Categoria: Uncategorized

Irregularidades envolviam pagamentos de propina que chegaram a alimentar campanha da esposa de Joaz Oliveira em 2018

O Ministério Público Eleitoral obteve junto ao corregedor regional Eleitoral do TRE/RN, desembargador Claudio Santos, o afastamento do prefeito de Extremoz, Joaz Oliveira, e outros quatro servidores públicos do município. Força-tarefa formada pelo MP Eleitoral, Receita Federal, Controladoria Geral da União (CGU) e Polícia Federal constatou um esquema criminoso de lavagem de dinheiro público desviado para a campanha a deputada estadual (em 2018) de Elaine Neves, esposa do prefeito. Também foram cumpridos mandados de busca e apreensão em 19 endereços de Natal, Extremoz e Recife na manhã desta sexta-feira (30).

A força-tarefa aponta que o prefeito, a esposa e servidores promoveram fraudes em licitações para compra de medicamentos (totalizando um possível prejuízo de mais de R$ 2 milhões aos cofres públicos), em troca de pagamento de propina. Parte dessa contrapartida teria ido para a campanha de Elaine Neves e tentou-se encobrir a irregularidade a partir de doações ilegais feitas por cargos comissionados da Prefeitura, já depois da votação e por ordem de Joaz Oliveira. O esquema de corrupção ainda se mantém ativo. Somente em 2020, as empresas envolvidas já receberam mais de R$ 800 mil do município.

Além do casal (Elaine Neves é também chefe de Gabinete da Prefeitura), foram afastados a chefe de gabinete adjunta, Francisca Rosângela Ribeiro Monteiro; a secretária Municipal de Administração, Maria Mércia de Brito Ferreira; e o gerente de Tributação e Fiscalização Municipal, Pablo Rodrigo Bezerra de Medeiros. Sete sócios e administradores de empresas envolvidos no esquema estão sendo investigados: Luiz Silvério Sobrinho Júnior, Tônio Fernando Silveira Mariz, Maria da Conceição Moura Nascimento, Andreia Karla Gonçalves de Santana, Ivan Augusto Seabra de Melo Sobrinho, Gabriel Delanne Marinho e Julierme Barros dos Santos.

Riscos – Os ilícitos sob análise vão dos previstos na Lei de Licitações, até crimes contra a Administração Pública, organização criminosa, somados à lavagem e ocultação de bens, em conexão com crimes eleitorais, de acordo com os procuradores eleitorais Fernando Rocha, Rodrigo Telles e Ronaldo Sérgio Chaves Fernandes. “Os elementos (…) evidenciam um audacioso esquema de corrupção em curso na Prefeitura Municipal de Extremoz”, resume o MP Eleitoral, no pedido de afastamento.

O Ministério Público apontou o risco de o esquema não só seguir ocorrendo, como de vir a gerar novos reflexos na atual campanha, em que Joaz Oliveira é candidato à reeleição. “A ausência de qualquer tipo de responsabilização pelos fatos pretéritos constitui um verdadeiro convite a que se utilize novamente dos mesmos expedientes criminosos”, alerta o MP Eleitoral. Ler mais…

O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta quinta-feira (29), durante transmissão ao vivo nas redes sociais, que deve reapresentar o decreto sobre parcerias privadas em unidades do SUS (Sistema Único de Saúde) na próxima semana.

“Tivemos um probleminha ontem de um decreto sobre o SUS, que não tinha nada a ver com privatizações”, disse. “Revoguei o decreto, fiz uma nota explicando o que era esse decreto, dizendo que, nos próximos dias, poderia reeditar o decreto, o que deve acontecer na semana que vem”.

O texto em questão foi publicado em Diário Oficial na última terça-feira (27), sem mais informações por parte do governo. Ele autorizava estudos para parcerias público-privadas nas UBSs (Unidades Básicas de Saúde), os populares postinhos.

Ao longo de quarta (28) proposta gerou reações no Congresso, entre secretários de Saúde, especialistas e nas redes sociais. No fim da tarde, o presidente revogou o texto.

“A simples leitura do Decreto em momento algum sinalizava para a privatização do SUS. Em havendo entendimento futuro dos benefícios propostos pelo Decreto o mesmo poderá ser reeditado”, escreveu Bolsonaro no Facebook.

