Arquivos da tag: RN

Foto: Reuters/Divulgação

O Rio Grande do Norte tem 178 óbitos por Covid-19 e 4.060 casos confirmados da doença, segundo atualização da Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) desta quinta-feira (21). São 12.584 casos suspeitos e 9.117 descartados. Há 40 óbitos em investigação.

As mortes mais recentes registradas pela Sesap ocorreram em Mossoró (2), Natal (3), Areia Branca (2) e Macaíba (1).

A subcoordenadora de Vigilância Epidemiológica da Sesap, Alessandra Lucchesi destacou, durante a coletiva da pasta, o processo de interiorização da doença. Mossoró, Assu e Grande Natal são as regiões mais afetadas pela infecção, onde os índices de mortalidade também são maiores. Já há registro de confirmações da doença em 128 municípios do RN.

Confira na íntegra no portal Agora RN

Iniciativa é do Conselho Regional de Economia e conta com apoio da empresa VondME e Instituto Metrópole Digital (IMD/UFRN)


Com o objetivo de contribuir com o comércio potiguar durante o período de isolamento social, o Conselho Regional de Economia (Corecon/RN) e o Instituto Metrópole Digital (IMD/UFRN) firmaram uma parceria que visa aquecer as vendas para o Dia das Mães.

A iniciativa se constitui na disponibilização gratuita e na divulgação de uma plataforma de vendas online, desenvolvida por uma startup da incubadora de empresas Inova Metrópole, do IMD. Essa plataforma também funciona como vitrine virtual para que pequenos e médios empreendedores exponham e vendam seus produtos, mesmo à distância.

“Nossa ideia é fazer com que, nesse Dia das Mães, muitos pequenos negócios sejam beneficiados pela tecnologia, para que continuem firmes nesse tempo de quarentena”, comenta o CEO Pedro Vasconcelos, da VondME, empresa responsável por desenvolver a plataforma.

A ação visa conscientizar e encorajar os empreendedores a aderirem a canais de vendas online, de maneira que a produção e a comercialização de presentes sejam otimizadas até o dia 10 de maio, data comemorativa em que o consumo é expressivo e fundamental para muitos estabelecimentos.

Digitalizar

Se antes a tecnologia era vista como fator importante para uma revolução no setor do comércio, hoje ela já se tornou essencial. Segundo Vasconcelos, digitalizar um negócio transformou-se em critério para a sobrevivência de lojas e prestadores de serviço.

“É uma alternativa para esse período difícil. Em uma pesquisa recente, constatou-se que mais de 50% dos estabelecimentos do bairro do Alecrim não possuíam canal de vendas online, o que é preocupante, pois sabemos que essas restrições são uma ameaça até para a sobrevivência desses comércios”, comenta Vasconcelos.

Segundo dados levantados pelo Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), empresários de todo o Brasil já declararam uma queda de 69% em seu faturamento semanal. Em contrapartida, segundo o relatório da Ebit/Nielsen, no início de abril deste ano, as vendas online apresentaram crescimento de 3,6% no país.

O CEO da VondME também relatou uma crescente procura por sua plataforma no período de quarentena. “Naturalmente, aplicativos de todo o tipo têm sido bastante demandados. Por isso, ainda que haja o lucro, é preciso que o mercado se una, um ajudando o outro, priorizando sempre o produtor e o pequeno empreendedor local”, enfatiza o CEO.

Durante a quarentena, a VondME diminuiu o preço de suas taxas de comissão, de maneira a facilitar o acesso dessa tecnologia aos empreendedores que sofrem com a crise econômica.


Prefeito Luís Eduardo Bento da Silva acatou a recomendação do MPRN na tarde desta terça (5) e tornou sem efeito decreto municipal


Após uma recomendação do Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN), o prefeito de Maxaraguape, Luís Eduardo Bento da Silva, revogou o decreto que flexibilizava as medidas restritivas de enfrentamento da emergência e calamidade em saúde pública decorrente do coronavírus (Covid19) no município. A recomendação foi expedida na tarde desta terça-feira (5) e encaminhada ao prefeito. Após receber o documento, o prefeito publicou novo decreto tornando sem efeito o anterior.

