Polícia Arquivo

G1 RN – Um lutador de artes marciais de 41 anos foi morto a tiros no final da noite desta terça-feira (15) dentro de um bar no conjunto cidade Satélite, na Zona Sul de Natal. Ainda não há pistas dos assassinos nem da motivação do crime.

Segundo a Polícia Militar, George Luiz da Silva estava em uma mesa do lado de fora do bar quando um carro se aproximou com três pessoas dentro. Sem descer do veículo, eles atiraram no lutador. O bar fica na esquina da Avenida dos Xavantes com a Rua Mogi Guaçu. O lutador ainda tentou correr, mas não conseguiu escapar.

Após os disparos, os assassinos fugiram. A PM ainda disse que o pai e um irmão de George foram ao bar assim que souberam do homicídio, mas não tinham suspeitas para a motivação do assassinato.

Buscas ainda foram feitas pela região, mas nenhum suspeito foi encontrado. O crime será investigado pela Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

Uma ação da Delegacia da Especializada em Proteção ao Meio Ambiente (Deprema) resultou no resgate de 40 gatos que eram mantidos amarrados e sofrendo maus-tratos, por dois irmãos idosos, uma mulher de 63 anos e um homem de 62 anos, em uma casa localizada no bairro Nazaré, em Natal. A Polícia Civil chegou até o local, após ter recebido denúncias.

“A condição do local onde os gatos estavam sendo mantidos é de muita insalubridade. Os animais estavam sendo amarrados por cordas curtas, de apenas 50 cm de comprimento. Algumas dessas cordas não saem mais do pescoço de alguns animais e eles provavelmente precisarão passar por cirurgia. Além disso, o local é infestado por centenas de baratas”, afirmou Amora Brayan, que mantém um espaço para cuidar de animais.

A Deprema ainda fará uma avaliação sobre a conduta dos idosos. Entre os animais resgatados alguns foram encaminhados para clínicas e outros seguiram para o Lar Temporário Amora Brayan.

PC/ASSECOM

Um cabo da Polícia Militar aposentado morreu na noite neste domingo (13) após ser atingido por três tiros na calçada de uma lanchonete. Cícero Melo Geminiano, de 55 anos, estava ao lado da mulher dele quando foi baleado. Ele ainda foi socorrido, mas não resistiu aos ferimentos.

Segundo a PM, o assassino se aproximou do casal e disse ao policial: ‘perdeu, perdeu’. Em seguida, atirou três vezes. A mulher não foi baleada.

Cícero foi atingido no rosto, no pescoço e no tórax. Ele ainda foi socorrido para a Unidade de Pronto Atendimento, e em seguida para o Hospital Regional Tarcísio Maia, mas não resistiu aos ferimentos.

Ainda de acordo com a PM, Cícero ainda sacou sua arma na tentativa de se defender, mas não deu tempo de atirar no bandido. O assassino fugiu sem levar nada.

G1 RN

Foto: Halisson Ferreira/SVM

Criminosos derrubaram uma torre de transmissão de energia e explodiram uma bomba em uma concessionária de veículos no 11º dia seguido da onda de violência no Ceará. A ação contra a torre ocorreu na madrugada deste sábado (12), em Maracanaú, na Grande Fortaleza. Já o ataque à concessionária foi registrado nesta manhã, na capital.

A onda de violência no estado chegou ao 11º dia seguido com 194 ataques confirmados em 43 municípios. O Ministério da Justiça confirmou que, desde o início da sequência de crimes, 35 membros de facções criminosas foram transferidos para presídios federais.

De acordo com a Polícia Militar, nesta madrugada, parte da base de uma torre de transmissão no município de Maracanaú foi explodida e o equipamento caiu. Fios de energia ficaram espalhados na via próxima ao local, que está isolado por equipes policiais. Policiais contam com apoio de um helicóptero na busca dos suspeitos e para prevenir novos ataques.

