Categoria: Rio Grande do Norte

PC/ASSECOM – A Polícia Civil do Rio Grande do Norte alerta a população potiguar sobre um golpe romântico virtual que está sendo aplicado por meio das redes sociais. O desfalque é conhecido como “Golpe do Don Juan” e vem sendo aplicado desde 2019, em vários estados brasileiros e em outros países do mundo.

De acordo com as investigações, os golpistas criam um perfil em sites/aplicativos de relacionamento ou redes sociais, com o objetivo de se aproximar das vítimas, demonstrando ser uma pessoa bem-sucedida que almeja ter um relacionamento sério e, no futuro, formar uma família. Além disso, na maioria dos casos, eles se apresentam como um policial estrangeiro, militar ou empresário.

Após o contato inicial e, consequentemente, conquista da confiança da vítima com declarações de amor, fotos e experiências pessoais, o golpista informa que precisará de dinheiro, pois alguém da família está em apuros ou que ele deseja viajar para encontrar a vítima, e, utilizando-se de alguma desculpa, pede para ela depositar dinheiro em uma conta corrente. Logo depois que as mulheres realizam o depósito com o valor solicitado, o golpista para de manter contato com a vítima.

Em um dos casos que chegou ao conhecimento da Polícia Civil, uma mulher de 68 anos, residente em Natal, manteve conversas por meio de uma rede social, com um homem de aproximadamente 75 anos, que se apresentava como uma pessoa residente em Israel, militar da reserva, divorciado, que desejava iniciar um relacionamento sério. Nas conversas, o golpista falava de sua família e de sua vontade de vir ao Brasil. Após desconfiança de familiares e diversos pedidos de videochamada negados, a mulher procurou a Polícia Civil, que verificou se tratar de um perfil falso.

Em caso de a pessoa ser vítima do golpe ou identificar que se trata de um perfil falso, deverá denunciar na rede social utilizada e é recomendável que se faça um boletim de ocorrência para conhecimento da Polícia Civil, sendo possível ser realizado o registro por meio da Delegacia Virtual, no site da instituição: www.policiacivil.rn.gov.br.

A Polícia Civil solicita que a população continue enviando informações de forma anônima através do Disque Denúncia 181.

O médico infectologista e coordenador do comitê científico da Prefeitura de Natal, Fernando Suassuna, concedeu entrevista ao Repórter 98 na noite desta segunda-feira (10).

O especialista disse que a capital potiguar vive atualmente uma “realidade diferente do mundo”, ao registrar números cada vez mais baixos de casos confirmados de Covid-19 e de letalidade pela doença. Além disso, afirma que, na capital potiguar não houve queda de doentes. Para ele, esse número “despencou”.

Suassuna ainda afirmou que o comitê científico da Prefeitura de Natal está preparando um estudo com os dados obtidos pela capital potiguar no combate ao coronavírus. A “hipótese” será publicada pelo grupo de especialistas e será apresentada em um Congresso, em breve

Fonte: Portal Grande Ponto

O reitor da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), José Daniel Diniz Melo, se reuniu com a representação estudantil, na tarde desta segunda-feira, 10 de agosto, para analisar os recursos do Plano Nacional de Assistência Estudantil (Pnaes), destinados ao Auxílio Instrumental. No encontro virtual, os participantes ponderaram as necessidades e o orçamento disponível, chegando ao valor de R$ 1.200 para o Auxílio Instrumental.

Levando em consideração que a UFRN possui cerca de 10 mil estudantes em situação de vulnerabilidade socioeconômica no Cadastro Único, a universidade estimou, inicialmente, um benefício entre R$ 600 e R$ 850 para atender a todos os alunos. Contudo, menos de 3.500 estudantes solicitaram o Auxílio Instrumental. Dessa forma, considerando ainda outras ações de assistência estudantil, o auxílio instrumental foi ajustado para R$ 1.200, garantindo a compra de melhores equipamentos de tecnologia da informação.

Para o reitor Daniel Diniz, o diálogo e a transparência são princípios seguidos pela UFRN e a instituição tem como missão oferecer a melhor condição possível aos estudantes, visando a inclusão e a excelência acadêmica. O primeiro coordenador-geral do Diretório Central dos Estudantes (DCE), Marcos Adriano de Oliveira, elogiou a Reitoria pela disponibilidade de diálogo, o que permite a participação dos alunos nas decisões sobre a assistência estudantil.