Na recomendação, o MPRN reforça que a Lei Federal nº 13.979, de 6 de fevereiro de 2020, apresentou as medidas a serem adotadas para enfrentamento da emergência de saúde pública de importância internacional decorrente do coronavírus e o fato de a Organização Mundial de Saúde (OMS) ter declarado, em 11 de março passado, que a contaminação com o novo coronavírus caracteriza pandemia. Essa lei federal trata da quarentena, estabelecendo que devem ser resguardados apenas o exercício e o funcionamento de serviços públicos e atividades essenciais.

O MPRN também levou em consideração que em 19 de março passado foi decretado estado de calamidade pública no Rio Grande do Norte, ao passo em que a União reconheceu calamidade pública em âmbito nacional em razão da pandemia da Covid-19 no dia seguinte.

Também foi destacada no documento a alta escalabilidade viral do Covid-19, exigente de infraestrutura hospitalar (pública ou privada) adequada, com leitos suficientes e composta com aparelhos respiradores em quantidade superior à população em eventual contágio, o que está fora da realização de qualquer centro médico deste Estado, sobretudo do Município de Maxaranguape, que sequer possui hospital e leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) em seu território, sendo necessário referenciar o atendimento dos usuários para outro município.

Foto: UFRN/Reprodução

O professor Leonardo Martins, do Departamento de Direito Público (DPU), do Centro de Ciências Sociais Aplicadas (CCSA), da UFRN, foi nomeado no último dia 30, cientista embaixador da Alexander von Humboldt Foundation (AvH), no Brasil, com mandato de três anos, até abril de 2023.

Com a nomeação, o professor passa a ser um dos principais elos de ligação entre a instituição e o Brasil. Será responsável, entre outras ações, pela formação de redes de cooperação entre organizações intermediárias/instituições de financiamento científico no Brasil e a AvH e outros parceiros na Alemanha, representação da instituição em eventos no país, além de promover eventos em parceria com instituições de ensino superior e institutos de pesquisa nacionais e outros parceiros alemães.

Para o professor Leonardo Martins, a nomeação é importante para a UFRN e, principalmente, para o fortalecimento dos núcleos e centros de pesquisa científicas do RN e do Brasil em geral. “Muito além da honra pessoal de representar a Fundação tenho uma missão muito clara. Em síntese, trata-se de fazer chegar ao conhecimento dos potenciais bolsistas e premiados da Fundação (futuros líderes e membros da elite científica mundial) as muitas possibilidades de fomento e, ao mesmo tempo, motivá-los a compor um projeto de excelência com reais chances de obter êxito nos rigorosos processos seletivos. Para se ter uma ideia, vários premiados com o Nobel foram bolsistas da AvH”, destaca.

As parcerias são essenciais, como destaca o professor Leonardo Martins: “Vamos buscar apoio das autoridades acadêmicas da UFRN, da UFERSA e demais Instituições de Ensino Superior (IES) do Estado, dos colegas docentes, pós-graduandos de todos nossos programas, bem como das autoridades políticas para mobilizar os talentosos e vocacionados cientistas, jovens ou não, da nossa região”.

Além de embaixador, professor Leonardo Martins também foi convidado a compor a diretoria do Clube Humboldt do Brasil, função que desempenhará concomitantemente à de cientista embaixador nos dois primeiros anos de seu mandato. O clube reúne cerca de 230 universitários e cientistas brasileiros beneficiários dos programas de fomento à pesquisa da AvH.

Fundação AvH

A Alexander von Humboldt (AvH) é a principal instituição pública alemã de fomento de pesquisadores e cientistas de todas as áreas do conhecimento. A Fundação fomenta projetos de pesquisas científicas de cidadãos alemães em todo o mundo e de não alemães nas instituições universitárias e científicas alemãs. Em geral, suas bolsas de pesquisa pressupõem o título acadêmico de doutor. Portanto, previstas para projetos de pós-doutorado em diante.

Recentemente, porém, a AvH criou um programa voltado para jovens acadêmicos provenientes especificamente do Brasil, da China, dos EUA, da Índia e da Rússia que devem ter alguma experiência comprovada de liderança em seus respectivos países nos âmbitos da política, economia, imprensa, Administração Pública, sociedade ou cultura, e um projeto muito promissor a ser executado em instituições alemãs. A seleção é baseada exclusivamente no mérito e na excelência acadêmico-científicos do(a) candidato(a) e de seu projeto.

