Arquivo Mensal:: Novembro 2018

A Confederação Nacional dos Municípios (CNM) divulgou uma nota nesta quinta-feira (15) na qual informou que a saída de cubanos do programa Mais Médicos afetará 28 milhões de pessoas.

Nesta quarta (14), o presidente eleito Jair Bolsonaro informou que o governo cubano decidiu deixar o programa por não concordar com testes de capacidade.

O Ministério de Saúde Pública de Cuba, contudo, informou ter tomado a decisão em razão de “declarações ameaçadoras e depreciativas” de Bolsonaro. Em agosto, ainda em campanha, Bolsonaro declarou que “expulsaria” os médicos cubanos do Brasil.

“O valor do Programa Mais Médicos (PMM), ecoado nos diversos cantos do Brasil, demonstrou ser uma das principais conquistas do movimento municipalista frente à dificuldade de realizar a atenção básica, com a interiorização e a fixação de profissionais médicos em regiões onde há escassez ou ausência desses profissionais”, afirmou a CNM em nota.

“Entre os 1.575 Municípios que possuem somente médico cubano do programa, 80% possuem menos de 20 mil habitantes. Dessa forma, a saída desses médicos sem a garantia de outros profissionais pode gerar a desassistência básica de saúde a mais de 28 milhões de pessoas”, acrescentou a entidade.

Mais cedo, nesta quinta-feira, o ministro das Relações Exteriores, Aloysio Nunes, avaliou em entrevista à GloboNews que a decisão do governo cubano é “ruim” e “hostil”.

“Eu acho ruim [a saída], porque isso foi uma política que permitiu o atendimento para pessoas que não teriam acesso de outra forma, são 8 mil médicos. Mas nós vamos resolver essa questão de outra forma, o Ministério da Saúde está tomando já providências para suprir essa ausência”, afirmou Aloysio Nunes à GloboNews.

“É uma decisão que o governo cubano já tomou, acho uma decisão hostil, sem cabimento”, acrescentou.

Cuba enviava profissionais ao Brasil desde 2013. No Mais Médicos, pouco mais da metade dos profissionais – 8,47 mil dos mais de 16 mil profissionais – vieram de Cuba, segundo dados obtidos pelo G1.

‘Extrema preocupação’

Ainda na nota divulgada nesta quinta, a Confederação Nacional dos Municípios afirmou que a situação é de “extrema preocupação” e exige a superação “em curto prazo”.

“Acreditamos que o governo federal e de transição encontrarão as condições adequadas para a manutenção do programa. Enquanto aguardamos a rápida resolução do ocorrido pelo órgão competente, estamos certos de que os gestores municipais manterão o máximo empenho para seguir o atendimento à saúde de suas comunidades”, afirmou a entidade.

G1

Uma moto foi tomada de assalto na tarde desta quinta-feira (15), na estrada da comunidade de Lamarão, em Macaíba.

De acordo com informações de populares ao site, dois moradores de Cana Brava retornavam do trabalho pela estrada quando foram surpreendidos por uma dupla armada que saiu de um matagal e anunciaram o assalto. Os bandidos fugiram com a moto em destino ignorado.

Qualquer informação sobre o paradeiro da moto ligar para o 190.

G1 RN – O Rio Grande do Norte registrou 120 mortes violentas intencionais no mês de setembro deste ano. O número representa uma redução de 26,8% no número de homicídios registrados em relação a agosto, com 44 mortes a menos que as 164 contabilizadas no mês anterior. Entre janeiro e setembro, o estado teve 1.404 mortes violentas intencionais.

Setembro teve o mesmo número de mortes violentas de maio o estado registrou o menor número de mortes violentas, entre os meses.

O índice nacional de homicídios, ferramenta criada pelo G1, permite o acompanhamento dos dados de vítimas de crimes violentos mês a mês no país. O número consolidado até agora contabiliza todos os homicídios dolosos, latrocínios e lesões corporais seguidas de morte, que, juntos, compõem os chamados crimes violentos letais e intencionais.

Vereadores Emídio Júnior e Denilson Gadelha

Passado o pleito estadual, o pensamento agora está voltado para a eleição municipal em 2020. E em Macaíba, dois nomes da oposição já despontam para concorrer ao cargo do Executivo, que são os vereadores Denilson Gadelha (que também é advogado e Policial Rodoviário Federal) e o advogado Emídio Júnior.

Ambos têm uma atuação firme na oposição e um importante trabalho desenvolvido na “Casa do Povo”.

Além disso, é bom lembrar também a força eleitoral demonstrada nesse último pleito para seus candidatos ao Legislativo Estadual, onde o candidato de Emídio ficou em segundo lugar na cidade e o do vereador Denilson em terceiro, ficando bem à frente da candidata da ex-prefeita Marília Dias.