Conforme ficou decidido conjuntamente, visando não atrasar o pagamento do auxílio, o reitor assumiu a responsabilidade de fazer um provimento sobre a decisão do ajuste do tipo “ad referendum”, ou seja, que será aprovada posteriormente pelo Conselho de Administração (Consad). Logo em seguida, o pró-reitor de Assuntos Estudantis, Edmilson Lopes, fará uma retificação no edital, corrigindo o valor de R$850 para R$ 1.200.

Ascom-Reitoria

Essa semana o Justiça e Você e o TJRN Notícias destacam as ações de biossegurança adotadas pelo Poder Judiciário do Rio Grande do Norte para o início da retomada das atividades presenciais. O TJRN está sinalizando e equipando os fóruns e o prédio sede para garantir a segurança sanitária de todos enquanto perdurar a pandemia do novo coronavírus.

O Justiça e Você também mostra os cursos e debates promovidos pela Escola da Magistratura do Rio Grande do Norte para preparar magistrados e servidores para as novas rotinas de trabalho impostas pela crise sanitária da COVID-19.

O TJRN Notícias destaca a prorrogação, até o dia 31 de agosto, dos prazos dos processos físicos, com exceção para as cinco comarcas que iniciaram a retomada dos serviços presenciais.

O Justiça e Você e o TJRN Notícias são produzidos pela Secretaria de Comunicação Social do TJRN. Confira os horários de veiculação dos programas nas emissoras conveniadas:

Exibição TJRN Notícias

TV Câmara de Natal – 11/08/2020 às 8h30
TV Potiguar – 11/08/2020 às 21h
Sidy’s TV – 11/08/2020 às 12h
TV Câmara de Currais Novos – 12/08/2020 às 8h
TCM Mossoró – 12/08/2020 às 14h
TV Natal (NET) – 12/08/2020 às 19h30
TV Ponta Negra – 15/08/2020 às 12h15
TV Cristo Rei – 16/08/2020 às 9h
TV Feliz – 16/08/2020 às 10h
TV Tropical – 16/08/2020 às 8h

Exibição Justiça e Você

TCM Mossoró – 10/08/2020 às 19h30
TV Potiguar – 11/08/2020 às 12h30
TV Assembleia – 11/08/2020 às 20h
TV Natal (NET) – 12/08/2020 às 19h30
TV Câmara de Currais Novos – 14/08/2020 às 8h
TV Câmara de Natal – 15/08/2020 às 19h30
Sidy’s TV – 15/08/2020 às 12h
TV Cristo Rei – 16/08/2020 às 9h

TJRN

O senador Styvenson Valentim (Podemos) teve o número do seu celular clonado e teve seu WhatsApp utilizado para pedir transferências bancárias às pessoas. No perfil das suas redes sociais, Styvenson avisou, nesta segunda-feira (10) e alertou para que não caíssem no golpe.

“Gente, quem tiver meu WhatsApp e tiver recebendo mensagem pedindo dinheiro, 5 mil ou 10 mil reais, clonaram meu telefone. Não sou eu. É um vagabundo, safado e bandido, que deve estar usando meu número para pedir dinheiro para vocês”, falou.

O senador reforçou que não fosse depositado “nenhum real” na conta do golpista. “Não depositem nenhum real na conta deste vagabundo. Clonaram meu telefone”, disse.

Este tipo de golpe acontece quando os fraudadores se apropriam do código de ativação do mensageiro, enviado por SMS ao celular do usuário. Roubos de informações em sites famosos também podem ser utilizados para clonar seu número.

Do Agora RN


Foto: Reprodução 


O pagamento do auxílio emergencial representa 10% do Produto Interno Bruto (PIB) de 103 das 167 cidades do Rio Grande do Norte. O número foi revelado nesta segunda-feira (10) em estudo da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE). Os pesquisadores analisaram a relação entre os recursos federais e a manutenção da economia dos municípios brasileiros.

Segundo o estudo, o impacto estimado para todos os Estados do Nordeste, somados, é, em média, 6,5% do PIB. O valor representa é mais que o dobro da média nacional (2,5%). O Estado mais beneficiado é o Maranhão, com algo em torno de 8,6% do seu PIB. Para o Rio Grande do Norte, o impacto é de 5,3% do PIB potiguar.

