Por conta do coronavírus, espetáculo da Paixão de Cristo 2020 é adiado para setembro


Foto: Joalline Nascimento/G1

A Paixão de Cristo de Nova Jerusalém 2020 foi adiada para o segundo semestre. O espetáculo é realizado em Brejo da Madre de Deus, no Agreste de Pernambuco, e estava previsto para acontecer entre os dias 4 a 11 de abril.

A informação foi confirmada neste sábado (14) pelo secretário de Turismo do Estado, Rodrigo Novaes, durante coletiva com o governador de Pernambuco, Paulo Câmara, no Recife. Segundo a Sociedade Teatral de Fazenda Nova, o evento será realizado de 2 a 7 de setembro.

Na sexta-feira (13), a Sociedade emitiu uma nota confirmando a realização da Paixão de Cristo. Em média, cerca de 7 mil pessoas são esperadas em todas as noites de encenação. Os ingressos e pacotes já adquiridos para a temporada seguem valendo para as novas datas.

Casos confirmados

O governo de Pernambuco confirmou cinco novos casos de coronavírus. Com isso, sobe para sete o número de pessoas infectadas pelo Covid-19, doença provocada pelo vírus. Além disso, o estado informou que foi confirmado o primeiro registro considerado “local”, em que foi identificado o transmissor.

Restrições

Por causa da pandemia de coronavírus, órgãos públicos sediados em Pernambuco divulgaram medidas de restrição de acesso e de liberação para servidores para trabalhar em casa. Também está sendo avaliada a suspensão de eventos de massa, incluindo shows e jogos esportivos.

A suspensão dos eventos, bem como a proibição de atracação dos cruzeiros, faz parte de uma série de medidas “não farmacológicas” recomendadas pelo Ministério da Saúde, na sexta, para conter a epidemia do vírus no Brasil.

G1-Caruaru

Compartilhar