No final da noite desta quinta-feira (17), durante fiscalização no Km 101 da BR 101, a Polícia Rodoviária Federal prendeu um homem de 23 anos, por porte ilegal de arma de fogo.

Os policiais abordaram um Corolla branco e, ao fazer revista no interior do veículo, foi encontrado um revólver calibre 38 e três munições intactas.

O condutor informou que não possuía registro, nem autorização para portar a arma. Diante dos fatos, a ocorrência foi encaminhada para a Central de Flagrante em Natal/RN.

Na tarde desta sexta-feira (18), o presidente da Câmara Municipal de Macaíba, vereador Gerson Lima, compareceu ao evento promovido pela Prefeitura Municipal, dedicado as crianças na vila olímpica, evento alusivo ai Dia da Criança.

Gerson, esteve acompanhado do prefeito Fernando Cunha, vice – prefeito Auri Simplício, vereadores João de Damião, vereadora Dadaia Ribeiro, Ana Catarina e Ismarleide Fernandes Duarte.

Registro fotográfico: Eric Meira


Foto: Heuler Andrey/DiaEsportivo / Agência O Globo

Na entrevista à IstoÉ, Deltan Dallagnol foi perguntado sobre as acusações de Lula de que o coordenador da Lava Jato e Sergio Moro o teriam condenado por razões políticas.

“O ex-presidente é um dentre 150 condenados e 466 acusados na Lava Jato. Foram atingidas mais de uma dezena de siglas partidárias. Políticos de diferentes partidos foram presos. O fato é que ele responde a outros sete processos, em diferentes estados, onde atuam agentes públicos independentes. Ou seja, também não se trata de um procurador e de um juiz. Dizer que dezenas de procuradores e julgadores de diferentes lugares e instâncias formaram um conluio para condenar inocentes é produzir uma teoria da conspiração sem amparo na realidade”, afirmou Deltan.

E mais:

“Hoje, a condenação não é mais do ex-juiz Sergio Moro, mas de três desembargadores e quatro ministros do STJ, os quais, de forma unânime, confirmaram a condenação. Cinco desses sete julgadores foram nomeados pelo próprio ex-presidente Lula ou por sua sucessora, a ex-presidente Dilma. Ao longo do processo, o juiz seguiu o mesmo padrão dos demais casos e isso o levou a negar vários pedidos do MP e a deferir diversos da defesa, o que corrobora sua imparcialidade. O julgamento está solidamente embasado nos fatos, nas provas e na lei. Além disso, dados que levantamos mostram que a duração do processo e as penas aplicadas ao ex-presidente estão dentro da média dos demais casos da operação. O ex-presidente recebeu o mesmo tratamento dos demais réus da Lava Jato.”

Fonte: O Antagonista

PM/ASSECOM – Na noite dessa quinta-feira (17), policiais militares do Regimento de Polícia Montada (RPMON) com apoio do 3º batalhão recuperaram um veícluo roubado, apreende arma de fogo e detém um suspeito em Parnamirim.

Os policiais estavam fazendo o reforço da Operação Festa do Boi 2019 quando receberam informações de que um Celta havia sido tomado de assalto horas antes, por três indivíduos armados. Após diligências o automóvel foi encontrado, e em decorrência um homem suspeito foi encontrado uma arma de fogo calibre 12 de fabricação artesanal e uma munição do mesmo calibre. O bandido acumula várias passagens na polícia.


Trio foi reconhecido por vítima, que ainda está internada sob cuidados médicos

Uma ação do Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) realizada nesta sexta-feira (18) resultou na prisão de um policial militar e dois filhos dele. O trio é suspeito de uma tentativa de homicídio registrada no dia 10 de outubro passado, em Extremoz. Além de invadirem a casa da vítima e atirarem diversas vezes contra o homem dentro do local, o PM e os filhos dele ainda são suspeitos de roubarem a arma pertencente ao dono da residência. Os três foram presos preventivamente.

Segundo relato de testemunhas, o PM e os dois filhos dele chegaram à casa da vítima por volta das 23h30. O trio se anunciou como sendo policiais, tendo invadido o local em seguida. De acordo com depoimentos do homem e da mulher dele, assim que entraram na casa, os três presos passaram a disparar várias vezes contra a vítima e, em seguida, roubaram a arma de fogo dela. O homem ainda está internado com lesões corporais graves, sem previsão de alta.

As três prisões são baseadas em provas de existência do crime e indícios suficientes de autoria. Além disso, servem para garantia da ordem pública e por conveniência da instrução criminal, uma vez que as testemunhas temem represálias.

Ao pedir a prisão preventiva dos três, o MPRN destacou a gravidade do crime cometido pelo PM e pelos filhos dele, “uma vez que agiram em quantidade expressiva de agentes (três no total), todos armados, invadiram a casa da vítima sob a justificativa de se tratar de uma operação policial, a alvejaram e subtraíram a sua arma de fogo”.