Vale ressaltar, ainda, que ambos foram os primeiros detentores de mandato a declarar apoio à governadora eleita Fátima Bezerra.

Outro fator determinante é o discurso afinado dos dois parlamentares, onde sempre afirmam que é preciso unir forças, deixando de lado as vaidades e projetos pessoais, no sentido de ter uma alternativa para unir a oposição e devolver Macaíba aos macaibenses.

Sem dúvida nenhuma, a se confirmar esse projeto, eles vem forte para 2020!

Por Carlos Santos

O mototaxista Gerson Kennedy, de 23 anos, que estava desaparecido desde a última segunda-feira (12), após sair para fazer uma corrida para a cidade de Goianinha, foi encontrado morto na tarde desta quinta-feira, 15 de novembro. O seu corpo foi achado enterrado num lixão, no município de Goianinha.

Um dos envolvidos no assassinato de Gerson já foi preso. Outros dois suspeitos estão sendo procurados pela polícia. Um rapaz preso ontem à tarde durante as buscas na comunidade Lagoa do Poço, zona rural de Goianinha, que é usuário de drogas e tem problemas mentais, apontado como um dos suspeitos, não teve participação no crime.

Familiares do mototaxista estiveram no local e fizeram o reconhecimento do corpo. O Instituto Técnico-Científico de Polícia (ITEP-RN) está sendo aguardado para recolher o corpo e realizar a perícia.

O delegado de polícia civil de Goianinha, responsável pelo caso, investiga o que teria motivado a execução do mototaxista.

Fonte: Blog Amigos da Onça

Em decorrência aos últimos acontecimentos envolvendo declarações depreciativas e ameaçadoras do presidente brasileiro recém-eleito, Jair Messias Bolsonaro, em relação aos médicos cubanos integrantes do Programa Mais Médicos (PMM), que levaram o Ministério da Saúde Pública da República de Cuba a convocar prematuramente estes profissionais, o Conselho de Secretarias Municipais de Saúde do Rio Grande do Norte (Cosems-RN) sugere a revisão do posicionamento do presidente recém-eleito sobre a manutenção das condições atuais de contratação destes médicos para que o PMM possa continuar em pleno funcionamento, oferecendo a devida assistência à população brasileira mais carente.

Confira a nota AQUI

Nessa terça-feira (13), a Polícia Militar do Estado do Rio Grande do Norte registrou a captura de dois condenados da Justiça nos Municípios de Macaíba e Extremoz.

Por volta das 11 horas, os militares do 11º BPM durante o patrulhamento no Centro de Macaíba suspeitaram de Josiel Rocha da Silva, 21 anos. Ao realizarem a consulta no Banco Nacional de Mandados de Prisão, foi verificado um mandado de prisão em desfavor do mesmo.

Já em Extremoz, por volta das 14 horas, mais uma vez policiais do 11° BPM capturaram um foragido da Justiça. Francisco Carlos Barreto, 33 anos, foi capturado por constar um mandado de prisão em seu desfavor por descumprir livramento condicional.

Os foragidos capturados foram reconduzidos ao sistema prisional do Estado para o cumprimento de suas respectivas penas privativas de liberdade.

PM/Assecom

O Rio Grande do Norte vai perder 142 profissionais cubanos do Mais Médicos. Ontem (14), o governo de Cuba comunicou que deixará de participar do programa federal por discordar dos planos do presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL).

Ao todo, o RN conta com 282 médicos da parceria com o governo federal, a grande maioria cubanos.

Neste feriado de quinta (15/11), Macaíba tem o privilégio de receber a final das provas de ciclismo dos Jogos Escolares da Juventude, que reúnem os melhores atletas juvenis de todo o Brasil.

As provas começam daqui a pouco, no horário das 10h. Venha prestigiar! Acesso gratuito. Macaíba é a única cidade além de Natal no nosso estado a sediar este grandioso evento.

Com informações e foto do Informativo Atitude

Secretários municipais de Saúde e prefeitos reagiram hoje (14) à interrupção da cooperação técnica entre a Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS) e o governo de Cuba, que possibilitava o trabalho de cerca de 8,5 mil profissionais cubanos no programa Mais Médicos. Em nota conjunta, o Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde (Conasems) e a Frente Nacional de Prefeitos (FNP) apelam para a manutenção dos profissionais cubanos no Brasil sob risco de faltar atendimento à população.

Segundo as entidades, com a decisão do Ministério da Saúde de Cuba de rescindir a parceria, mais de 29 milhões de brasileiros poderão ficar desassistidos da atenção básica de saúde. Eles pediram que o presidente eleito Jair Bolsonaro reveja a decisão de aplicar novas exigências para a permanência dos cubanos no país.

