A Polícia Rodoviária Federal recuperou, no final da tarde desta terça-feira (28), no km 108 da BR 101, perímetro urbano de Parnamirim/RN, um ciclomotor Traxx e prendeu o condutor do veículo.

O flagrante ocorreu por volta das 17 h, durante uma fiscalização de rotina, momento em que foi abordado o condutor. Questionado sobre os documentos pessoais e do veículo, o homem respondeu que não portava nenhum. Informou ainda que havia comprado a Traxx por R$ 800, a uma pessoa desconhecida.

Foram realizadas consultas aos sistemas, através da numeração de chassi, onde foi constatado que havia registro de roubo/furto para o ciclomotor.

Diante dos fatos, o homem foi preso e encaminhado à Central de Flagrantes de Natal, sendo autuado pelo crime de receptação.

Agência PRF RN

Na reforma da Previdência da governadora Fátima Bezerra, o servidor que recebe R$ 2 mil terá taxado o valor de R$ 220,00. Já na reforma bolsonarista, o servidor terá taxado o valor de R$ 164,32. Ou seja, a diferença na contribução, só nesse caso, é de R$ 55,68 a mais.

Já o servidor aposentado ou pensionista do Rio Grande do Norte será ainda mais penalisado com a reforma. Um trabalhador que recebe R$ 3 mil, hoje, não precisa contribuir com a previdência. Com a reforma de Fátima, esse mesmo trabalhador vai contribuir R$ 220,00. Na reforma Bolsonaro, esse mesmo servidor não seria taxado.

Isso porque na proposta de reforma no âmbito estadual, a governadora pretende taxar em 11% os trabalhadores que recebem até R$ 5.839,45, incluindo os servidores aposentados e pensionistas que hoje não precisam contribuir com a Previdência. A forma escolhida por Fátima penalisa os servidores mais humildes e o Sindicato dos Servidores Públicos da Administração Direta do Estado é contra toda e qualquer retirada de direitos dos trabalhadores.

Os servidores estaduais estão há cerca de dez anos sem receber qualquer reposição salarial e ainda enfrentam três folhas de salário atrasadas. O próprio governo reconhece que a reforma não vai resolver o problema da previdência. Aliás, é preciso que o Estado realize concursos públicos para resolver de vez o déficit previdenciário.

Nos dias 03 e 04 de fevereiro as entidades sindicais convidam todos os servidores públicos para uma grande grevel geral. No dia 03, o ato unificado vai acontecer a partir das 09h, em frente à Assembleia Legislativa.

Por Sinsp RN

O tão aguardado livro “Coisas que Escrevo”, do professor, teatrólogo, ativista cultural, youtuber e artista plástico Júscio Marcelino, foi finalmente lançado, no último dia 28 de janeiro de 2020, no Arco Iris Recepções.

O livro marca o inicio da safra de lançamentos de livros de autores macaibenses para este ano.

Juscio é um nome hoje que é impossível ser disassociado de Macaiba, em especial da comunidade do Conjunto Alfredo Mesquita Filho, ao qual ainda incluo a escola de mesmo nome, onde Juscio debutou como professor de Educação Artística, em 1983, ao qual tive a honra de ser seu aluno.

Passados todos esses anos, o artista evoluiu sua sensibilidade e hoje nos presenteia com este belo trabalho de registro sobre suas vivências mescladas com linhas ficcionais.

Juscio diz se inspirar nos amigos. Mas, na noite de ontem, foi ele o grande inspirador de todos. Seu discurso foi digno dos filhos que amam a mãe terra Macaíba!!! PARABÉNS, MESTRE!!!

Por Rômulo Estânrley (via Facebook)

O presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Gustavo Montezano, reafirmou hoje (29) que a auditoria externa contratada pela instituição não encontrou irregularidades nos contratos com o grupo J&F. Segundo Montezano, “não há nada mais esclarecer” em relação às operações do banco.

