Falsos profetas de WhatsApp

O debate sadio e o compartilhamento de ideias têm perdido espaço nos grupos políticos de WhatsApp.


É bem verdade que essa ferramenta é um ambiente muito propício para o bom debate e para críticas (construtivas ou não), mas não cabe sordidez, mau caratismo, inveja e pobreza de espírito.

Tem pseudos políticos que, na ausência de credibilidade e empatia para ser ouvido presencialmente, passam o dia em grupos virtuais difundindo aleivosias, no afã que inverdades acabem incutindo, na mente dos desavisados, impressões eivadas de falsidades.

Mas vale lembrar que tem muita gente fazendo bom uso dessa ferramenta, angariando apoios e aumentando o leque de amigos, enquanto outros vão se afundando no isolamento da sua própria estupidez.

Mas, como profetizou o romancista Umberto Eco: “Deram o direito à fala a legiões de imbecis que, antes, falavam só no bar ou na igreja”.

Por Carlos Santos – colunista do Senadinho

Spread the love