“As entidades pedem a revisão do posicionamento do novo Governo, que sinalizou mudanças drásticas nas regras do programa, o que foi determinante para a decisão do governo de Cuba. Em caráter emergencial, sugerem a manutenção das condições atuais de contratação, repactuadas em 2016, pelo governo Michel Temer, e confirmadas pelo Supremo Tribunal Federal, em 2017”, diz a nota.

Cubanos

Os profissionais de nacionalidade cubana representam, atualmente, mais da metade dos médicos do programa, o que poderá acarretar em “um cenário desastroso” para pelo menos 3.243 municípios. “Dos 5.570 municípios do país, 3.228 (79,5%) só têm médico pelo programa e 90% dos atendimentos da população indígena são feitos por profissionais de Cuba”, informa a nota.

O Conasems e a FNP lembram ainda que o Mais Médicos é amplamente aprovado pelos usuários, com 85% de satisfação em relação à melhoria na assistência em saúde após a implantação do programa.

“Cabe destacar que o programa é uma conquista dos municípios brasileiros em resposta à campanha ‘Cadê o Médico?’, liderada pela FNP, em 2013. Na ocasião, prefeitas e prefeitos evidenciaram a dificuldade de contratar e fixar profissionais no interior do país e na periferia das grandes cidades”, afirmam prefeitos e secretários de saúde na nota.

Segundo as entidades, a cooperação com o governo de Cuba impactará negativamente no sistema de saúde, aumentando as demandas por atendimentos nas redes de média e alta complexidade, além de agravar as desigualdades regionais, já que a maioria dos médicos está espalhada no interior das regiões Norte e Nordeste.

“O cancelamento abrupto dos contratos em vigor representará perda cruel para toda a população, especialmente para os mais pobres. Não podemos abrir mão do princípio constitucional da universalização do direito à saúde, nem compactuar com esse retrocesso”, encerra a nota.

O presidente eleito afirmou mais cedo que pretende manter o programa, mas substituir os mais 8 mil profissionais cubanos por brasileiros ou estrangeiros de outros países. Ele afirmou que os cubanos que quiserem atuar no país devem revalidar os diplomas e se adequarem a novas regras.

Abertura de 10 mil vagas

À Agência Brasil, o presidente do Conasems, Mauro Junqueira, afirmou que pediu ao ministro da Saúde, Gilberto Occhi, que o próximo edital de reposição de vagas no Mais Médicos, que previa a contratação de 1,6 mil profissionais, seja ampliado para 10 mil vagas, a fim de minimizar o impacto da saída dos cubanos. O edital poderá sair já na semana que vem.

“Minha impressão é de que os médicos cubanos devem ir embora até o fim de dezembro. Temos que ter agilidade do ministério de fazer esse chamamento”, afirmou Mauro Junqueira.

O presidente do Conasems lembra que os atuais editais do programa priorizam médicos brasileiros formados no país, seguido de médicos brasileiros formado no exterior, estrangeiros e só em último lugar a contratação de cubanos. Mesmo assim, uma demanda emergencial de tantos profissionais pode dificultar a reposição das vagas.

“A partir de segunda, vamos ter 10 mil vagas. Será que vamos ter 10 mil médicos para colocar no lugar?”, questionou.

Fonte: Agência Brasil

O juiz Vallisney de Oliveira, da 10ª Vara da Justiça Federal de Brasília, aceitou nesta quarta-feira (14) a denúncia oferecida pelo Ministério Público contra o ex-ministro Geddel Vieira Lima (MDB-BA), os ex-deputados Eduardo Cunha (MDB-RJ) e Henrique Alves (MDB-RN) e mais 15 pessoas.
Com a decisão do juiz, eles se tornaram réus no processo e passarão a responder a uma ação penal.

A aceitação da denúncia não representa a condenação dos investigados. Isso porque eles ainda serão julgados e podem ser condenados ou absolvidos.

Vallisney deu dez dias para as defesas apresentarem respostas à acusação e deu 15 dias para a Polícia Federal apresentar um relatório “pormenorizado sobre os bens e respectivas destinações apreendidos no interesse deste processo”.

A denúncia

A denúncia foi apresentada na Operação Cui Bono, deflagrada pela Polícia Federal no ano passado para investigar fraudes na liberação de crédito pela Caixa Econômica (relembre no vídeo acima).

Além de Geddel, Cunha e Henrique Alves, também se tornaram réus Lúcio Funaro, delator apontado pelas investigações como operador do MDB; e Fábio Cleto, ex-vice-presidente da Caixa.

Quando denunciou os investigados, o Ministério Público separou as acusações por operações de créditos.

Essas operações envolvem os grupos Marfrig, Bertin, J&F, BR Vias e Oeste Sul Empreendimentos Imobiliários. Todas as empresas negam irregularidades.

Segundo as investigações, a estrutura que dava suporte à prática das irregularidades na Caixa era sustentada por três frentes: grupo empresarial; empregados públicos; grupo político e operadores financeiros.