“Com relação aos casos escandalosos de corrupção que houve no Brasil e que o BNDES emprestou recursos para eles, a gente tem que esclarecer que até hoje nada de ilegal foi encontrado no BNDES”, disse Montezano.

A investigação se concentrou em apurar evidências de violação de leis anticorrupção no Brasil e nos Estados Unidos, envolvendo oito contratos do grupo com o BNDES, firmados entre 2005 e 2018, que totalizaram R$ 11,34 bilhões (R$ 20,1 bilhões, em valores atualizados pelo IPCA).

Durante entrevista à imprensa para tratar do tema, Montezano corrigiu o valor que teria sido pago com a investigação, de R$ 48 milhões para R$ 42,7 milhões (em valores pagos em dólar tendo como base a data em que cada contrato foi firmado).

A auditoria foi contratada em 2017 e 2018, durante o governo do então presidente Michel Temer, com custo inicial total de R$ 23,4 milhões, e recebeu dois aditivos. De acordo com Montezano, em 2018, em razão da ampliação do volume de trabalho nas investigações, houve uma suplementação no valor de R$ 5,067 milhões, realizada em novembro daquele ano.

Em julho de 2019, em decorrência das investigações da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) do BNDES e da Operação Bullish, da Polícia Federal, que investigou o favorecimentos do banco ao grupo J&F, foi aprovado o aumento do escopo da auditoria, com um novo aditivo de R$ 11,9 milhões no valor do contrato. Segundo Montezano, a decisão ocorreu antes de sua posse como presidente do banco, no dia 3 de julho.

“O escopo adicional da Bullish e da CPI foi aprovado no BNDES em diretoria no dia 2 de julho e no conselho [diretor] no dia 22 do mesmo mês. Não participei como diretor-presidente na aprovação do dia 2 e também não participei da aprovação do conselho porque, na regra de governança do banco, o presidente não faz parte do conselho”, disse.

Montezano disse que o aditamento era necessário em razão das novas informações trazidas pela CPI e pela operação. Segundo ele, se não houvesse o aumento no escopo da investigação, o relatório final da auditoria ficaria praticamente sem valor e jogaria dúvidas sobre a extensão dos procedimentos de compliance do banco. “Se isso não tivesse sido feito, o relatório seria publicado com a ressalva existência das duas investigações o que praticamente o tornaria invalido [como instrumento de investigação]”, afirmou.

As explicações do BNDES ocorrem após o presidente da República, Jair Bolsonaro, ter feito críticas à auditoria ao dizer que “tem coisa esquisita”. “Entendi que ele quis dizer com ‘raspar o tacho’ que parecia que alguém queria gastar todo o dinheiro [do BNDES] e a gente provou aqui que não foi o caso, que o banco gastou o necessário para cumprir o escopo da investigação”, disse.

Montezano disse ainda que é “razoável” as pessoas terem dúvidas sobre as operações do banco, especialmente as que envolveram empresas pegas em casos de corrupção. “É legítimo que o cidadão brasileiro se pergunte como você pode liberar R$ 20 bilhões para uma empresa, R$ 50 bilhões para outra e essas empresas participaram de grande escândalos de corrupção e não tem nada ilegal? É legitimo que o cidadão tenha essa dúvida e pergunte para onde foi o meu dinheiro”, disse.

Da Agência Brasil

GOOGLE IMAGENS

SESAP/ASSECOM – Considerando o cenário de perigo iminente diante da atual situação epidemiológica do novo coronavírus na China e a confirmação da disseminação da doença em outros países, a Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap), por meio da Subcoordenadoria de Vigilância Epidemiológica (Suvige), lançou uma nota técnica para fortalecer as recomendações da Organização Mundial de Saúde (OMS) e Ministério da Saúde (MS).