Por conta do ataque, foram registrados relatos em redes sociais de queda e oscilação de energia em bairros de Fortaleza e cidades da Região Metropolitana como Cascavel, Eusébio, Maranguape, Itaitinga e Maracanaú. O G1 esteve no local e também constatou problemas no fornecimento. Ler mais…

O governador do Ceará, Camilo Santana, anunciou na tarde de hoje (11) uma série de medidas para tentar pôr fim à onda de violência que atinge o estado há quase 10 dias. Integrantes de facções criminosas têm promovido ataques violentos contra órgãos públicos, estabelecimentos comerciais e veículos, além de tentativa de explosão de pontes e viadutos.

O estado não informa publicamente o número de ocorrências, mas estima-se que, desde o último dia 2, mais de 150 atos criminosos tenham sido notificados.

Entre as medidas anunciadas pelo governador, em um vídeo postado em uma rede social, está o envio de um projeto criando a chamada Lei da Recompensa, que prevê o pagamento em dinheiro, pelo estado, por informações que sejam prestadas pela população à polícia e resultem na prevenção de atos criminosos e prisão dos envolvidos em tais ações.

O governo também pretende convocar policiais militares que estão na reserva para compor as tropas que atuam no combate ao crime. Outra medida deve ser o aumento na quantidade de horas extras que podem ser pagas a policiais civis e militares, além de bombeiros, para aumentar o efetivo nas ruas. Ler mais…

PC/ASSECOM

Na manhã desta sexta-feira (11), policiais militares receberam um chamado para atender uma ocorrência de roubo que estava acontecendo em uma residência no bairro de Candelária e conseguiram prender em flagrante três homens e um quarto integrante que reagiu à prisão atirando contra os policiais, veio a óbito. Entre o grupo criminoso, dois deles envolvidos no latrocínio do policial militar Melqui Djaci.

Investigações realizadas Comissão Especial da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) da Polícia Civil, criada para elucidar homicídios contra agentes de segurança, apontam que o homem que morreu no confronto chamado Mateus Yang Fernandes Ovídio, 19 anos, foi o responsável por atirar e matar o cabo da Polícia Militar, Melqui Djaci Rodrigues, 41 anos, morto no dia 08 de junho de 2018, na Avenida Caboclinhos, bairro Lagoa Azul, Zona Norte de Natal. No mesmo do crime, um dos envolvidos no latrocínio do policial militar, Juscelino Freitas Adriano, que foi o motorista que deu apoio aos investigados, veio a óbito no mesmo dia da ação criminosa. Alex Felipe Nascimento de Lima, 21 anos, também teria participado do latrocínio do policial militar, dando apoio ao grupo e foi preso nesta sexta-feira (11).

Roubo em Candelária – A Polícia Militar conseguiu prender em flagrante Jadson Martins dos Santos, 22 anos; Deyvison Diego do Nascimento Barbosa, 26 anos e Alex Felipe Nascimento de Lima, 21 anos, quando tentavam roubar uma casa no bairro de Candelária. Um quarto integrante Matheus Yang Fernandes Ovídio, 19 anos, estava armado com uma arma calibre 12 de fabricação caseira. Ele reagiu a ação dos policiais militares, foi socorrido, mas veio a óbito

Foto: Kleber Teixeira/Inter TV Cabugi

Após abrirem um buraco na parede, criminosos invadiram uma farmácia e usaram um maçarico para arrombar um caixa de banco em Nova Parnamirim, em Parnamirim, cidade da Grande Natal. O crime aconteceu na madrugada desta segunda-feira (7). Segundo a PM, o dinheiro não foi levado.

A farmácia arrombada fica na Av. Maria Lacerda Montenegro, uma das mais movimentadas na região. Segundo a Polícia Militar, não há informações de quantos criminosos participaram da ação.

Apesar do estrago no terminal, que ficou parcialmente destruído, a PM contou que os bandidos não conseguiram violar o compartimento das cédulas. O maçarico e um cilindro foram deixados dentro da farmácia.

Esta foi a segunda tentativa, em menos de suas semanas, que os criminosos tentaram saquear o dinheiro deste mesmo terminal.