O principal dado do levantamento, no entanto, é sobre o impacto do programa federal nas contas municipais. Os dados levantados pela UFPE mostram que as cinco parcelas auxílio emergencial equivalem a 10% ou mais do PIB para 1.709 municípios brasileiros. Deste total, 80,4% das cidades estão localizadas nos 9 Estados do Nordeste: Bahia (324), Piauí (200), Maranhão (192), Paraíba (186), Ceará (138), Pernambuco (131), Rio Grande do Norte (103), Alagoas (57) e Sergipe (44).

Ainda de acordo com o estudo, apesar de o estado de São Paulo ser o maior recebedor de recursos, em termos absolutos, quando comparado com o tamanho da sua economia e o impacto sobre o PIB, sua posição é de 25º. O estado mais beneficiado é o Maranhão, com algo em torno de 5% do seu PIB. “Os municípios das regiões Sul e Sudeste são os menos impactados relativamente analisando, ou seja, como percentual do PIB”, explicou o professor de economia da UFPE, Ecio Costa.

Para o pesquisador, o que mais chamou a atenção na pesquisa foi a eficácia e o foco da política. “A política vai diretamente na família dos municípios mais pobres das regiões mais pobres do Brasil e traz um impacto significativo para esses municípios, justamente pela forma como está sendo conduzida: não há intermediários, é uma transferência de recursos direta para essas pessoas que mais precisam, quer sejam cadastrados no Bolsa Família, Cadastro Único e também os informais. Então, traz realmente um impacto significativo tanto nas famílias mais pobres, como nos municípios que mais necessitam”, analisou.

Do Agora RN


Policiais civis da Delegacia Especializada em Narcóticos (DENARC) de Natal prenderam em flagrante, nesta segunda-feira (10), Givaldo Batista da Silva, 29 anos, e Radidja Valquíria Dantas de Assis, 18 anos.

Givaldo Batista e Radidja Valquíria foram presos no bairro das Quintas, localizado na Zona Oeste de Natal, pela suspeita da prática dos crimes de tráfico de drogas, associação para o tráfico e posse irregular de arma de fogo.

As diligências foram iniciadas após o recebimento de denúncias anônimas, informando que existia um laboratório de fabricação de cocaína no bairro das Quintas. No local indicado, os policiais confirmaram a veracidade da denúncia e, em seguida, fecharam o laboratório.

No imóvel, os policiais apreenderam, com os suspeitos, quatro quilos de insumos para fabricação de cocaína, uma balança de precisão, um microondas, dois cadernos de contabilidade, sacos plásticos para embalar drogas, porções de “crack”, além de uma pistola calibre .380 municiada, dois aparelhos celulares, três relógios, uma quantia em dinheiro fracionado e dois aparelhos de TV.

Eles foram conduzidos até a delegacia e encaminhados ao sistema prisional, onde ficará à disposição da Justiça. A Polícia Civil pede que a população continue enviando informações de forma anônima, através do Disque Denúncia 181.

G1 RN – O Tribunal Superior Eleitoral manteve a cassação do mandato do deputado estadual Sandro Pimentel (PSOL), do Rio Grande do Norte. A decisão é relativa a um recurso onde o deputado tentava reverter uma decisão do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) de 2019. A cassação se dá por irregularidades na prestação de contas referente à campanha eleitoral de 2018. O responsável pela decisão publicada na tarde desta segunda-feira (10) foi o ministro Luis Felipe Salomão. Ainda cabe recurso.

No julgamento, o Tribunal destaca que a conduta do deputado caracteriza ilícito previsto no art. 30-A da Lei 9.504/97. Ele é investigado por receber recursos financeiros na conta de campanha sem comprovação da origem do dinheiro. A decisão do TSE destaca que o deputado teria recebido de forma irregular a quantia de R$ 55.644,91, o que representou 83,23% do total de gastos na campanha de 2018.

A assessoria do deputado estadual Sandro Pimental informou que ele vai recorrer da decisão. Enquanto o caso não for julgado pelo Pleno do TSE, Sandro Pimentel continua ocupando o cargo na Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte. Caso perca o mandato, o suplente da coligação é Robério Paulino (PSOL).