O objetivo é alertar os profissionais de saúde quanto a possíveis casos sintomatológicos de doença respiratória que tenham histórico de viagem para as áreas de transmissão nos últimos 14 dias e que atendam à definição de caso suspeito do novo coronavírus.

A transmissão dos coronavírus costuma ocorrer pelo ar ou por contato pessoal com secreções contaminadas, como: gotículas de saliva, espirro, tosse, catarro, contato pessoal próximo – como toque ou aperto de mão, contato com objetos ou superfícies contaminadas, seguido de contato com a boca, nariz ou olhos.

Os principais sintomas clínicos referidos são principalmente respiratórios: tosse, febre e dispneia (dificuldades ao respirar). Não existe tratamento especifico para infecções causadas por coronavírus humano. Dependendo do caso algumas medidas podem ser adotadas para alivio dos sintomas, como uso de medicamento para dor e febre. Assim que os primeiros sintomas surgirem, é fundamental procurar ajuda médica imediata para confirmar ou descartar o diagnóstico e iniciar o tratamento.

A Sesap orienta aos profissionais de saúde que todo caso suspeito deverá ficar mantido em isolamento respiratório e deve ser notificado de forma imediata pelo profissional de saúde responsável pelo atendimento, ao Centro de Informações Estratégicas de Vigilância em Saúde (CIEVS/RN).

As precauções recomendadas para o público em geral são:

Lavagem de mãos frequente com água e sabão, com duração mínima de 20 segundos, ou usar um desinfetante para as mãos à base de álcool;

Evitar tocar nos olhos, nariz e boca, com as mãos não lavadas;

Evitar contato próximo com pessoas doentes;
Ficar em casa quando estiver doente;

Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com lenço de papel descartável, jogando-o no lixo após uso;

Manter os ambientes bem ventilados;

Limpar e desinfetar objetos e superfície tocados com frequência;

Não compartilhar objetos de uso pessoal (talheres, pratos ou garrafas);

Evitar aglomeração de pessoas;

Evitar contato próximo com animais selvagens e animais doentes em fazendas ou criações;

Evitar viagens à China e países com transmissão local do vírus, neste momento, e se possível evitar locais com casos suspeitos da doença.

Confira aqui a nota técnica.


O Governo do Estado investirá R$ 8 milhões no Parque Científico e Tecnológico do Rio Grande do Norte Augusto Severo (PCTRN), no município de Macaíba, em um esforço coletivo com a Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) e outras instituições para estruturação do equipamento.

Com previsão para ter início em 2021, será o primeiro parque no Rio Grande do Norte com característica estadual onde as instituições e as empresas poderão empreender e inovar no espaço. O recurso faz parte do acordo de empréstimo do Governo do Estado, por meio do Governo Cidadão, com o Banco Mundial, após a readequação feita no projeto Governo Cidadão.

A governadora Fátima Bezerra recebeu, nesta terça-feira (28), o reitor da UFRN, José Daniel Diniz, a assessora Ângela Paiva, e os convidados da Universidade Federal de São Carlos, o diretor e pesquisador do Centro de Desenvolvimento de materiais Funcionais CDMF, Elson Longo, e a representante da empresa Katléia, Valéria Longo. O encontro ocorreu na Governadoria.

O reitor explicou que o projeto está em um momento de definições com os parceiros para início dos trabalhos. “Será um espaço de inclusão, formação e fomento para as empresas em diversos segmentos”.

Para Elson Longo, “É uma ótima construção, não deve em nada aos parques que conheci no exterior. Está pronto para um retorno financeiro. Vejo grandes possibilidades para desenvolver o parque tecnológico e a economia local. O RN está bem localizado geograficamente e com muitas riquezas naturais sendo mais uma vantagem para o equipamento”.

