compra de imóveis, modernização administrativa; a redução de despesas em projetos de construção e reforma, contratos de terceirização, qualificação funcional, perícias, diárias e gratificações do Núcleo Volante; cancelamento de eventos, como a Semana do MP e Encontros Regionais, aquisição de softwares, consultoria em TI, licenças de uso, equipamentos de informática; adequações e aperfeiçoamentos na gestão, como reprografia, central de contínuos, central de transportes, redução do consumo de energia elétrica, telefonia, água, etc; e redução significativa (de 92%) no pagamento de direitos financeiros de exercícios anteriores para membros.

Segundo o MPRN, a redução de custos vem acontecendo desde o início do ano, já que há uma diferença de mais de R$ 40 milhões entre o orçamento proposto para 2015 e o que foi aprovado pela Lei Orçamentária.

A RN 160 no trecho entre o posto de saúde Anita Garibaldi e o Campus Macaíba (Escola Agrícola de Jundiaí) está em péssimas condições de tráfego. Sem manutenção há mais de 3 anos, a rodovia que liga Macaíba a outras cidades como Vera Cruz e Lagoa Salgada não passou por reparos e hoje é uma via que coloca em risco a vida dos condutores de veículos que circulam por essa trecho. Então fica o alerta, em frente da Escola Agrícola existe muitos buracos e acidentes podem ser causados com facilidade.

Do Macaíba no Ar

55b7dfe006bc4893980283

Em evento realizado hoje (28) no Fórum de Macaíba, Prefeitura de Macaíba e Ministério Público (MP) definiram uma parceria que irá atuar na prevenção e combate à violência contra a mulher. Representantes das secretarias de Saúde, Educação e Trabalho e Assistência Social, das polícias militar e civil e da 4ª Promotoria de Justiça de Macaíba estiveram presentes no encontro, que contou com palestras ministradas por Jackeline Leite e Ildérica Castro (respectivamente psicóloga e assistente social do Núcleo de Apoio à Mulher Vítima da Violência Doméstica e Familiar); e Drª Danielle de Carvalho Fernandes (4ª Promotoria de Justiça).

Com a parceria, diversos profissionais da Secretaria Municipal de Trabalho e Assistência Social (SEMTAS) irão atuar com o MP no trabalho de combate à violência contra a mulher. Serão formados grupos de reflexões com homens agressores que passaram pela justiça para que eles sejam educados sobre o tema. Haverá um total de 10 encontros com eles. A previsão inicial é que sejam formados 03 grupos. A participação nesses encontros é um fator condicionante para redução ou extinção da pena, dependendo da situação.

Ainda com relação ao tema, quem sofrer ou presenciar algum caso de violência contra a mulher, pode ligar para o número 3271-1423 (Centro de Referência Especializado de Assistência Social [CREAS]). Assim, o caso será acompanhado e encaminhado para a rede de políticas públicas do município referente à questão. Na ocasião de hoje, a equipe da SEMTAS destacou a sensibilidade da gestão municipal em focar um tema tão atual e recorrente nos dias de hoje que é o combate à violência contra a mulher (violência de gênero).

ASSECOM-PMM

O Governo do Estado libera o pagamento dos servidores estaduais nos dias 30 e 31 de julho. Os aposentados e pensionistas receberão no dia 30 e, na sequência, os salários dos ativos serão depositados. É importante ressaltar que, por determinação do governador Robinson Faria, todos os 26 municípios da região Seridó já receberam seus vencimentos na semana passada, véspera da tradicional festa de Sant´Ana. O adiantamento injetou mais de R$ 20 milhões na economia seridoense em meio aos festejos populares.

O secretário da Seplan Gustavo Nogueira afirma que mesmo com o cenário macroeconômico ainda extremamente delicado somado às sucessivas frustrações nas transferências federais quando comparado ao que foi orçado, o Governo tem conseguido honrar seus compromissos porque a política de ajuste fiscal iniciada nas primeiras semanas da gestão tem obtido sucesso. “Temos empreendido todos os esforços para pagar o servidor público dentro do mês trabalhado e honrar os demais compromissos. A economia do país continua penalizando os Estados menores que dependem das transferências federais, mas temos tido êxito na política de contingenciamento e cortes que adotamos. Continuaremos em busca do equilíbrio fiscal das contas públicas e torcendo para que, em nível federal, o país volte a crescer e melhore a economia dos estados”, afirmou o secretário.

Medalha Paulo Freire

A Ação Cultural EJA para a liberdade, desenvolvido pelo setor pedagógico da Secretaria Municipal de Educação de Macaíba, estará concorrendo à Medalha Paulo Freire, da SECADI/MEC.

A concessão da Medalha Paulo Freire tem como objetivo identificar, reconhecer e estimular experiências educacionais relevantes para a alfabetização e educação de jovens e adultos (EJA) no Brasil que proponham inovação metodológica ou curricular e articulem a continuidade dos estudos, a interface com o mundo do trabalho, dentre outras possibilidades temáticas na perspectiva da educação e aprendizagem ao longo da vida.

Mais informações: http://medalhapaulofreire.mec.gov.br/