Concurso público: Emídio Jr. requer que os candidatos possam enviar a documentação da isenção pela internet

Na sessão ocorrida na última terça-feira (04), na Câmara Municipal de Macaíba, o vereador Emídio Jr. trouxe para discussão no plenário alguns problemas relacionados ao concurso público de Macaíba, começando pelos valores cobrados nas taxas de inscrições, que, segundo o vereador, estão caros.

“No meu entendimento, essas inscrições estão caras. Oitenta e cinco reais para nível médio. Cento e cinco para nível superior. A maioria dessas pessoas que vão fazer o concurso estão desempregadas. Então, não tem recurso para fazer isso aí”, declarou.

Outro problema apontado pelo parlamentar é a dificuldade que os candidatos estão tendo para conseguirem a isenção da taxa de inscrição do concurso. De acordo com o vereador, isso ocorre porque o edital do concurso, elaborado pela empresa CONSUPLAM, não prevê que os candidatos enviem a documentação pela internet, encarecendo os custos do procedimento.

“Além de colocar, apenas, 48h para pedir a isenção da taxa de inscrição, está dizendo no edital que os candidatos têm que mandar a documentação via Sedex ou via AR. Eu fui aos Correios verificar quanto custava isso aí. Pelo Sedex, se for para Fortaleza, custa R$46,00 reais. Se for para São Paulo, é R$80,00, ou seja, é melhor pagar logo a inscrição. Por que não colocaram isso via internet?”, questionou o vereador.

Por Assessoria

Administrador

Deixe uma resposta