Outras informações sobre a AvH podem ser consultadas no site.

UFRN


O Rio Grande do Norte possui 1.086 confirmados, 4.730 suspeitos, 3.619 descartados, 54 óbitos e 352 recuperados.

O boletim epidemiológico com o detalhamento de todas as informações está disponível no site saude.rn.gov.br ⠀

Lembre-se: higienize as mãos sempre que necessário com água e sabão ou álcool em gel.

Diante do crescente número de casos de Covid-19 no Brasil e no RN e da necessidade de liberar as unidades básicas de saúde e hospitalares para estes atendimentos, a Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) pede que a população evite ao máximo o contato com animais desconhecidos, que podem ocasionar um acidente e a necessidade de ir até uma unidade de saúde.

A maioria dos casos de atendimento antirrábico registrados pelas unidades de saúde são por agressão por cães e gatos e observa-se que a maioria dos casos poderiam ser evitados. Muitos acidentes ocorrem com animais de rua e silvestres que agridem pois se sentem ameaçados ao serem tocados por pessoas.

“A prevenção dos acidentes com animais evita que o indivíduo se exponha em unidades de saúde e, ao mesmo tempo, diminui a demanda para os profissionais de saúde da assistência. Obviamente muitos acidentes são inevitáveis e a avaliação médica é imprescindível, pois a raiva é uma doença grave e não tem cura”, explicou Aline Rocha, subcoordenadora de vigilância ambiental da Sesap.

Transmitida pela saliva de animais mamíferos doentes através de mordedura, arranhadura ou, mais raramente, lambedura de feridas ou mucosas, a raiva é uma doença grave e 100% letal. Já há muitos anos são diagnosticados casos de animais positivos no Rio Grande do Norte, especialmente morcegos, animais considerados de alto risco para transmissão da doença.

Em 2019 foram 95 casos, sendo 85 morcegos, 05 raposas, 02 cães, 02 bois e 01 égua. Neste ano já são 26 animais positivos, todos morcegos, oriundos de nove municípios: Alexandria (1), Santo Antônio (10), Macaíba (3), Natal (4), Serra Caiada (4), Nova Cruz (1), Ielmo Marinho (1), Caicó (1) e Jaçanã (1).

Para prevenção da raiva é necessário que toda pessoa agredida ou em contato com mamíferos suspeitos, tais como cães, gatos, morcegos, raposas, saguis, seja avaliada por um profissional de saúde, geralmente em uma unidade hospitalar, para definir um esquema profilático. O esquema pode incluir a observação do animal agressor, no caso dos cães e gatos, e a administração de soro antirrábico, para os casos mais graves ou que envolvem animais silvestres. Quando é necessário vacina, estas são aplicadas nas Unidades Básicas de Saúde (UBS).

A governadora Fátima Bezerra (PT) afirmou que a queda da arrecadação própria do Rio Grande do Norte tem sido “brutal” e os Estados estão próximos de uma tragédia financeira, em decorrência da pandemia do novo coronavírus. “Estamos à beira de uma tragédia, do ponto de vista financeiro dos estados e do colapso da saúde”, destacou ela, ao participar de uma reunião virtual e ao vivo pelo Youtube, ontem, entre os governadores petista e a direção nacional do Partido dos Trabalhadores, que contou com o ex-presidente Lula e a ex-presidente Dilma Roussef, além do ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad, que concorreu ao Palácio do Planalto, e a presidente do partido, Gleise Hoffman.

“Para responder ao drama que o povo está vivendo, é nossa obrigação e dever de pelo menos dar chance de as pessoas se tratarem e sobreviverem”, disse a governadora Fátima Bezerra, a respeito da necessidade do governo federal acelerar a liberação de recursos para os estados. “Daí a importância da bancada do PT com os demais partidos aprovarem, no Congresso Nacional, o programa emergencial de socorro aos estados, que não tem dinheiro dado a queda brutal do ICMS”, acrescentou ela, ao informar que os empresários no Rio Grande do Norte também estão pedindo a postergação de prazos para recolhimento de impostos.