Do G1

O uso da planta cannabis sativa para fins medicinais tem atraído cada dia mais interesse das comunidades médica e acadêmica pela oportunidade de tratamento para inúmeras doenças. Pensando nisso, o Instituto do Cérebro da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (ICe-UFRN) vai oferecer o primeiro curso sobre o tema voltado para profissionais e estudantes da área da saúde.

Com o título “Cannabis medicinal, uma atualização profissional”, o curso busca divulgar os mais recentes avanços científicos relacionados ao uso da maconha no tratamento de doenças. O conteúdo apresenta o sistema endocannabinóide e o estado da arte das pesquisas com fitoterápicos no Brasil e no mundo, bem como discutirá os desafios e limitações da terapia com cannabinóides sintéticos e naturais. Com carga horária de 20h, o curso será realizado de 3 a 7 de dezembro (de segundo à sexta), das 17 às 21h no Anfiteatro dos Répteis do Centro de Biociências da UFRN.

Estudos e testes mostram que a cannabis pode ser usada na diminuição de dores crônicas e no combate a crises de epilepsia. Também tem ajudado a tratar diversas doenças como Síndrome de Hett, Alzheimer, Depressão e Esclerose múltipla, bem como para diminuir os efeitos da quimioterapia e da radioterapia.

Durante o curso, não só estes temas serão esclarecidos, como também será abordada a história do uso da cannabis por seres humanos, desde os tempos antigos até o uso de princípios ativos isolados no mundo moderno.

O curso

As inscrições para o primeiro curso sobre cannabis medicinal já estão abertas. Quem se inscrever até o dia 23 de novembro pagará R$ 100 (profissionais) e R$ 60 (estudantes). A partir do dia 24 até o dia 30 de novembro, o valor passa a R$ 150 (profissionais) e R$ 90 (estudantes).

O curso contará com a participação dos neurocientistas e pesquisadores do Instituto do Cérebro da UFRN: Rodrigo Romcy-Pereira, Cláudio Queiroz, Sidarta Ribeiro, Igor Sales e Sérgio Ruschi. Também terá a participação de profissionais externos: Pedro Mello (médico acupunturirista), Júlio Américo Pinto Neto (Liga Cannábica da Paraíba), Lorenzo Calvi (médico etnofarmacologista do GH Medical e Universidade de Milão/Itália), Joost Heeroma (neurobiólogo, diretor científico do GH Medical/Holanda) e o químico austríaco Wolfgang Harand (Ufersa). As inscrições podem ser feitas através do SIGAA/UFRN e dúvidas encaminhadas para a Comissão de Eventos do Instituto do Cérebro no e-mail: contato@neuro.ufrn.br

A Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), por meio da Escola Agrícola de Jundiaí (EAJ), torna público o Processo Seletivo Complementar para formação de turmas de alunos para os cursos Técnicos em Agroindústria e Agropecuária na modalidade Subsequente, de acordo com as condições definidas no Edital N° 07/2018.

O presidente eleito, Jair Bolsonaro, disse hoje (14) que manterá o programa Mais Médicos e vai substituir os cerca de 8.500 profissionais cubanos por brasileiros ou estrangeiros. Ele afirmou que os cubanos que quiserem atuar no país devem revalidar os diplomas. A afirmação ocorre no momento em que Cuba informou que vai se desligar do programa por não aceitar as exigências feitas pelo novo governo.

Bolsonaro conversou com a imprensa na tarde de hoje (14), no Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB), sede do governo de transição, pouco antes dele deixar a capital federal para retornar ao Rio de Janeiro.

“Estamos formando, tenho certeza, em torno de 20 mil médicos por ano, e a tendência é aumentar esse número. Nós podemos suprir esse problema com esses médicos. O programa não está suspenso, [médicos] de outros países podem vir para cá. A partir de janeiro, pretendemos, logicamente, dar uma satisfação a essas populações que serão desassistidas.” Ler mais…

Lula adotou a mesma estratégia de enfrentamento na audiência com a juíza Gabriela Hardt, para tentar desestabilizá-la emocionalmente.

Iniciou dizendo que não sabia do que era acusado e a questionou: “Sou dono do sítio ou não?” Hardt endureceu: “Isso é o senhor que tem que responder. Se começar com esse tom, a gente vai ter problema.”

O advogado José Roberto Batochio também partiu para o ataque. A magistrada então emparedou o advogado: “O senhor orientou o seu cliente sobre o processo ou precisa sair para explicar?”

Na sequência, a juíza decretou: “É o tempo de responder às minhas perguntas. Está claro? Está claro que não vou ser interrogada?”

