Assembleia Legislativa otimiza processos para melhor atender a população do RN


Crédito da Foto: Eduardo Maia

Sair das caixinhas e pensar globalmente na instituição. Este foi o foco da segunda oficina do operacional, realizada por videoconferência nesta quinta-feira (14), para conduzir o plano estratégico da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte que segue com a execução, monitoramento e validação da ação “Horizonte 2020-2023 da ALRN”.

“Gestão de processos. Foco na otimização dos resultados das organizações por meio da melhoria dos processos de negócio com foco no cliente que é o público como um todo do Estado. Ou seja, foco total na entrega de valor ao público”, enfatizou a consultora Paulinéa Araújo (servidora da Justiça Eleitoral).

Paulinéa Araújo vem coordenando um conjunto de oficinas com o tema: Implantando a Gestão Estratégica na ALRN. Este curso tem duração de três semanas com dois encontros semanais (terças e quintas-feiras) das 8h às 12h e conta com a participação dos servidores Luciana Cardoso, Roselie Albuquerque e Ilany Maciel (Assessoria de Planejamento), Müller Medeiros (Controladoria), Alexandre Mulatinho (Comunicação), Leonardo Araújo, Luciano Lira (Escola da Assembleia), Helder Neres (Tecnologia da Informação) Thyago Cortez, Lívia Barros e Ana Cláudia Barros (Coordenadoria de Gestão de Pessoas).

Com a denominação de “Horizonte 2020-2023 da ALRN”, o plano estratégico contempla a definição da visão de futuro até 2023 e dos macrodesafios (objetivos estratégicos) que nortearão as ações da Assembleia Legislativa no próximo quadriênio.

O plano elaborado teve como base o levantamento dos cenários interno e externo e definição dos principias problemas identificados ao longo da elaboração documento com metas para serem alcançadas nos próximos quatro anos.

Compartilhar