G1 RN

Foto: PF-RN/Divulgação

A Polícia Federal prendeu em flagrante nesta sexta-feira (4), em uma agência da Caixa Econômica Federal na Zona Sul de Natal, um jovem de 21 anos suspeito de estelionato.

Segundo a PM, o rapaz procurou a agência para fazer saque e transferência de dinheiro. Porém, ao conferir a documentação apresentada pelo suspeito, os funcionários perceberam que o montante depositado era proveniente de uma fraude referente ao recebimento de precatório no valor total de R$ 81,5 mil.

A vítima, ainda de acordo com a PM, havia sido o verdadeiro titular, que reside na cidade de Candeias, na Bahia, Acionados, policiais federais foram até a agência e deram voz de prisão ao jovem.

O suspeito foi levado para autuação na superintendência da PF, no bairro de Lagoa Nova, onde ele preferiu ficar em silêncio. Ler mais…

Foto: PM/Divulgação

Um soldado do Batalhão de Choque da Polícia Militar foi baleado na manhã desta sexta-feira (4) ao sofrer uma tentativa de assalto no conjunto Parque dos Coqueiros, na Zona Norte de Natal. O soldado reagiu ao ser abordado por dois homens que se aproximaram em uma motocicleta e houve troca de tiros. Um dos bandidos morreu. O outro, ferido, foi socorrido.

Segundo o oficial de serviço do BPChoque, o soldado não estava fardado, e caminhava pela Rua dos Esportes quando foi surpreendido pelos assaltantes.

O assaltante ferido foi socorrido para a Unidade de Pronto Atendimento do bairro Potengi. Não há informações sobre o estado de saúde dele.

Já o PM, que foi atingido na região das costelas, foi levado consciente para o Hospital Santa Catarina. O estado de saúde dele é considerado estável. Ler mais…

G1 RN – Uma mulher e dois filhos foram assassinados a tiros de espingarda na madrugada desta quinta-feira (3) no bairro Bom Pastor, na Zona Oeste de Natal. Ninguém foi preso.

O triplo homicídio aconteceu por volta das 2h, dentro de uma casa na rua Castelo Branco, perto do cemitério Bom Pastor II.

Segundo a Polícia Militar, a mãe foi identificada como Sônia Suely Dias da Silva, de 41 anos. Já os filhos, são Mislaine Dias Marinho, de 21 anos, e Diego Silva dos Santos, de 15. Os três, ainda de acordo com a PM, foram baleados na cabeça, o que caracteriza crime de execução.

A polícia ainda não tem pistas dos assassinos nem da motivação do crime.
O caso será investigado pela Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

Foto: Reprodução/ TV Gazeta/ Divulgação

O ex-governador do Espírito Santo Gerson Camata, de 77 anos, foi assassinado na tarde desta quarta-feira na Praia do Canto, em Vitória. O crime ocorreu em frente a um restaurante. Segundo informações iniciais da Polícia Militar, o ex-governador foi morto a tiros. O Samu chegou a ser acionado, mas Camata não resistiu aos ferimentos. O suspeito foi preso.

Camata foi governador do Espírito Santo entre 1982 e 1986, exerceu três mandatos como senador, de 1987 até 2011. Ele ainda foi vereador de Vitória, deputado estadual e deputado federal.

A Polícia Militar confirmou que Camata morreu no local. O autor dos disparos fugiu após cometer o crime, mas foi preso logo depois e presta esclarecimentos no Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

Com informações do G1

Foto: Reprodução/Redes Sociais

G1 RN – Um policial militar foi morto no final da tarde desta sexta-feira (21), em São Gonçalo do Amarante, na Grande Natal. O soldado João Maria Figueiredo foi assassinado por dois homens que levaram a pistola dele.

De acordo com a polícia, Figueiredo passava na motocicleta em uma ladeira próxima a um motel, que fica à margem da estrada do Aeroporto Internacional Aluízio Alves, quando foi abordado pelos criminosos. Os dois chegaram a pé.

Os bandidos atiraram e acertaram o ombro de João Maria Figueiredo. Ele tentou correr, mas foi atingido por mais disparos. O policial morreu no local e os criminosos levaram a pistola do PM, de acordo com a Polícia Militar.