CNN BRASIL


A Força-Tarefa de Combate ao Crime Organizado, coordenada pela Polícia Federal e composta por Policiais Federais, Policiais Civis, Policiais Militares e Policiais Penais Federais, atuando em colaboração com a Secretaria de Operações Integradas do Ministério da Justiça e Segurança Pública (SEOPI), deflagrou nesta quinta-feira, 29/10, a Operação Extração III, com o objetivo de coletar provas necessárias para instrução de investigação voltada à reprimir a atuação de uma organização criminosa dedicada ao tráfico de drogas na Região Oeste do Rio Grande do Norte.


Cerca de 30 policiais estão cumprindo 4 mandados de busca e apreensão expedidos pela 2ª Vara Criminal, nas cidades de Mossoró/RN, Natal/RN e João Pessoa/PB.

As investigações revelaram que após a prisão de lideranças da facção criminosa em setembro de 2019, quando da deflagração da primeira fase da Operação Extração, o tráfico de drogas sob condução dos suspeitos passou a ser gerenciado de dentro de unidades penais com o auxílio de um advogado que transitava informações clandestinas objetivando perpetuar aquela atividade ilícita.

Também restou comprovado que o fornecedor das drogas comercializadas pela célula criminosa no Oeste Potiguar agia de dentro da Penitenciária PB1, em João Pessoa/PB, sendo que o mesmo suspeito já havia sido preso pela Polícia Federal em 2015, acusado de participar de diversos assaltos contra agências dos Correios no interior do RN.

Vale registrar que, no ano de 2019, cooperativa criminosa ligada aos investigados intencionou promover ataques dentro do sistema prisional potiguar, incentivando a violência contra integrantes de facções rivais e estimulando o confronto com forças policiais do estado, fato anteriormente investigado e acompanhado pela atual unidade de ações integradas. Em virtude de tal articulação, no ano de 2020, cinco membros da cúpula da Orcrim foram transferidos para o Sistema Prisional Federal.

Apesar das restrições impostas pela pandemia, a Polícia Federal e as demais forças policiais seguem atuando em sintonia contra o crime organizado no Rio Grande do Norte.


Divulgada hoje pesquisa Agora Sei/Política em Foco sobre a sucessão em Macaíba. O candidato Emídio Júnior está com 49,6% das intenções de votos e Marília Dias com 17,6% na entrevista estimulada (quando os nomes dos candidatos são citados). O delegado Normando aparece com 10,4%, Janssen Motos com 2,2%, Bolinha da Federal está com 0,6% e Poeta O Repórter do Povão com 0,4%.

7,2% disseram não votar em nenhum e 12% não sabem.

Na análise dos votos válidos, o candidato Emídio está com 61,4% e Marília Dias com 21,8%. Em seguida vem Delegado Normando com 12,9% e Janssen Motos com 2,7%. Bolinha da Federal com 0,7% e Poeta O Repórter do Povão com 0,5%.

A pesquisa foi registrada no Tribunal Regional Eleitoral sob o número 06978/2020. Foram entrevistas 500 pessoas no dia 19 de outubro.

Confira os números da estimulada:

Emídio Júnior 49,6%

Marília Dias 17,6%

Delegado Normando 10,4%

Janssen Motos 2,2%

Bolinha da Federal 0,6%

Poeta O Repórter do Povão 0,4%

Nenhum 7,2%

Não sabem 12%

Fonte: blog Política em Foco – da jornalista Anna Ruth 

Valério Mesquita
mesquita.valerio@gmail.com

O leitor que me desculpe, mas Jesus Cristo é fundamental. Volto ao tema cristianismo porque novamente surge outra heresia. Assinado pelo romancista Jeffrey Archer e um teólogo inexpressivo chegou às livrarias dos cinco continentes um livro que reabilita Judas Iscariotes e nega milagres do Salvador do mundo. O autor é inglês e anglicano e atuou na política como membro do Parlamento ao tempo de Margaret Thatcher. Archer não logrou êxito na carreira. Em 1986, o jornal Daily Star publicou uma reportagem segundo a qual o escritor teria pago duas mil libras para uma prostituta. Acuado, o “advogado” de Iscariotes fabricou um álibi e foi preso em 2001, por perjúrio e obstrução da justiça. Somente ganhando a liberdade em 2003.