Assista à primeira parte do depoimento:

Via O Xerife

Recomendação orienta que instituições de ensino adotem as medidas necessárias para preservar o ambiente educacional

As instituições federais de ensino superior de Natal e Mossoró devem se posicionar a favor da liberdade pedagógica de docentes e demais princípios constitucionais da educação. O alerta é feito em recomendação do Ministério Público Federal no Rio Grande do Norte (MPF/RN), enviada à Universidade Federal do estado(UFRN), ao Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia (IFRN), às instituições de ensino superior e gerências regionais de educação em Mossoró.

De acordo com o MPF, os reitores de tais instituições precisam tomar providências para evitar qualquer forma de assédio moral– por parte de servidores, professores, estudantes, familiares ou responsáveis – contra os profissionais e a“liberdade de aprender, ensinar, pesquisar e divulgar o pensamento, a arte e o saber”.

A recomendação destaca que são diretrizes do programa Nacional de Educação, a superação das desigualdades educacionais, com ênfase na promoção da cidadania e na erradicação de todas as formas de discriminação, além da formação, não apenas para o trabalho, mas também para a cidadania. Além disso, alerta que a Lei de Diretrizes e Bases da Educação estabelece como princípios do ensino no país o respeito à liberdade e o apreço à tolerância.

Para o MPF “a conduta de assédio organizacional configura-se não apenas pela postura ativa de instituições em promover a prática de assédio, mas também por sua omissão no combate efetivo a tais práticas”. A recomendação remetida pelo MPF foi expedida em procedimentos administrativos instaurado nas Procuradorias da República em Natal e Mossoró, após ação coordenada pela Procuradoria Federal dos Direitos do Cidadão, a fim de acompanhar o cumprimento de recomendações semelhantes pelas instituições públicas de ensino e educação básica e superior em todo o país.

UFRN, IFRN e as demais instituições terão 10 dias para divulgar as medidas adotadas ou justificar o descumprimento da recomendação.

A Prefeitura de Macaíba, por intermédio da Secretaria Municipal de Infraestrutura (SMIN), começou uma reforma no Mercado Público Municipal de Macaíba, conhecido popularmente como “Mercado Velho”. As obras no local tem prazo de 60 dias para conclusão e abrangem reformas nas instalações elétrica e hidráulica, pintura entre outras atividades.

Os boxes do Mercado serão readaptados de acordo com o ramo de atividade de cada permissionário, configurando o reordenamento do local. Os locais onde são vendidos alimentos como carnes e peixes, por exemplo, receberão cerâmicas. A regularização dos permissionários de cada box também está sendo realizada pela Prefeitura.

A reforma do Mercado Público faz parte do cronograma de obras da Prefeitura de Macaíba, que inclui uma série de trabalhos como a pavimentação de mais de 150 ruas em todo o município, reformas das escolas da rede pública municipal e a reforma do ginásio Edilson de Albuquerque Bezerra, que será iniciada no próximo mês de dezembro.

Assecom-PMM

Natal abre portas para o evento técnico-científico e empresarial mais importante da Aquicultura e da Carcinicultura Brasileira e da América Latina

Com investimentos de R$ 50 milhões para levantar debates, ideias e novas oportunidades do setor carcinicultor e aquícola potiguar e brasileiro, a Feira Nacional do Camarão (Fenacam) foi aberta oficialmente na noite de ontem (13) no Centro de Convenções em Natal. A Fenacam’ 18 agrega mais de cem empresas nacionais e internacionais em exposição de produtos, serviços e novas tecnologias na área. Na programação, que prossegue até a próxima sexta-feira (16), estão simpósios nacionais e internacionais, feira de negócios e festival gastronômico.

Durante solenidade de abertura da 15° edição da Fenacam, que contou com a presença de autoridades do Estado, o presidente Itamar Rocha destacou o sucesso das edições anteriores e comemorou os 15 anos de eventos da Fenacam. “Tivemos que enfrentar muitos obstáculos e muitas lutas, mas contabilizamos muito mais vitórias. Por isso, não podemos deixar de comemorar esse feito, que queremos dividir com a Comissão Organizadora, com nossos apoiadores, com as empresas expositoras e de forma toda especial, com os congressistas, que em realidade são a razão do sucesso de todos esses Eventos”, disse.

O presidente da Associação Brasileira dos Criadores de Camarão (ABCC) Cristiano Maia, fez um balanço da atual situação do setor da carcinicultura brasileira, apresentando os entraves de políticas do Governo Federal que dificultam o crescimento do setor no país.

Ainda, na cerimônia de abertura foram entregues placas de homenagens ao governador do Estado Robinson Faria, ao Secretário de Agricultura Pecuária e Pesca Guilherme Saldanha, e ao presidente da FIERN, Amaro Sales, entre outras autoridade, em forma de agradecimento ao apoio a realização do evento e ao segmento no Estado, um dos mais prósperos da economia potiguar.