Foto: Redes sociais

Quadrilhas especializadas em ataques a bancos voltaram a agir no interior do Rio Grande do Norte. Com dinamite, terminais foram explodidos em agências nas cidades de Touros, no litoral Norte do estado, e em Serra Caiada, na região Agreste. Em Natal, na Ribeira, bandidos usaram um maçarico para violar um caixa do Banco do Brasil que fica na Av. Duque de Caxias. Ninguém foi preso.

Touros

Em Touros, a 90 quilômetros da capital, a madrugada foi de terror. Moradores contaram que a ação criminosa começou por volta das 3h30, quando bandidos chegaram à cidade em dois carros. Tiros foram disparados contra a base da Polícia Militar.

As agências atacadas foram do Banco do Brasil, no centro, e da Caixa Econômica Federal, que fica perto do hospital. Há relatos que um vigia de rua e uma enfermeira do hospital foram feitos reféns durante os ataques, mas logo em seguida foram liberados sem ferimentos.

Serra Caiada

Em Serra Caiada o alvo foi a agência do Bradesco, onde os criminosos também usaram dinamite para explodir o caixa. A cidade fica a cerca de 80 quilômetros de Natal.

Um morador da cidade informou que os bandidos chegaram por volta das 2h e fizeram de reféns algumas pessoas que estavam na rua. Após a explosão, A PM ainda fez buscas pelos criminosos, mas não encontrou nenhum suspeito. Ler mais…

Um assaltante morreu em confronto com a polícia e outros três acabaram presos após praticarem um sequestro relâmpago e um arrastão na casa da vítima, no conjunto satélite, zona Sul de Natal na noite deste sábado (01). De acordo com a Polícia Militar a ação da quadrilha começou na rua Santa Adélia, no bairro Planalto quando renderam um homem em um carro e o obrigaram a dirigir para ela.

Ainda segundo informações da polícia os assaltantes foram até a casa da vítima, no conjunto Satélite realizaram um arrastão, deixando a filha do morador presa em um dos cômodos, em seguida, se dirigiram ao bairro Cidade da Esperança, onde ocorreu o primeiro confronto com policiais do 9°BPM. Durante a fuga o carro com a vítima e os assaltantes foi interceptados por uma equipe da Rocam na avenida Engenheiro João Hélio.

Os policiais que participaram da ocorrência afirmaram ainda a reportagem do PortalBO que um dos envolvidos nos crimes saiu do carro atirando em direção as guarnições, quando houve o confronto. O assaltante identificado como Wagner Martins Xavier, de 18 anos foi atingido e socorrido, mas não resistiu aos ferimentos. Um adolescente de 17 anos acabou apreendido e outros dois maiores, identificados como Gabriel Silva da Costa, de 23 anos e Alan Nascimento, de 21 que participaram do sequestro e do roubo foram presos.

Todo o material roubado da vítima, assim como as armas usadas pela quadrilha foram apreendidos.

Portal BO

Um garoto de 4 anos de idade morreu nesta quarta-feira (28) após ser espancado e estuprado por um adolescente de 16 anos, que era namorado da mãe dele. A irmã do menino, uma criança de 2 anos, também foi espancada e permanece internada no hospital. O caso aconteceu no interior do Rio Grande do Norte.

O adolescente foi apreendido e, quando ouvido pelos policiais, confirmou tanto os espancamentos quanto o abuso. Ele está apreendido no Centro Integrado de Atendimento ao Adolescente Infrator (Ciad), na Cidade da Esperança, Zona Oeste de Natal. O inquérito é conduzido pela Delegacia Especial Defesa Criança e Adolescente (DCA) de Natal.

De acordo com a polícia, ele primeiro agrediu a menina, a filha mais nova de sua namorada de 21 anos. Quando a mãe saiu para a capital para procurar atendimento médico para a garota, o adolescente então abusou sexualmente e espancou o garoto de 4 anos.

O casal de irmãos foi internado no Hospital Monsenhor Walfredo Gurgel, na Zona Leste de Natal. No final da tarde desta quarta (28), a unidade confirmou a morte cerebral do garoto. A menina segue hospitalizada.