Por isso, afirmou a governadora, “todo o esforço de sensibilizar a população e convocar sociedade e poderes, mas volta aquela discussão, não basta apenas um decreto, ainda mais no contexto que a autoridade máxima do país discorda, desse caminho adotado no mundo inteiro e preconizado pela ciência que é o isolamento e o distanciamento social”.

Fonte: Tribuna do Norte

Saiba mais AQUI


O Senado aprovou, nesta sexta-feira, 3, o projeto de lei nº 1.179/2020, do senador Antonio Anastasia (PSD-MG), que flexibiliza as relações jurídicas privadas até outubro de 2020.

O projeto que segue para análise dos deputados permite deliberações virtuais no caso de pessoas jurídicas, estabelece prisão do devedor de pensão alimentícia exclusivamente no ambiente domiciliar, suspende a devolução de produtos perecíveis ou de consumo imediato por meio de entrega domiciliar (delivery) e interrompe, até 31 de dezembro de 2020, liminares de despejo em ações ajuizadas a partir de 20 de março de 2020.

O Senador Jean Paul Prates (PT-RN) apresentou emenda a possibilidade de que o não pagamento de contas de serviços básicos como água e luz não interrompa o seu fornecimento. A relatora do projeto, Senadora Simone Tebet (MDB-MS) elogiou a proposta, mas sugeriu que isso seja tratado em lei específica. “O contexto atual do país exige que, nós parlamentares, busquemos medidas legislativas que ajudem no enfrentamento à Covid-19”, afirma.

Ainda de acordo com a texto, os síndicos de condomínios podem restringir o uso de áreas comuns; limitar ou proibir reuniões, festas e uso de estacionamentos para evitar a disseminação do coronavírus.

Foto: Waldemir Barreto/Agência Senado

O Rio Grande do Norte passa a ter 68 casos de pessoas com o novo coronavírus. As cidades com casos confirmados são Natal (34), Mossoró (16), Parnamirim (9), Assú (1), Caicó (1), Macaíba (1), Monte Alegre (1), Passa e Fica (1), São Gonçalo do Amarante (1), São José de Mipibu (1), Tibau (1).

Há ainda um caso confirmado de pessoa residente na cidade de Recife e que foi atendida no RN.

O boletim epidemiológico na íntegra com os dados atualizados será divulgado neste domingo no site saude.rn.gov.br

Sesap RN

Servidor trabalha em testes no IMT – Foto: Glória Monteiro/Cedida

A UFRN começou a realizar nessa quarta-feira, 25, testes para detecção do Covid-19 em pacientes do estado. Foram adquiridos kits para realização de três mil exames com recursos próprios da instituição e do seu Instituto de Medicina Tropical (IMT). Seguindo o protocolo do Ministério da Saúde, todas as amostras estão sendo coletadas pelo Laboratório Central de Saúde Pública do Rio Grande do Norte (LACEN/RN) e, em seguida, testadas no IMT e no Departamento de Análises Clínicas e Toxicológicas (DACT). Desde a semana passada, o DACT já estava atuando na identificação de arboviroses e outras infecções respiratórias para reduzir esta demanda do LACEN, que precisa concentrar sua força de trabalho nos exames de detecção do novo vírus.

De acordo com o chefe do DACT, Andre Ducati Luchessi, a força-tarefa com a realização de testes também na UFRN permite que a capacidade do Lacen possa ser aumentada. “Os três laboratórios estão processando três vezes o que o Lacen conseguiria processar em um único dia. Isso vai gerar um dinamismo muito grande”, conta. Para ele, a partir do momento que a UFRN chega com essa força-tarefa, ao lado do governo do Estado, por meio do Lacen, consegue ajudar a dar agilidade à situação. Ao demonstrar com rapidez os casos positivos e negativos, com números que se aproximam mais da realidade, os gestores têm maior condições de tomar as decisões, inclusive sobre a quarentena.

A diretora do IMT, médica Selma Jerônimo, chama atenção para a importância do esforço para acelerar o diagnóstico. Um paciente sem confirmação do novo coronavírus acaba ocupando leito no isolamento e ficando exposto ao risco de ser contaminado por quem realmente tem o vírus. “Esses testes são determinantes porque ajudam a distinguir os casos positivos de Covid-19. Com isso, temos condições de direcionar as pessoas acometidas para o tratamento adequado”, afirma Selma Jerônimo.