O Ministério Público de Rio Grande do Norte instaurou um inquérito civil para apurar superlotação do transporte público de Natal. O procedimento foi instaurado após denúncias de ônibus circulando pela capital acima da capacidade máxima de pessoas. Em nota, o Sindicato das Empresas de Transportes Urbanos (Seturn) afirmou que não recebeu intimação sobre o processo.

Uma medida sugerida pelo sindicato é o fim da meia passagem para estudantes que estão sem aulas, durante horários de pico. O sistema de ônibus está atuando com 54% da frota. Apesar de o plano de reabertura das atividades econômicas da capital ter sido feira no início de julho, o transporte público não acompanhou o aumento de pessoas circulando pela cidade.

O temor é de que a lotação nos veículos do transporte urbano pode ampliar o número de contágios da Covid-19 na capital.

Confira a nota do Seturn

A respeito da abertura de procedimento de investigação pelo Ministério Público para averiguar superlotação no sistema de transporte público, o SETURN informa que até o momento não recebeu qualquer intimação para prestar esclarecimentos sobre excesso de lotação nos ônibus e sempre se manteve à disposição das autoridades.

Adicionalmente esclarece que desde o início da pandemia tem colaborado com ações de enfrentamento, seguindo os protocolos de segurança instituídos pelas autoridades públicas, com reforço da higienização e campanhas de conscientização.

A reabertura do comércio na capital tem sido realizada com máximo sucesso, sem que tenha ocorrido acréscimo no número de contaminados. Ao contrário, Natal segue firme na redução do número de leitos ocupados por pacientes com COVID-19.

Registra-se que as empresas e o órgão gestor acompanham dia-a-dia a evolução do número de passageiros e seguem incrementando a oferta do serviço. Atualmente são realizadas 1.550 viagens por dia no sistema regular de transporte, com o volume de passageiros na semana passada em torno de 120 mil/dia, equivalente a 40% da média histórica (300 mil/dia), mas com contrapartida de 300 veículos em operação, aproximadamente 54% da frota regular. Assim, no atual momento há um volume de assentos muito superior à média histórica. O sistema não está superlotado, das 1.550 viagens apenas 1% delas tem lotação completa.

Na sexta-feira (7), por exemplo, houve o retorno do Corujão com 08 viagens especiais. Naquele dia foram transportados 33 passageiros, no sábado (08), 24 passageiros e no domingo (9) 28 passageiros, ou seja, uma média inferior a 4 passageiros por viagem com R$ 14,00 de arrecadação, enquanto o custo estimado de uma viagem de ônibus é de R$ 350,00.

Assim, alerta para a responsabilidade com o equilíbrio econômico do contrato de prestação dos serviços públicos, pois medidas desarrazoadas poderão encarecer desproporcionalmente o transporte público prejudicando toda a economia local.

Por fim, espera-se que a investigação do Ministério Público busque soluções para desafogar o transporte nos horários de pico, como, por exemplo, a restrição nos horários de pico para gozo da meia entrada para os estudantes enquanto não houver o retorno às aulas e gratuidade aos idosos, maior grupo de risco ao contágio da COVID-19; medidas já adotadas com sucesso em diversas outras cidades.

Do Agora RN

Foto: Elisa Elsie

A governadora Fátima Bezerra anunciou, nesta segunda-feira (10), o envio à Assembleia Legislativa do Projeto de Lei (PL) que institui e disciplina a Lei Geral da Micro e Pequenas Empresas no estado. Até hoje o RN não possui uma lei geral, em âmbito estadual, que favoreça este setor, apesar de todos os municípios terem leis próprias. O anúncio foi feito ao lado do vice-governador Antenor Roberto, em reunião na sede do Sebrae-RN, em Natal, e o projeto deve ser encaminhado ainda nesta semana.

O projeto será um novo marco para os pequenos negócios, fomentando ações como economia solidária e cooperativismo. Após tramitar na Assembleia Legislativa, a expectativa é que o dispositivo seja aprovado para ser sancionado pela governadora. A ação amplia a geração de emprego e renda e se torna uma importante estratégia de enfrentamento à crise econômica causada pela pandemia.

“Estamos no quinto mês lutando para proteger e preservar vidas, apreendendo a conviver com a Covid-19. Mesmo com todas as iniciativas que implantamos para reduzir o impacto sofrido pelo setor econômico, prorrogando impostos, licenças e exigências, muitas empresas foram obrigadas a encerrar suas atividades e, infelizmente, demitir milhares de trabalhadores”, lembrou a governadora ao destacar a importância do Projeto de Lei.