Em apoio ao desenvolvimento tecnológico no Estado, a governadora enfatizou o trabalho que vem realizando para atrair novas indústrias e investimentos. “Estamos avançando cada vez mais na busca de novos parceiros em prol do crescimento econômico do Estado, motivados e preparando o RN para o desenvolvimento. Mesmo diante das dificuldades orçamentárias, fizemos questão de incluir o projeto do parque para alavancar a economia. Em nossas viagens ao exterior sempre apresentamos o parque em busca de novos investidores”, explicou.

Também participaram da reunião os secretários Jaime Calado (Desenvolvimento Econômico), Fernando Mineiro (Gestão de Projetos, Metas e Articulação Institucional) e Gustavo Coelho (Infraestrutura). Além dos diretores da Fundação de Apoio à Pesquisa do RN (Fapern), Clodomiro Alves (Científico) e Júlio Rezende (Inovação).

O parque irá promover polos de inovação e empreendedorismo em áreas como energias renováveis, mineração, pesca, aquicultura, setor têxtil, turismo, fruticultura e serviços. Vai estimular a cultura do empreendedorismo inovador, a partir da junção de Governo, Academia e setor privado, desenvolvendo áreas importantes e que requerem ciência e tecnologia de alto impacto, o que trará benefícios para o Estado, fomentando a pesquisa e atraindo empresas.

O projeto de implantação do parque envolve a Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) em parceria com a Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN), o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do RN (IFRN), a Universidade Federal Rural do Semi-Árido (Ufersa), a Federação das Indústrias do RN (Fiern), por meio do Sesi e do Centro de Tecnologias do Gás e Energia Renováveis (CTGAS-ER), Fecomércio e o Sebrae-RN.

Foto: Elisa Elsie

Foto: Ilustrativa

Policiais civis da Delegacia Especializada em Assistência ao Turista (DEATUR) e da Delegacia Especializada em Defesa ao Meio Ambiente (DEPREMA) prenderam, na noite dessa terça-feira (28), um grupo de quatro turistas de Brasília, pela suspeita da prática do crime alojar-se em hotel sem dispor de recursos para efetuar o pagamento.

Segundo as investigações, o grupo pagava a hospedagem com cartão de terceiros que não afirmava quem seriam, ou seja, possíveis vítimas. Além disso, o grupo conseguia sair do hotel sem pagar o consumo do período hospedado.

As diligências, que foram empreendidas após o recebimento de denúncias, resultaram na prisão do grupo, em um hotel localizado no bairro de Tirol, na Zona Leste da Capital Potiguar. Os policiais civis encontraram no carro do grupo, um HB20 Branco, com placa de Brasília, vários cartões de diversos hotéis, além de cartões de supostas vítimas.

Todos eles foram conduzidos até a Delegacia de Plantão, onde foi lavrado um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO). A Polícia Civil pede que a população continue enviando informações de forma anônima através do Disque Denúncia 181.

Fonte: Secretaria de Comunicação Social da Polícia Civil/RN – SECOMS

O PSB do Rio Grande do Norte marcou para a próxima quinta-feira (6), às 17h40, no auditório da Assembleia Legislativa, a filiação dos deputados estaduais Hermano Morais e Souza. Durante o ato, prefeitos, vereadores e demais lideranças também serão filiadas.

O presidente nacional da legenda, Carlos Siqueira, participa do ato, que será presido pelo deputado federal Rafael Motta, que está à frente da legenda no Estado.

Hermano Morais está no seu terceiro mandato como deputado estadual. Servidor da Caixa Econômica Federal, ele é graduado em Direito e tem pós em Gestão Pública. Foi vereador do Natal por quatro legislaturas e é pré-candidato a prefeito da cidade.

Souza exerce o seu segundo mandato na Assembleia Legislativa, tendo sido o deputado que mais ampliou a votação entre os anos de 2014 e 2018. Ele é agrônomo, servidor público federal e já foi vereador, vice-prefeito e prefeito do município de Areia Branca.