Francisco Paulo Freire Neto, farmacêutico-bioquímico do IMT, lembra que, o IMT também disponibilizou uma linha de teleatendimento para orientação das pessoas com sintomas respiratórios ou suspeita da Covid-19. O serviço está disponível das 8h às 18h, de segunda a sexta-feira, através do telefone 3342-2300. “O IMT foi pensado para responder a essas emergências e tem mostrado que, quando há uma necessidade, está pronto para atuar com apoio da comunidade universitária que tem conhecimento para atuar com qualidade”, finalizou.

A pós reunião realizada na manhã deste sábado (21), o prefeito de Natal, Álvaro Dias, anunciou que 30% da frota de ônibus continuará em circulação a partir de segunda-feira (23). Só serão transportados passageiros sentados.

Estavam presentes na reunião, além do prefeito, representantes de várias entidades, empresas de ônibus e hospitais da capital potiguar. “Foi a solução adotada e todos concordaram. Ao final do dia, vamos nos reunir e fazer uma avaliação, pra ver se há uma necessidade de aumentar ou diminuir a frota”, afirmou Álvaro Dias.

Na noite desta sexta-feira (20), o prefeito havia anunciado a suspensão total da circulação dos ônibus na cidade por tempo indeterminado, mas voltou atrás.

A medida faz parte do plano para conter a propagação do novo coronavírus.

Apenas passageiros sentados serão transportados em Natal.

Fonte: portal Agora RN

Em nota, o deputado federal General Girão (PSL-RN) comunicou que, em teste realizado na sexta-feira (20), foi diagnosticado com o novo coronavírus.

O General não apresenta nenhum outro sintoma além de um leve quadro febril e está seguindo rigorosamente as recomendações médicas, no sentido de que permaneça em casa, em regime de isolamento.

Foto: Reprodução


Foto: Reprodução 

As feiras livres do município de Natal, conforme estabelece a Portaria Nº 028/2020-GS/SEMSUR, estão suspensas. A medida leva em consideração os termos do Decreto Nº 11.920, que estabelece a situação de emergência na cidade em decorrência da pandemia do Covid-19. A Suspensão será válida durante todo o período emergencial. A portaria com todos os detalhes está na edição extra do Diário Oficial do Município publicado neste sábado (21).

A decisão da Prefeitura do Natal já está em vigor e as feiras do Alecrim e do Santa Catarina, que ocorrem neste sábado, estão suspensas. As equipes de Fiscalização e de Feiras da Secretaria Municipal de Serviços estão nos locais orientando usuários e feirantes.

A Semsur acrescenta ainda que, além da Portaria publicada nesta manhã, também cumpre decisão judicial que determina a suspensão imediata das atividades das feiras livres do Alecrim e do conjunto Santa Catarina.

Todas as medidas levam em consideração a não propagação do Coronavírus. A Secretaria de Serviços Urbanos, em consonância com a gestão da Prefeitura do Natal, está empenhada em garantir a seguridade do cidadão em meio a situação epidêmica em que se encontra toda a sociedade.

Do Blog do BG


Na noite desta segunda-feira (16.03.2020), o intitulado Grupo das Lideranças, após o afastamento da administração do prefeito Cássio, anuncia apoio à pré-candidatura do ex-prefeito Francenilson Alexandre.

Na opinião do grupo, o nome de Francenilson é o melhor e mais bem avaliado para assumir a gestão municipal.

Lembrando que Francenilson foi prefeito durante 9 meses e na visão do grupo fez uma gestão onde priorizou os munícipes dando oportunidade aos ielmomarinhesses. Segundo o pré-candidato a vereador Esteferson, “nosso grupo vem participar do projeto Francenilson com o objetivo de somar positivamente e porque vemos na pessoa dele um grande nome, capaz de administrar com responsabilidade nossa cidade”.

Nas palavras do pré-candidato Francenilson, “Fico extremamente grato a Deus pelo modo como as coisas estão acontecendo e me sinto lisongeado com a adesão do Grupo das Lideranças, uma equipe forte que tem um grande peso político, ética e muita responsabilidade, penso que o nosso município só tem a ganhar, pois essa união vem comprovar o compromisso e o cuidado que ambos direcionam a Ielmo Marinho.