A criação do PL foi um compromisso da governadora com os pequenos empresários ao assumir o governo. “Nosso Governo não abre mão do diálogo sério e construtivo, com um perfil de desburocratização. É chegada a hora de criarmos um novo ambiente para se empreender no RN e essa lei vem no sentido de criar políticas de desenvolvimento e incentivos tributários, simplificar, fortalecer as compras governamentais, estimulando o crédito e a inovação. Criar esse ambiente será fundamental para o desenvolvimento econômico sustentável dos pequenos negócios, principalmente agora quando esses negócios estão fragilizados. Que venham outras contribuições e que possamos ter uma Lei moderna e aplicável junto à essa nova realidade”, esclareceu a chefe de Estado. Ler mais…

Foto: reprodução

O Tribunal Superior Eleitoral cassou o mandato do deputado Sandro Pimentel, do PSOL.

A decisão foi tomada nesta segunda-feira em recurso no qual a defesa do deputado tentava reverter a decisão do Tribunal Regional Eleitoral.

Em julho do ano passado, o TRE definiu que Pimentel deveria ter o mandato cassado.

A cassação se dá por irregularidade identificada na realização de sete depósitos bancários entre os dias 10 de setembro e 01 de outubro de 2018 sem que fosse comprovada a origem dos recursos na campanha.

Pimentel tem três dias para recorrer ao pleno do TSE, sob pena de do cumprimento da decisão do relator do caso, ministro Luis Felipe Salomão.

Como ele decidiu que não cabe reformar a sentença do TRE, a perda do mandato de Pimentel significa que o suplente do PSOL, Robério Paulino, assume posto na Assembleia Legislativa.

Blog do DINA


O cenário da Covid-19 no Rio Grande do Norte ainda apresenta aumento de casos em municípios das regiões Seridó e Oeste. O Governo do Estado, através da Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap), mantém a articulação com as secretarias municipais para conter a disseminação. A subcoordenadora de vigilância epidemiológica da Sesap, Alessandra Luchesi, disse, na coletiva para atualização de ações e dados da pandemia, que neste momento de retomada das atividades sociais e econômicas é preciso continuar respeitando normas e parâmetros de biossegurança, usar máscara e cuidar da higiene pessoal, portar álcool 70° ou preferencialmente lavar as mãos com água e sabão frequentemente.

“Também continua necessário observar as normas para cada tipo de atividade dos vários setores da economia. Isto é importante para que os números não tenham alterações negativas e mais pessoas adoeçam”, alertou Alessandra, acrescentando: “O Governo do RN mantém o compromisso de enfrentamento à Covid, de manutenção e garantia de insumos para detecção de casos e diagnósticos e tratamento para salvar a vida de muitos potiguares”.

DADOS

Nesta segunda-feira, 10, a taxa de ocupação de leitos é de 55%. Há 400 pacientes internados em hospitais das redes pública, privada e filantrópica – 196 em leitos críticos e 204 em leitos clínicos. A fila de regulação tem 3 pacientes para leitos críticos, 6 para leitos clínicos e 14 aguardando transporte sanitário.

Por região, a ocupação de leitos é: Oeste – 68%, Metropolitana de Natal – 50%, Pau dos Ferros – 45%, Mato Grande – 40%, Agreste – 40% e Seridó 66%. Os casos confirmados são 55.420, os suspeitos somam 18.016, descartados 90.563, óbitos 1.977 (03 nas últimas 24 horas) e há 194 óbitos em investigação.

Alessandra Luchesi informou que as notificações diminuem nos finais de semana devido à redução nas escalas de serviço e adiamento no repasse de dados. Isto pode significar um aumento dos registros nos dias iniciais da semana.

TRABALHO PRESENCIAL

Ainda na coletiva, a secretária estadual de Administração (Sead), Virgínia Ferreira, informou sobre o avanço do Plano de Retomada do Trabalho Presencial no âmbito do Governo do RN. Diversas secretarias como Sesap, Sesed, Polícias Civil e Militar, Itep e Sead já vinham trabalhando presencialmente. No último dia 3 de agosto os cargos comissionados reiniciaram atividades. No próximo dia 17, retornam os servidores com até 50 anos. Dia 31, servidores com idade entre 51 e 59 anos.