Este é o perfil moral do escritor, segundo o jornal Folha de S. Paulo, edição passadas. Vem engordar a indústria da crítica cultural da Europa que procura dilacerar o cristianismo. As banalidades apontam Judas como herói desse novo processo “científico” colocando como narrador do horroroso “quinto evangelho” o fictício Benjamim Iscariotes, filho virtual de Judas, que afirma, entre outras invencionices, que o traidor de Cristo não se enforcou. Morreu crucificado. Ao contrário do texto dos quatro evangelhos oficiais, ditados pelo Espírito Santo, a versão do livro indica que “Judas era um iniciado que traiu Jesus a pedido dele próprio e para a redenção da humanidade”.

Ora, a vinda do Messias prometido foi anunciada no Antigo Testamento pela quase totalidade dos profetas. Bem como de que Ele seria traído, entregue para ser morto e que ressuscitaria ao terceiro dia. Judas Iscariotes – todo cristão sabe – queria que Jesus derrubasse o poder dominante dos romanos. Era político, tanto quanto o foi também, desastradamente, o desqualificado autor do livro Jeffrey Archer. O compêndio lançado tem apenas cem páginas. O seu parceiro é um romancista (Frank Maloney) que utiliza expediente ficcional na releitura dos textos bíblicos, a ponto de proporem os dois revisões nos quatro evangelhos.

Como podem, hoje, as igrejas evangélicas e católicas suportarem tal infâmia de dois romancistas ambiciosos, que se prevalecem de jurássico e imprestável manuscrito em papiro perdido há cerca de 1700 anos e com irrefutáveis suspeitas de fraude? Obviamente para ganhar dinheiro com um tema atraente, diferente, atípico, escandaloso e que passou por tantas mãos, museus, negociantes e mal-intencionados tradutores.

“The Gospel According to Judas by Benjamin Iscariot”, título original da fanfarrônica obra, pretende abrir a cadeia da história para outras reabilitações: a de Barrabás, a de Herodes Antipas, a de Pilatos, a de Caifaz, a de Caim, enfim, todos os vilões da história sagrada. Leia, caro leitor e amigo, para concluir que a vinda de Jesus ao mundo não se deveu às circunstâncias ou a casualidades. Tudo foi previsto. Entre centenas de referências bíblicas sobre o assunto, cito algumas: Gênesis 3.15, onde está dito que o Messias seria um homem da descendência da mulher; Gênesis 49.10 diz que o Messias descenderia da linhagem de Judá; em Deuteronômio 18.15-19, foi revelado que um profeta semelhante a Moisés se levantaria depois dele; em Samuel 2.35-36, foi prometido um Sacerdote fiel: Jesus Cristo; em II Samuel 7.12, o Messias descenderia da linhagem de Davi; em II Samuel 7.14, o Messias será o Filho de Deus; em Isaias 7.14, uma virgem conceberá e dará à luz um filho… Jesus Cristo; Miquéias 5.2, diz que o Messias nasceria em Belém da Judéia; Zacarias 9.9: o Messias trará salvação a todos; Zacarias 9.9: o Messias chegará montado em jumentinho…; Zacarias 12.10: o Messias será traspassado.

Como não necessitam de queima, os tijolos ecológicos tem redução de custo por economizar energia.


Wilson Galvão – Agência de Inovação da Reitoria/UFRN


Um tipo de tijolo solo-cimento, formado a partir da incorporação de um resíduo da produção do sal, é o resultado de uma pesquisa desenvolvida por um grupo de cientistas da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) e objeto de recente depósito de pedido de patente da Instituição, sob a denominação Tijolo ecológico produzido a partir da combinação de cimento, solo laterítico e carago . A nova tecnologia nasce revestida de singular importância para o Rio Grande do Norte, visto que o estado concentra 95% da produção de sal no Brasil, tendo relevância também no fornecimento a âmbito mundial.

“O resíduo incorporado da indústria salineira é o carago, a primeira camada que se forma nos tanques de evaporação. No momento da colheita do sal, ele não é utilizado, ficando em pilhas nas salinas, sem um destino correto. Assim, além da importância tecnológica da inovação e da relevância econômica, há também o aspecto da sustentabilidade, pois provoca a diminuição de impactos ambientais”, afirmou Priscylla Cinthya Alves Gondim, uma das inventoras.