De 14 a 16 de novembro, na FENACAM acontece a programação técnica, sempre das 8h30 às 13h, e a feira com estandes da área comercial, das 14h às 22h. Além disso, até o final do evento, é realizado o tradicional Festival Gastronômico de Frutos do Mar, no restaurante do Centro de Convenções, sempre a partir das 12h que será aberto ao público.

A governadora eleita do RN Fátima Bezerra (PT) não irá participar da reunião que acontece hoje (14) entre os governadores eleitos e o presidente eleito Bolsonaro. Tal fato tem rendido críticas à petista. Contudo, uma nota publicada em conjunto dos governadores do Nordeste, afirma que as demandas dos estados serão apresentadas pelo governador Wellington Dias do Piauí.

Crédito das Fotos: João Gilberto

O Dia do Médico – comemorado anualmente em 18 de outubro – foi celebrado em sessão solene, nesta quarta-feira (14), na Assembleia Legislativa. A solenidade atendeu requerimento do presidente da Casa, deputado Ezequiel Ferreira de Souza (PSDB) e homenageou 24 médicos, indicados pelos deputados, representando toda a categoria dos profissionais da medicina no Estado.

“Esta sessão solene é marcada pela alegria de poder homenagear a quem tanto tempo tem dedicado suas vidas, ao processo de curar quando possível, aliviar quase sempre, consolar em todas as oportunidades. São pessoas marcadas pela força de um ideal, a crença num futuro melhor para a humanidade, característica que lhes sustenta e lhes impulsiona no prosseguimento dessa jornada. Os homenageados são pessoas cujos nomes são sinônimos de dedicação”, afirmou Ezequiel Ferreira de Souza.

Em discurso representando os homenageados, o médico ortopedista Ivan Lucena de Almeida relembrou o início da carreira. “Fiquei muito emocionado com essa homenagem. Com 38 anos de medicina, atuando como professor e ortopedista na rede pública e privada. Me pergunto porque decidi ser médico? Eu não tinha nenhum parente na minha família, mas aconteceu. A minha grande missão como médico foi tratar dos pacientes pelo SUS, da deformidade de pé torto congênito. E ajudar essas pessoas não tem preço”, disse.

HOMENAGEADOS
Napoleão de Paiva Sousa
Raphael Machado Gonçalves
Ivan Lucena de Almeida
José Targino Segundo Neto (Dr. Targininho)
Cleanto Carlos Rego
Flávio Cunha; Antônio Jácome de Lima Junior
André Corsino da Costa
Gustavo Montenegro Soares
Ludmilla Almeida da Rocha Ribeiro de Oliveira
Francisco José Batista de Lima Júnior
Antônio Medeiros Dantas Filho
Juliana Florinda Rêgo
José Torquato de Figueiredo (In Memorian)
Giselda Trigueiro (In memorian)
Alderley Torres de Medeiros
Beatriz Fernandes
Mário Arnaud Melo de Abreu
Rogério José Nelson dos Santos
Nadja Tássia Veríssimo
Jahyr Navarro da Costa
Rubens de Andrade Lisboa (In memorian)
Jean Frederico Falcão do Carmo
Murilo Celeste Barros

A Polícia Civil, através da Divisão Especializada em Investigação e Combate ao Crime Organizado (Deicor), prendeu na noite de ontem (13), após uma denúncia anônima, o foragido da justiça David Carneiro Costa, vulgo “Neguinho ou Pinguim”, integrante de uma organização criminosa especializada em roubos a bancos.

David estava acompanhado com mais três homens e sete mulheres, todos consumindo drogas e festejando alguma ação criminosa do bando.

No momento em que o foragido acompanhado dos seus comparsas saiam do motel, os investigadores realizaram a abordagem, momento em que encontraram vários comprimidos de ecstasy, algumas porções de cocaína, além da quantia de R$ 10.000.00 (dez mil reais) em espécie e um veículo de luxo.

Durante a abordagem David apresentou documento falso, em nome de Hugo Nathan Medeiros da Costa, mas os policiais de imediato reconheceram tratar-se de nome falso, haja vista que o foragido é um conhecido integrante de uma organização criminosa.

Diante da materialidade e do reconhecimento do bandido, os policiais conduziram todos para a base da Deicor, onde foi lavrado o flagrante em desfavor de “Neguinho” pelos crimes de tráfico, lavagem de dinheiro e uso de documento falso.

Contra os demais conduzidos foi instaurado Termo Circunstanciado de Ocorrência por uso de entorpecentes.

David, além de participação em roubos a bancos, também responde pelos crimes de homicídio e receptação.