G1 RN

Foto: Redes Sociais

Cinco homens morreram depois de trocar tiros com a Polícia Militar em uma rua entre Parnamirim e Macaíba, na Grande Natal, na tarde desta quarta-feira (21). Nenhum policial se feriu na ação.

De acordo com a PM, o grupo assaltou duas farmácias, sendo uma em Nova Parnamirim e a outra no bairro Cohabinal. Em seguida, os cinco fugiram em dois carros.

Já próximo ao local onde aconteceu o tiroteio, eles abandonaram um dos automóveis, um Sandero, que tem queixa de roubo. A quadrilha seguiu em um Honda Civic preto, também roubado. Ao fim da operação, os policiais militares encontraram dentro do veículo dois revólveres calibre 38 e duas espingardas calibre 12. Nos bolsos dos suspeitos, o dinheiro e alguns pertences levados nos assaltos.

G1 RN

Foto: Michelle Rincon/Inter TV Cabugi

G1 RN – Terminais de autoatendimento da Caixa Econômica Federal foram explodidos na madrugada deste domingo (18) dentro de uma galeria comercial na Av. Deodoro da Fonseca, na Zona Leste de Natal. A explosão causou destruição no local e danificou lojas vizinhas.

Segundo a PM, o crime aconteceu por volta das 2h30. Moradores da região acordaram assustados com o barulho da explosão e ligaram para o 190. Alguns disseram que viram cinco homens em um Fiat Uno de cor branca em fuga logo após terem ouvido três explosões e vários disparos de arma de fogo. Também houve relatos de que os criminosos fugiram em quatro carros, sendo um deles um táxi. E ainda houve um homem que contou que bandidos encapuzados e de armas longas escaparam em um Gol preto.

A Galeria Solar Cidade Alta fica em frente ao supermercado Nordestão. Não há informações se os bandidos levaram o dinheiro do terminal.

Foto: Arquivo da família

G1 RN – Um menino de 1 ano e meio morreu ao levar um tiro na cabeça na noite deste domingo (4) em Mossoró, cidade da região Oeste potiguar. Pai e mãe estavam com a criança em uma praça, na frente de casa, quando foram atacados por três homens armados. Os pais também foram baleados. Ninguém foi preso.

Segundo a Polícia Militar, o atentado aconteceu por volta das 20h30, no bairro Malvinas. Três homens chegaram em motocicletas e fizeram os disparos contra a família. Os criminosos fugiram em seguida. O pai da criança seria o alvo do atentado.

Anthony Calleb Bezerra da Silva ainda foi socorrido por familiares para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Alto de São Manoel, mas não resistiu. A mãe, de 20 anos, e o pai do menino, que tem 23, foram levados para o Hospital Regional Tarcísio Maia. Ela, de acordo com a PM, permanece internada em estado grave.

Foto: Tom Guedes/Inter TV Cabugi

Um cabo da Polícia Militar morreu em um acidente envolvendo três motocicletas, na avenida João Medeiros Filho, Zona Norte da capital potiguar. O caso aconteceu na tarde desta sexta-feira (2), por volta de 13h50. Segundo testemunhas, a vítima pilotava uma moto e bateu em outra que tentava atravessar a via. Uma terceira moto bateu no veículo do policial, que já estava no chão.

A vítima foi identificada como o cabo Fernando dos Santos Silva, que era lotado no Centro de Formação e Aperfeiçoamento da Polícia Militar (CFAPM).

Segundo o sargento Gerailton Paiva, do Comando de Policiamento Rodoviário Estadual (CPRE), as testemunhas relataram que uma motocicleta que seguia pela avenida no sentido da Redinha para Igapó, na faixa da direita, fez uma manobra para atravessar a pista pelo canteiro.

O policial, que vinha atrás, tentou parar ou desviar do veículo, mas não conseguiu. Ele acabou colidindo, sendo arrastado e arremessado contra um poste. Fernando não resistiu e morreu na hora.