Também professora do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte (IFRN), ela pontuou ainda que o carago foi analisado durante um ano, através de ensaios, momentos nos quais o resíduo foi inserido no tijolo solo-cimento com oito composições diferente e testes seguindo as normas da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT). Dentre essas, a cientista frisou que o melhor traço foi escolhido para a solicitação da patente, mas que “em todas as composições obtivemos excelentes resultados, cerca de três vezes a mais que a resistência padrão exigida pela norma”. Os materiais apresentaram-se viáveis em alvenaria de vedação, ou seja, as que são dimensionadas para suportar seu próprio peso.

Outro pesquisador envolvido na pesquisa é o professor da UFRN Wilson Acchar. Supervisor do doutorado de Priscylla no Programa de Pós-Graduação em Ciência e Engenharia dos Materiais (PPGCEM) da UFRN, ele complementou que a combinação do resíduo da indústria salineira, o carago, substância de dimensão grossa e lamelar, com o cimento e solo laterítico, ambos com granulometrias fina e esférica, conferiu um bom empacotamento ao material formado, melhorando a coesão entre as partículas, facilitando a trabalhabilidade.

Além de Wilson e Priscylla, o grupo de inventores é composto por Sheyla Karolina Justino Marques e João de Medeiros Dantas Neto, em uma pesquisa fruto de parceria da UFRN com os Institutos Federais do Rio Grande do Norte e de Alagoas. Eles ressaltaram ainda que o tijolo proposto pode ser utilizado para construção de casas populares de baixo custo e a sua elaboração é realizada de forma simples, confeccionando um material de baixo custo e de fácil produção. Por não precisar de materiais sofisticados, tampouco de mão de obra qualificada, acreditam que é uma ferramenta para proporcionar maior acesso à moradia para populações de baixa renda.

O pedido de patente deste novo tipo de tijolo passa a integrar o portfólio da vitrine tecnológica da UFRN, juntando-se a quase outras 300 novas tecnologias. A quantidade de novos pedidos realizados nos últimos anos faz com que a UFRN figure em destaque em rankings alusivos à números de propriedade intelectual. Um exemplo é o ranking dos maiores depositantes residentes 2020, publicação divulgada em setembro e realizada pelo Instituto Nacional de Propriedade Intelectual (INPI). Nela, a Universidade entre as 15 instituições com mais pedidos de patente no Brasil. Os dados são relativos à 2019 e mostram que a Universidade subiu 13 posições quando comparados os dados de pedidos aos registrados em 2018, passando de 25° para 12°, empatada com a UFPR e a Robert Bosch.

Falando a respeito da importância do processo de patenteamento, Priscylla Gondim sublinhou que “a patente é a concretização que seu produto foi eficiente e eficaz, ou seja, que obteve bons resultados e que poder ser replicado e inserido no mercado”. As orientações e explicações a respeito dos aspectos para patentear uma determinada invenção, bem como os demais pedidos de registro intelectual, como marcas e programas de computador, estão sendo realizados via [ mailto:contato@agir.ufrn.br | e-mail ] da Agência de Inovação (Agir).


O candidato a prefeito Delegado Normando Feitosa realiza sua primeira passeata neste domingo (18). Intitulada Passeata prla Paz, o candidato irá percorrer as ruas do distrito de Traíras, pintando as ruas de branco simbolizando paz e segurança.

Vista-se de branco e venha caminhar com o Delegado Normando e o vice Wesly Magnum, por uma nova Macaíba!

Concentração: Ginásio de esporte

Horário: 15h20

Assessoria 

De janeiro a setembro deste ano, o Corpo de Bombeiros Militar do RN atendeu 892 ocorrências de incêndios florestais em todo o estado. No mesmo período do ano passado, foram atendidas apenas 573 ocorrências. Em 2020, houve um aumento de 56%.

Devido à escassez de chuvas, o incêndio florestal é uma das principais ocorrências em áreas rurais e urbanas neste período do ano. Para combater estes incêndios, a Diretoria de Engenharia e Operações (DEO) do Corpo de Bombeiros do RN planejou da Operação Abrace o Meio Ambiente (AMA).