O Ministério da Saúde confirmou no fim da tarde de ontem (28) que o Brasil tem três casos suspeitos de coronavírus. Além de uma estudante de 22 anos, que está internada em Belo Horizonte, mais duas pessoas têm suspeitas de portar o vírus. Uma delas está em Porto Alegre (RS) e outra em Curitiba (PR).

Segundo o ministério, esses pacientes se enquadram na atual definição de caso suspeito. Eles apresentaram febre e pelo menos um sinal ou sintoma respiratório; além de terem viajado para a China, país onde a contaminação teve início, nos últimos 14 dias. O ministério não ofereceu mais detalhes sobre os casos.

Dados do ministério apresentados na manhã desta terça-feira mostraram que, no período de 3 a 27 de janeiro, foram analisados 7.063 suspeitas de pessoas com coronavírus no Brasil. Desses, 127 exigiram a verificação mais detalhada e apenas o caso da estudante em Belo Horizonte havia sido enquadrado como suspeita.

Diante da epidemia que tem se espalhado rapidamente pela Ásia e atingindo também países da Europa e da América do Norte, o ministério recomenda que os brasileiros evitem viagens à China. O ministro Luiz Henrique Mandetta pediu para que as viagens apenas sejam realizadas se forem necessárias. Ler mais…

O senador Styvenson Valentim visitou a Escola Municipal Luis Cúrcio Marinho, na comunidade Lagoa do Tapará, em Macaíba. O senador destinou uma emenda no valor de R$ 250 mil para o município e será utilizada para reforma desta escola. Styvenson estava acompanhado por membros do partido Podemos em Macaíba.

Do Macaíba no Ar

A Escola Estadual Arcelina Fernandes vem avisar a toda população Macaibense que para este ano de 2020 está sendo ofertado 113 vagas para o Ensino Médio no turno da TARDE, sendo 68 vagas para o 1° ano, 23 vagas para o 2° ano e 22 vagas para o 3° ano.

A escola está localizada vizinho ao Ginásio e próximo ao Hospital Regional de Macaíba.

O diretor da escola Professor Firmino e a vice diretora Professora Ewerline assumiram a escola recentemente e prometem mudanças para os próximos anos. “Iremos planejar e preparar a escola para reabrir o turno da manhã em 2021” afirmou o diretor Firmino. “Nossa meta para 2021 é ofertar 520 vagas para o Ensino médio nos turnos matutino e vespertino” falou a vice diretora Ewerline.

Com essas ações acredita-se que o problema com a falta de vagas para os alunos que saem do Ensino fundamental não existirá mais.

A escola foi reformada em 2018, e conta com 7 salas de Aulas e uma Biblioteca com 5 computadores e 15 tablets para que os alunos possam fazer pesquisas, trabalhos e estudar nas horas ociosas. O diretor Firmino falou que está preparando a escola para melhor atender os Alunos e Pais.

As Matrículas para novatos iniciam às 8h da próxima Sexta-Feira (31/01) através do site www.sigeduc.ufrn.br ou pelo APP MatriculaEscolarRN.

A Vice diretora Ewerline ressalta a importância de fazer a matrícula on-line para evitar filas ou esperas longas.

Após a Matricula feita on-line, o responsável tem até 3 dias úteis para efetivar a matrícula e a escola funcionará das 13h às 17h nesse período.

Não esqueça de levar XEROX de:

DO ALUNO:

* CERTIDÃO DO NASCIMENTO
* CPF
* DECLARAÇÃO OU HISTÓRICO ESCOLAR
* 2 FOTOS 3X4 RECENTES

DOS PAIS OU RESPONSÁVEIS
* RG
* CPF
* COMPROVANTE DE RESIDÊNCIA

Não esquecer também

Saco Plástico de Matrícula

Foto: Marcello Casal jr

O presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ), ministro João Otávio de Noronha, decidiu hoje (28) liberar a divulgação do resultado das inscrições no Sistema de Seleção Unificada (Sisu). A divulgação pelo Ministério da Educação (MEC) estava prevista para esta terça-feira, mas foi suspensa por uma liminar da Justiça de São Paulo, que também impediu o início das inscrições no Programa Universidade para Todos (Prouni).