O outro piloto, um homem de 55 anos, teve fratura exposta na mão esquerda e uma lesão na perna. Ele foi socorrido ao Pronto Socorro Clóvis Sarinho, onde aguardava exames e, possivelmente, uma cirurgia, na tarde desta sexta-feira (2).

Uma terceira moto também não conseguiu desviar e bateu na moto do policial. Apesar da queda, o piloto teve apenas ferimentos leves e não precisou ser levado ao hospital.

O Itep foi ao local do acidente para recolher o corpo do cabo Fernando e fazer a perícia.

G1 RN

Foto: Arquivo da família

G1 RN – Uma funcionária pública foi assassinada a facadas na madrugada desta terça-feira (16) em Olho D’Água do Borges, município da região Oeste potiguar. Maria do Socorro Ferreira Oliveira tinha 50 anos. Ela trabalhava na prefeitura da cidade. O principal suspeito do crime é o marido dela, que fugiu e está sendo procurado.

Segundo o delegado Pedro Nilo, a mulher foi morta dentro de casa, após uma discussão com o marido. Ainda de acordo com o delegado, o homem estaria alcoolizado.

A residência fica na Rua Manoel Claudino, no centro da cidade.

Foto: PF-RN/Divulgação

A Polícia Federal deflagrou nesta terça-feira (16) uma operação de combate ao tráfico de drogas e lavagem de dinheiro no Rio Grande do Norte. A ação, que foi denominada ‘Narco Trucks’, contou com o apoio de policiais militares do Batalhão de Operações Policiais Especiais (BOPE).

Segundo a PF, 20 mandados judiciais de busca e apreensão e 13 mandados de prisão preventiva, além de medidas de sequestro de bens e bloqueios de contas dos suspeitos, foram cumpridos nas cidades de Natal, São José de Mipibu, Tibau do Sul, Parnamirim, Macaíba, Brejinho e Baía Formosa.

As investigações tiveram início em 2017, quando a Polícia Federal apreendeu, na zona rural de Macaíba, na Grande Natal, aproximadamente 30 quilos de cocaína, além de rascunhos e documentos da contabilidade de traficantes detidos na ocasião.

As investigações apontam que o principal alvo preso na operação seria chefe de um grupo criminoso com atuação no Paço da Pátria, e apontado como fornecedor de drogas da facção Sindicato do Crime do RN.

Durante o cumprimento dos mandados, a PF também prendeu um investigado acusado de tráfico que fornecia drogas para Natal e outros municípios, como São José do Mipibu, Brejinho e Tibau do Sul, além de ser um dos principais abastecedores de cocaína da praia de Pipa, no Litoral Sul Potiguar.

Os presos estão sendo indiciados e vão responder pelos crimes de tráfico de entorpecentes, lavagem de capitais e organização criminosa, cujas penas máximas, somadas, podem alcançar até 33 anos de reclusão.

G1 RN

Foto: Acson Freitas/Inter TV Cabugi

Um jovem foi espancado até a morte após atropelar e matar uma criança de 1 ano e 4 meses no bairro Nazaré, em Natal, na noite de sexta (12).

De acordo com a Polícia Civil, o motociclista – identificado como Mateus Miranda do Nascimento, de 18 anos – estava empinando a moto pela Avenida Lima e Silva quando, próximo à Travessa Vila Viana, perdeu o controle do veículo e atropelou a criança. Kauan Henrique estava com a mãe no momento do acidente e morreu na hora.

Ainda segundo informações da polícia, o motociclista tentou fugir do local do acidente correndo, mas foi pego por populares que o espancaram até a morte. O jovem ainda levou uma facada no peito.

De acordo com o delegado Rysklyft Factore, os responsáveis pelo linchamento ainda não foram identificados, mas pelo menos cinco pessoas participaram do crime. Mateus Miranda não tinha passagem pela polícia.

G1 RN

G1 RN – Um sargento levou um tiro na mão, na manhã desta quinta-feira (11), ao reagir a um assalto no bairro Cidade da Esperança, na Zona Oeste de Natal. Os bandidos queriam roubar o carro do policial, mas fugiram sem levar nada.