O ar muito seco pelo interior nordestino colabora para o aumento do calor em praticamente toda a Região Nordeste. Com o sol forte, a temperatura naturalmente sobe. A umidade fica baixa em diversas localidades do interior do Piauí, Pernambuco, Paraíba, Rio Grande do Norte, Bahia e Ceará. Nessas áreas, os índices de umidade ficam abaixo de 30%.

Os bombeiros destacam que a população nunca deve jogar resto de cigarro ainda aceso ou qualquer outra fonte de calor em locais onde haja vegetação; nunca use fogo para limpeza de terreno ou de plantação. Próximo às estradas e terrenos, o ideal é providenciar uma aceiro para evitar a propagação de um possível incêndio nas proximidades; em caso de acampamentos, a fogueira precisa ser feita em locais onde não haja vegetação.

Com informações do Corpo de Bombeiros Militar do RN e Tribuna do Norte

Via blog do BG

Marcas de tiros no carro do jovem de 22 anos assassinado em Macaíba, na Grande Natal — Foto: Sérgio Henrique Santos/Inter TV Cabugi/Reprodução

O homem de 22 anos foi assassinado na frente da sua companheira e de sua filha de dois meses na noite desta quarta-feira (14), em Macaíba, na região metropolitana de Natal.

O atentado aconteceu no Loteamento Esperança, na Rua Ceará. A vítima foi identificada como Nixon Batista da Paz.

Segundo a Polícia Civil, ele chegava no próprio carro à casa de um amigo, quando foi surpreendido por dois homens armados, que chegaram em uma motocicleta.

Ainda de acordo com os investigadores, ao se aproximarem, os bandidos ordenaram que a mulher saísse do carro com a criança. Em seguida, atiraram várias vezes no motorista.

Do G1RN

Saiba mais AQUI


Foto: Reprodução
 

Um menino de 07 morreu após ser baleado em Macaíba, nas proximidades do Bar da Rachada, na noite deste domingo (11), véspera do Dia das Crianças. De acordo com informações, a família vinha no carro quando estacionou e uma dupla em uma moto efetuou vários disparos onde um atingiu o pai de raspão e outro atingiu Rian na cabeça. Os bandidos que efetuaram os disparos se evadiram sem levar nada. Mesmo baleado, o pai levou seu filho às pressas para UPA. Assim que a criança chegou, o maqueiro levou o menino às pressas para sala vermelha. A criança perdeu muito sangue, destaca o blog Informativo Atitude

Saiba mais AQUI


O Ministério Público Eleitoral do Rio Grande do Norte pediu a impugnação do registro de candidatura do vereador Dr Antônio. A decisão da promotora eleitoral Rachel Medeiros Germano, divulgada nesta quarta-feira, dia 8 de outubro, afirma que o nome de Antônio não foi escolhido em convenção para o quadro de candidatos a vereador do PSB de Macaíba.

Confira documento:


O Senadinho entrou em contato com o vereador Dr. Antônio, ele nos informou que já está ciente e sua assessoria jurídica entrará com recurso.

Aguardemos!


Através de Lira, grande empresário macaibense do ramo têxtil, toda a família declara e registra seu apoio a Emídio Júnior para prefeito, Netinho Vice e Denilson Gadelha vereador.

“Vivemos é um momento importante na economia do país e Macaíba precisa desenvolver de forma sustentável. É hora de dar oportunidade aos meninos da nossa cidade”, destacou Lira ao justificar sua decisão.

Assessoria 

Foto: Reprodução 

O vereador Dr Antônio teve seu pedido de registro de candidatura negado por duas vezes pelas cortes eleitorais do Rio Grande do Norte e não disputará a reeleição de 2020.

A juíza Luiza Cavalcante Passos, da Justiça Eleitoral da comarca de Macaíba, negou pedido liminar em ação impetrada na justiça eleitoral pelo vereador, em decisão publicada no dia 18 de setembro de 2020.

Após essa decisão, Antônio tentou fazer o registro por meio de um mandado de segurança com pedido liminar no TRE-RN, que foi negado pelo juiz Geraldo Antônio da Mota, no dia 23 de setembro de 2020.

Os dois juízes comprovaram a legalidade do processo democrático do PSB de Macaíba na escolha de seus representantes para as eleições deste ano. Veja decisão abaixo!