Do Nominuto.com

NOTA DE ESCLARECIMENTO

Os governadores eleitos e reeleitos do Nordeste decidiram, em fórum próprio, que o governador do Piauí, Wellington Dias, representará os estados da região durante a reunião que ocorrerá nesta quarta-feira (13) com o presidente eleito, Jair Bolsonaro, e o futuro ministro da Fazenda, Paulo Guedes. O chefe do executivo piauiense solicitará, na ocasião, uma nova audiência para que os representantes dos estados nordestinos possam tratar e apresentar as demandas e defender os interesses da região.

A governadora eleita do Rio Grande do Norte, senadora Fátima Bezerra, participará na próxima semana do Fórum dos Governadores eleitos e reeleitos do Nordeste, ocasião em que se desenhará uma pauta em comum a ser apresentada ao presidente da República eleito e equipe.

Fátima Bezerra reafirma a total disposição em dialogar com o futuro Governo da República e defender, como sempre fez, os interesses do povo potiguar.

Veja nota dos governadores do NE:

Governadores do Nordeste Unidos e prontos para trabalhar pelo Brasil.

“Quando os governadores eleitos pelo DF, SP e RJ tiveram a importante iniciativa deste encontro, nós do Norseste, conforme fazemos desde 2004, tínhamos agendado para 21/11 agenda preparatória da região e pedido agenda ao Presidente Eleito para pauta comum. Até 20/11 os governadores organizaram suas agendas de transição e missões internacionais. Por isto é que coube a mim apresentar neste encontro e ao Presidente eleito Jair Bolsonaro a memória da pauta do Fórum dos Governadores e pedido de agenda sobre Pauta, priorizando no primeiro encontro Fomento ao Crescimento Econômico para Geração de Emprego e também a prioridade para Plano Nacional de Segurança”.

Desde 2016, o Centro de Educação e Pesquisa em Saúde Anita Garibaldi (CEPS), em Macaíba (RN), é habilitado pelo Ministério da Saúde como Centro Especializado em Reabilitação (CER III), nas áreas de deficiências física, intelectual e auditiva. Uma das clínicas do CER atende pacientes de Parkinson e seus familiares.

O vídeo abaixo faz um apanhado do trabalho realizado pela equipe multiprofissional do CEPS e também por alunos de graduação e residentes que passam por formação no local.

 

ASCOM – Reitoria/UFRN

A Comissão Eleitoral do Processo de Consulta à Comunidade Universitária para Escolha de Reitor e Vice-Reitor da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) anunciou às 22h35 desta terça-feira, 13, o resultado da consulta que escolheu o futuro reitor da instituição. A chapa 1 – ‘Nossa UFRN’, representada pelos professores José Daniel Diniz Melo e Henio Ferreira de Miranda, obteve 8.988 votos de um total de 9.537 votantes.

O último ato da Comissão será na próxima reunião do Conselho Universitário, na segunda-feira, 19, quando será feito o relato do processo de consulta. Cabe ao Consuni o encaminhamento da lista tríplice para o Ministério da Educação (MEC), com a nomeação para o cargo de reitor sendo realizada pela Presidência da República. O novo reitor assume a gestão da UFRN para um período de 4 anos, a partir de maio de 2019.

A secretaria de tecnologia do TRE-RN tinha até ontem para esclarecer o porquê de o CD com os documentos de registro de candidatura de Kerinho (PDT) não ser aberto. Hoje, deveremos ter alguma resposta. Quando forem constatados os documentos apresentados dentro do prazo, haverá mudança nos eleitos. O deputado federal Beto Rosado (PP) entra e o deputado estadual Fernando Mineiro (PT) vai para a suplência.

Do Blog O Xerife

O ex-presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva (PT) será interrogado hoje (14), a partir das 14h, em Curitiba. Ele será transportado de carro da carceragem da Superintendência da Polícia Federal onde está preso, desde abril, para a sede da Justiça Federal, ambas na capital paranaense. Será a primeira vez que ele deixará a superintendência em sete meses.

Lula vai depor em um dos processos da Operação Lava Jato relativo ao sítio Santa Bárbara de Atibaia (SP). A juíza federal substituta Gabriela Hardt vai conduzir a oitiva.

O ex-presidente foi condenado a 12 anos e um mês de prisão pelos crimes de corrupção e lavagem de dinheiro em outro processo, o caso do triplex em Guarujá (SP).

Gabriela Hardt, da 13ª Vara da Justiça Federal, substitui o juiz federal Sergio Moro, que aceitou ser ministro da Justiça do governo eleito Jair Bolsonaro. De férias e informando que irá pedir exoneração do cargo, Moro é substituído por Hardt.

Caso

O ex-presidente foi denunciado por recebimento de propina das construtoras OAS e Odebrecht. Outras 12 pessoas também estão denunciadas no processo. Lula nega as acusações e diz não ser dono do sítio. De acordo com as investigações, foram feitas reformas e melhorias no patrimônio.