O Plano prevê que permanecem em home office os servidores com mais de 60 anos, os que têm comorbidades e aqueles com filhos até 12 anos. “A nossa preocupação é evitar que haja maior circulação de pessoas. Para isso propomos que os secretários de cada pasta criem comissões para avaliar as condições dos servidores levando em consideração o horário de expediente, matutino, vespertino ou dias alternados, para evitar aglomerações nos prédios, maior circulação de veículos e ocupação de transportes públicos”, afirmou Virgínia Ferreira.

O Governo do RN, através da Sesap, também vai oferecer teste de Covid nos locais de trabalho. “A governadora Fátima Bezerra determinou que as medidas sempre sejam tomadas em função do bem maior, que é a vida”, encerrou Virgínia.

Assecom-RN


Crédito da Foto: João Gilberto

Em mais uma reunião realizada virtualmente, o Comitê de Servidores para Prevenção e Combate à COVID-19 da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte apresentou o documento de orientações para a retomada dos trabalhos presenciais na Casa. A equipe se reuniu nesta segunda-feira (10), via plataforma Zoom pela Escola da Assembleia, a convite das Diretorias Financeira e Administrativa e a de Políticas Complementares para detalhar as ações. A primeira fase da retomada está prevista para o dia 17 deste mês e as fases subsequentes dependerão dos números da pandemia e resultados obtidos com a retomada.

As principais medidas estabelecidas para a retomada dos trabalhos presenciais serão: poderão voltar somente 20% dos servidores, o home office continua sempre que possível, haverá rodízio dos servidores em dias alternados, será cumprido o distanciamento social de no mínimo 1,5 a 2 metros, haverá o controle na entrada – aferição de temperatura dos servidores, triagem com o pessoal do setor de saúde, o uso de máscaras será obrigatório, as medidas de higiene serão reforçadas, tais como lavagem de mãos, uso de álcool em gel, limpeza e desinfecção, não será permitido o compartilhamento de objetos entre os servidores e a entrada de dependentes e da comunidade continua vedada.

“A ação de retomada só será possível em virtude de um planejamento minucioso. O nosso maior objetivo é que a volta dos trabalhos presenciais aconteça de forma segura para todos”, disse o médico equipe Thales Antônio Souza Fernandes Lopes, membro do Comitê, ao apresentar o plano de retomada.

De acordo com o diretor de Políticas Complementares da ALRN, a minuta para publicação do ato de retomada, formulada pelo Comitê, está com a Diretoria Geral para os ajustes finais e deverá ser publicada nos próximos dias. Serão seguidas três fases de reabertura, sendo que as fases dois e três vão funcionar de acordo com os resultados desta primeira fase, onde a Assembleia Legislativa terá horário reduzido de funcionamento (8h às 13h), não será aberta ao público externo e a presença dos servidores nos setores se dará em sistema de rodízio, mantendo aqueles pertencentes aos grupos de risco ainda em sistema de home office. Ler mais…


A Polícia Rodoviária Federal (PRF) flagrou, neste final de semana, nas rodovias federais que cortam o estado do Rio Grande do Norte, 30 pessoas que dirigiam veículos e tinham ingerido bebida alcoólica.

Com o retorno do funcionamento dos bares e restaurantes, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) intensificou em todo o estado, a fiscalização que combate o crime de dirigir sob a influência de álcool. Durante o final de semana, 28 pessoas foram autuadas e duas foram presas, por terem consumido bebida alcoólica e estarem dirigindo.

Foram presos, um homem de 53 em Goianinha/RN, e outro de 35 anos em Pau dos Ferros/RN, cujos testes de etilômetro resultaram em 0,49 e 0,81 mg/l (miligramas de álcool por litro de ar expelido dos pulmões), constatando a embriaguez alcoólica dos condutores. Além de terem sido autuados e as carteiras de habilitação recolhidas, os dois motoristas foram encaminhados às Delegacias de Polícia Civil de cada região, pelo crime elencado no art. 306 do Código de Trânsito Brasileiro (“Conduzir veículo automotor com capacidade psicomotora alterada em razão da influência de álcool ou de outra substância psicoativa que determine dependência”).

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) continuará implementando essas ações de combate ao crime de embriaguez ao volante, e alerta a necessidade de conscientização dos motoristas que trafegam nas rodovias federais potiguares.

Agência PRF RN