Segundo a assessoria de comunicação da PM, o sargento estava dentro do veículo aguardando a mulher dele, quando dois casais, também de carro, se aproximaram e anunciaram o assalto. O PM reagiu e atirou nos bandidos. No confronto, um dos disparos atingiu a mão do PM, que depois foi socorrido.

Guarnições foram chamadas e fizeram buscas pela região, mas não encontraram os criminosos.

Foto: Polícia Militar

Os dois adolescentes que foram apreendidos nesta quarta-feira (10) durante a ‘Operação Santuário’, realizada em conjunto pelas polícias Civil e Militar na cidade de Macaíba, na Grande Natal, sofreram um atentado a tiros assim que deixaram a delegacia da cidade. Os dois, com suas respectivas namoradas, estavam em um táxi quando dois homens em uma motocicleta se aproximaram e atiraram. Uma das adolescentes foi atingida na perna.

Segundo a Polícia Militar, o tiroteio aconteceu no campo da Santa Cruz, um loteamento de Macaíba. Com os disparos, o motorista perdeu o controle do táxi e bateu no muro de uma casa. A dupla que estava na moto fugiu. A garota ferida ficou dentro do carro. Já o namorado dela e o outro casal fugiram correndo. Um outro taxista foi ao local e socorreu a adolescente, que foi levada para a Unidade de Pronto Atendimento de Macaíba. A jovem passou por uma pequena cirurgia e foi liberada.

Segundo o delegado Normando Feitosa, titular da DP de Macaíba, os dois adolescentes apreendidos na Operação Santuário foram liberados após prestarem depoimento.

G1 RN

Foto: Polícia Civil do RN/Divulgação

G1 RN – Policiais civis e militares realizaram na manhã desta quarta-feira (10) na cidade de Macaíba, na Grande Natal, uma operação para prender um homem suspeito de ter matado um cabo da PM – crime ocorrido no dia 8 de maio deste ano na Zona Norte da capital potiguar. Durante o cumprimento do mandado, houve troca de tiros.
Resultado: o suspeito acabou morto, outro ficou ferido e cinco adultos foram presos e dois adolescentes apreendidos.

Segundo o delegado Normando Feitosa, titular da DP de Macaíba, o objetivo da missão era prender Eduardo Ferreira da Silva, de 26 anos, mais conhecido como Dudu. Ele foi apontado como participante da morte do cabo Waldembergue Cruz de Lima, de 45 anos. O PM se preparava para sair de um salão de barbearia no conjunto Nova Natal, na Zona Norte da capital, quando foi assassinado.

“Armado com uma espingarda, ele reagiu e atirou em nossa equipe. No revide, ele e outro comparsa foram baleados. Ambos foram socorridos, mas o Dudu não resistiu ao ferimento. O outro segue no hospital”, disse Normando.

Ainda de acordo com o delegado, outros quatro homens, uma mulher e mais dois adolescentes, todo envolvidos com uma facção criminosa, foram detidos e levados para a delegacia. O grupo estava em uma residência vizinha à casa de Dudu. Os imóveis ficam no bairro Morada da Fé. Em alusão à localidade, a operação foi batizada de ‘Santuário’.

Também foram apreendidos duas espingardas, um revólver e munições.

Além dos policiais da Delegacia de Macaíba, também participaram da operação agentes da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) e policiais militares do 11º BPM.

Foto: PM/Divulgação

Cerca de 10 homens armados explodiram um caixa eletrônico da agência do Bradesco na cidade de Almino Afonso, cidade da região Oeste potiguar, na madrugada desta terça-feira (2). A quadrilha ainda fez disparos contra a base da Polícia Militar. Ninguém foi preso.

A Polícia Militar registrou a ocorrência por volta das 2h50. O grupo estava em um Renault Sandero da cor preta. Os homens explodiram o caixa do banco e depois atiraram pelas ruas da cidade, e também contra o pelotão da PM. A ação criminosa causou pânico entre os moradores.

A quadrilha ainda espalhou grampos de ferro na pista com a intenção de danificar os pneus dos veículos e evitar a perseguição da polícia.