Pelas investigações, as reformas no sítio começaram após a compra da propriedade pelos empresários Fernando Bittar e Jonas Suassuna, amigos de Lula. No laudo elaborado pela Polícia Federal, em 2016, os peritos citam as obras que foram realizadas, entre elas a de uma cozinha avaliada em R$ 252 mil.

A estimativa é de que tenha sido gasto um valor de cerca de R$ 1,7 milhão, somando a compra do sítio (R$ 1,1 milhão) e a reforma (R$ 544,8 mil). A defesa de Lula sustenta que a propriedade era frequentada pela família do ex-presidente, mas ele não é proprietário do sítio.

O empresário José Carlos Bumlai, amigo do ex-presidente da República, e réu por lavagem de dinheiro na mesma ação penal deverá ser interrogado hoje também.

Fonte: Agência Brasil

Ocorreu na noite desta última terça-feira (13), na Casa de Cultura Popular Nair de Andrade Mesquita, o lançamento do livro “Memória por correspondência: relembrando a história do nascimento de Macaíba”, da Professora/Escritora Maria Luzinete Dantas Lima, a primeira mulher a escrever sobre a história da nossa cidade.

Com informações e fotos do site Cidadão Macaibense

No segundo dia em Brasília esta semana, o presidente eleito, Jair Bolsonaro, tem hoje (14) agenda intensa. Antes das 8h, ele chegou ao Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB), onde ocorrem as reuniões da equipe de transição. No local, acompanhado dos filhos Eduardo Bolsonaro e Flávio Bolsonaro, ele toma café da manhã com o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), que disputa a reeleição para comandar a Casa na próxima legislatura, e que conduz uma série de votações ainda este ano.

O deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) disse que a equipe de transição do novo governo quer evitar a aprovação no Congresso das chamadas pautas-bomba, como aquelas que podem aumentar as despesas para a administração federal. O assunto deve ser tratado entre Bolsonaro e Maia.

Em seguida, Bolsonaro se reúne com os embaixadores do Chile, dos Emirados Árabes Unidos, da França e do Reino Unido, no Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB). No Rio de Janeiro, ele esteve com os embaixadores dos Estados Unidos, China e Itália.

O presidente eleito pode ainda hoje anunciar o nome do escolhido para assumir o Ministério das Relações Exteriores. Ontem (13), ele disse que o embaixador Luiz Fernando de Andrade Serra está entre os cotados para o posto. O diplomata de carreira era embaixador do Brasil na Coreia do Sul até meados deste ano.

Governadores

Bolsonaro também participa da reunião com os governadores eleitos e reeleitos, no Centro Internacional de Convenções do Brasil (CICB). Até ontem dos 27 governadores, 18 confirmaram presença. Haverá um almoço com o presidente eleito e parte de sua equipe, incluindo Paulo Guedes, que assumirá o Ministério da Economia, e o presidente do Senado, Eunício Oliveira (MDB-CE).

O encontro é organizado pelos governadores eleitos de São Paulo, João Doria (PSDB), do Distrito Federal, Ibaneis Rocha (MDB) e do Rio de Janeiro, Wilson Witzel (PSC). Em discussão, as prioridades dos estados e a relação com o governo federal.

Ontem, o presidente eleito afirmou que está aberto ao diálogo e também para conversar sobre a necessidade, de alguns estados, de renegociar dívidas. Mas afirmou que há dificuldades em elevar a destinação de verbas, pois o Orçamento Geral da União “está complicado”.

Transição

Bolsonaro também vai se reunir com a equipe de transição, no CCBB. A expectativa é anunciar ainda hoje o nome do ministro do Meio Ambiente.

Ontem (13), ele avisou que será mantido o status de ministério para o Trabalho, cuja estrutura será absorvida por outra pasta.

A futura ministra da Agricultura, Tereza Cristina, disse que sua área vai agregar também o setor de pesca e as políticas relacionadas à agricultura familiar e reforma agrária. No cenário atual esta estruturas estão sob duas secretarias especiais vinculadas diretamente ao Palácio do Planalto.

Fonte: Agência Brasil

Montana trafegava em direção a Macaíba, logo após o viaduto de Parnamirim, quando foi trancado por dois outros veículos. Motorista perdeu o controle e o carro capotou — Foto: Kleber Teixeira/Inter TV Cabugi

Uma tentativa de assalto terminou com um carro capotado e um passageiro morto na madrugada desta quarta-feira (14) na BR-304, em Parnamirim, cidade da Grande Natal.

Segundo a PRF, uma Montana trafegava em direção a Macaíba, por volta das 4h, quando foi trancada por dois veículos. Foi quando o motorista perdeu o controle.

O capotamento aconteceu logo após o viaduto de Parnamirim, no Km 306.

O motorista da Montana sofreu ferimentos leves, mas o passageiro, que é um comerciante, acabou morrendo.

Já os bandidos, fugiram sem levar nada.

Do G1RN