A decisão do presidente foi motivada por um recurso protocolado na noite de ontem (27) pela Advocacia-Geral da União para derrubar a liminar proferida pela desembargadora Therezinha Cazerta, do Tribunal Regional Federal da 3ª Região (TRF3), que decidiu manter em vigor outra liminar concedida pela primeira instância da Justiça Federal para suspender a divulgação, sob alegação de que o governo ainda precisa dar um posicionamento “seguro e transparente” sobre a correção do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2019. As notas no exame são usadas pelos estudantes para fazer inscrição no Sisu e concorrer a vagas em universidades públicas em todo o país.

Na sexta-feira (25), a Justiça Federal de São Paulo havia determinado a suspensão da divulgação dos resultados do Sisu até que o governo federal demonstrasse a correção das provas do Enem que foram apontadas com problemas por estudantes de todo o país. O tribunal deu prazo de cinco dias para o cumprimento da decisão, sob multa diária de R$ 10 mil. A decisão foi motivada por um pedido da Defensoria Pública da União (DPU).

Na semana passada, o Ministério da Educação (MEC) informou que houve erros na atribuição de notas para cerca de 6 mil alunos. Segundo a pasta, a falha teria ocorrido na impressão das provas aplicadas em algumas cidades, sendo responsabilidade de uma gráfica. O MEC acrescentou que corrigiu o problema e não houve prejuízos para os estudantes. Ler mais…


A Prefeitura de Macaíba, por intermédio da Secretaria Municipal de Administração e Finanças (SEMAF), divulga o calendário de pagamentos para 2020 dos servidores e fornecedores do município.

Desde 2013, início da administração do prefeito Fernando Cunha, a Prefeitura conta com um calendário de pagamentos definido e divulgado no início de cada ano. A medida valoriza os trabalhadores, proporcionando facilidade no planejamento financeiro de cada um. Um dever que muitas prefeituras não cumprem, o pagamento do salário em dia, dentro do mês trabalhado, fomenta a economia local, incentivando o comércio. Pagamento em dia: uma marca de todas as administrações do prefeito Fernando Cunha na cidade.

Assecom-PMM

Os macaibenses terão uma boa e rica programação de Carnaval no dia 15 (sábado) de fevereiro, com um grande show da talentosa e animada Orquestra de Frevo do Maestro Genivaldo Lima, macaibense dedicado à música e à cultura popular brasileira. Trata-se da quarta edição do Baile de Máscaras da Casa de Cultura Popular de Macaíba, evento que terá início às 21h e contará com a participação de outros artistas da terra dos saudosos carnavalescos Zé Batata e Babão. Realizado há quatro anos consecutivos, o tradicional baile abre os festejos carnavalescos este ano na cidade.

O Baile de Máscaras vai rolar até 1h da madrugada do domingo, 16, e conta com o apoio do Sindicato do Comércio Varejista, da Casa do Empresário e da Câmara de Dirigentes Lojistas – ambos de Macaíba –, dos vereadores Antônio França, Netinho França, Ana Catarina, João de Damião, Emídio Júnior e Gerson Lima, da rádio 87 FM Macaíba, dos blogs Senadinho Macaíba, Macaíba no Ar e Cidadão Macaibense, da Conect Provedor de Internet, do professor Hailton Mangabeira e do Poeta, o Repórter do Povão.

“É o Governo do Estado do Rio Grande do Norte, por intermédio da Fundação José Augusto e da Coordenação das Casas de Cultura Popular, sempre promovendo atividades artísticas e, dessa forma, fomentando a Cultura na nossa cidade”, destacou Augusto Neto, diretor do Palácio Nair de Andrade Mesquita.