Deputado questiona cumprimento de calendário de pagamento dos servidores estaduais

Crédito da Foto: Eduardo Maia

O deputado estadual Kelps Lima (SDD) questionou o Governo do Estado sobre o cumprimento do calendário de pagamento dos salários dos servidores nos meses de abril e maio. Em pronunciamento na sessão desta terça-feira (2), na Assembleia Legislativa, o parlamentar criticou a ausência de medidas estruturantes aplicadas pelo Executivo estadual.

“Foi encerrado o terceiro mês do governo Fátima Bezerra e abriu-se um debate se os salários de abril e maio serão pagos em dia. A meu ver, começa a caminhar para o óbvio. O calendário de abril não foi anunciado e não há medida estruturante para aumentar a arrecadação e medir despesas”, apontou Kelps.

De acordo com Kelps Lima, o Governo do Estado vai “perder” R$ 540 milhões da arrecadação dos royalties do petróleo para receber R$ 315 milhões. “Essa negociação está patinando. O apelo que faço, e que é bom para o Estado, é que essa gestão estabeleça as medidas estruturantes. A gente precisa fazer isso pelo RN”, solicitou.

Ao finalizar sua fala, Kelps Lima classificou a operação que opta pela contratação de empréstimo na rede bancária dando como garantia a arrecadação dos royalties de petróleo e gás natural para quitar a dívida que o Executivo estadual possui com os servidores aposentados e pensionistas, como “uma das operações financeiras mais caras da história do RN”.

Compartilhar