Ainda não há informações se o grupo conseguiu levar o dinheiro do caixa.

G1 RN

Foto: Cedida

A prefeita da cidade de Pedro Velho, no Agreste potiguar, Patrícia Targino (MDB), foi vítima de bandidos na madrugada deste sábado (29). Ela havia acabado de chegar em casa, após participar de um comício, quando foi rendida. A prefeita e mais sete sete familiares foram feitos reféns dentro de casa por 30 minutos durante o arrastão.

De acordo com a assessoria de imprensa da prefeitura de Pedro Velho, depois do comício realizado no centro da cidade, a prefeita esteve na fazenda de sua propriedade e retornou para a sede do município. Quando entrava em casa, Patrícia Targino foi surpreendida por oito bandidos encapuzados, incluindo uma mulher.

Os criminosos trancaram as vítimas dentro de um dos quartos, enquanto procuravam dinheiro, joias, celulares e recolhiam aparelhos de televisão. Segundo a assessoria, como não encontraram dinheiro, levaram os objetos de valor.

Na fuga, os bandidos ainda levaram o carro do pai da prefeita, um idoso com mais de 80 anos. O carro foi abandonado cerca de 10 quilômetros do centro, na Zona Rural do município.

Policiais do Grupo Tático Operacional da PM fizeram buscas na região, mas não encontraram nenhum suspeito.

G1 RN

Foto: Reprodução/GloboNews

Adélio Bispo de Oliveira, agressor do candidato à presidência da República Jair Bolsonaro (PSL), foi indiciado por prática de atentado pessoal por inconformismo político, crime previsto na Lei de Segurança Nacional. O inquérito da Polícia Federal (PF), ao qual a TV Globo teve acesso com exclusividade e que foi concluído nesta sexta-feira (28), afirma que ele agiu sozinho no momento do ataque e que a motivação “foi indubitavelmente política”. Um segundo inquérito foi aberto para dar continuidade às apurações.

“No que tange à participação ou coautoria no local do evento, a partir de evidência colhidas, descarta-se o envolvimento de terceiros”, diz o inquérito.

O ataque contra Bolsonaro aconteceu no dia 6 de setembro, quando o presidenciável participava de um ato de campanha, em Juiz de Fora, na Zona da Mata de Minas Gerais. O agressor foi preso em flagrante logo após o atentando e confessou a autoria do crime nas três ocasiões em que foi ouvido pela PF.

Foram verificados mais de 250 gigabytes de informações em mídias, incluindo dados de celulares e do notebook do suspeito, assim como cerca de 600 documentos. A PF ainda teve acesso a mais de 6 mil mensagens instantâneas e 1.060 e-mails, que seguirão sendo analisados no segundo inquérito. Ainda há necessidade de novas quebras de, pelo menos, outros seis e-mails e três telefones usados pelo investigado.

G1 MG

Foto: Polícia Civil do RN/Divulgação

G1 RN – Policiais civis e militares realizam na manhã desta sexta-feira (28), nas cidades de Tangará e São José do Campestre, no Agreste potiguar, a terceira fase da operação denominada ‘Silêncio’. O objetivo é combater o tráfico de drogas na região.

Até as 7h30, oito adultos haviam sido presos e um adolescente apreendido.

Foto: Reprodução/Redes Sociais

Um ex-vice-prefeito de Água Nova, cidade distante 411 quilômetros de Natal, foi encontrado morto em uma estrada de barro que liga o município a Riacho de Santana. A vítima é Antônio Sezanildo do Nascimento, conhecido por Neném de França.

De acordo com a polícia, Neném de França viajava de moto com destino a Riacho de Santana quando foi executado a tiros de pistola, por volta de 12h20. O veículo foi deixado no local do crime. A Delegacia Regional de Pau dos Ferros investiga o caso.

O filho da vítima, Antônio Kadson da Silva Nascimento, é o atual presidente da Câmara dos Vereadores da cidade. Antônio Sezanildo do Nascimento foi vice-prefeito e também vereador de Água Nova.

G1 RN