“Além disso, a vítima e seus familiares estão com imenso medo dos acusados, pois são prova viva e presencial do cometimento do crime. Assim, a manutenção dos acusados em liberdade, pode interferir na instrução processual”, frisa o pedido de prisão do trio.

O policial militar ficará preso no quartel do Comando Geral da PM. Os dois filhos dele serão encaminhados ao sistema prisional potiguar.


Novas medidas para a reestruturação do sistema penitenciário do Estado foram tomadas nesta sexta-feira, 18, pelo Governo do Estado. Em solenidade na Escola de Governo, em Natal, a governadora Fátima Bezerra assinou ato de nomeação de 56 novos agentes penitenciários concursados e fez a entrega de 900 pistolas, 70 fuzis, 72 espingardas, 200 cadeados e 950 algemas no valor de R$ 3,8 milhões.

A Secretaria de Estado da Administração Penitenciária (Seap) também concluiu o processo para compra de 840 coletes balísticos nível II ao custo de R$ 484 mil, que estarão disponíveis em breve. Os armamentos foram adquiridos através de convênio firmado com o Departamento Penitenciário Nacional (DEPEN).

Além disso, o Estado firmou contrato com o Senai para oferta de cursos profissionalizantes aos internos do sistema penitenciário. São cursos de pintor, eletricista, lanterneiro e mecânico de automóveis, padeiro e pintor de imóveis. Outro convênio foi firmado para utilização de não de obra dos internos.

A gestão estadual realiza chamamento público para empresas se instalarem no sistema, dando oportunidades de trabalho e de ressocialização aos internos. “Cumprimos rigorosamente o que é previsto na Lei das Execuções Penais aliado a medidas de ressocialização e de dignidade à pessoa humana. Este é o nosso compromisso e nossa determinação”, afirmou a governadora Fátima Bezerra ao lembrar a instalação do equipamento de body scan em oito unidades prisionais, o que suspende abordagens invasivas aos parentes dos internos antes das visitas.

Outras importantes medidas adotadas pela administração estadual são o monitoramento das unidades prisionais em todo o Estado e do uso das tornozeleiras, em tempo real e 24 horas, pelo Ciosp. “Acompanhamos as áreas externas e internas dos presídios, o que é da maior importância para a segurança do sistema e para a prevenção e redução da violência”, explica o secretário de Estado da Segurança Pública e Defesa Social – Sesed, coronel Francisco Araújo.

Fátima Bezerra registra que as medidas tomadas na atual gestão colocaram o RN entre os quatro Estados que mais reduziram a violência no país. “No passado recente tínhamos os piores índices na segurança pública. Mas decidimos enfrentar o problema, criamos a Seap para modernizar o sistema, investimos na valorização de pessoal e aquisição de equipamentos e já estamos tendo resultados positivos”.

O secretário da Seap, Pedro Florêncio, disse que “por orientação da governadora Fátima Bezerra estamos construindo um novo sistema penitenciário. Estabelecemos diálogo permanente com o sindicato da categoria, adquirindo equipamentos de última geração, contratando pessoal, melhorando as condições de trabalho, as rotinas e promovendo a integração total com os demais órgãos do sistema de segurança”.

Além dos já citados, a solenidade contou com a presença do vice-governador Antenor Roberto; gestores da administração direta e indireta do Estado (Virgínia Ferreira/Sead, coronel Luiz Monteiro/CBM, delegado geral adjunto da Polícia Civil, Odilon Teodósio); presidente do Sindicato dos Agentes Penitenciários – Sindasp, Vilma Batista; representantes da Marinha, Guarda Municipal de Natal, OAB, auxiliares e técnicos do Governo.

Por G1 SE

O Ministério Público Federal (MPF) ajuizou, nesta sexta-feira (18), uma ação coletiva entre os noves estados nordestinos atingidos pelas manchas de óleo. O processo pede que a Justiça Federal adote, em 24h, um plano de emergência sobre a situação.

Ao todo, as manchas já atingiram 187 localidades da região, atingiu, ao menos, 12 unidades de conservação do país, afeta o turismo e as comunidades pesqueiras.

Para o MPF, a União está sendo omissa ao protelar medidas protetivas e não atuar de forma articulada no Nordeste, dada a gravidade do acidente e dos danos causados ao meio ambiente.

A medida de emergência seria o acionamento do Plano Nacional de Contingência para Incidentes de Poluição por Óleo em Águas, que prepara o país para casos justamente como o que afeta a costa do Nordeste.

O documento destaca a responsabilidade, diretrizes e procedimentos para o governo responder a vazamentos de petróleo como foco em “minimizar danos ambientais e evitar prejuízos para a saúde pública”. A multa diária pedida, em caso de descumprimento, é de R$ 1 milhão.

A Advocacia-Geral da União (AGU) não se posicionou sobre o assunto até a publicação desta reportagem.

Saiba mais AQUI


Nesta segunda-feira, 21, a UFRN, por meio da Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas (Progesp), promove a arrecadação de cabelos e lenços dentro da programação do Mês do Servidor 2019 – Amor à Universidade Pública.

A campanha será realizada na antiga Galeria Conviv’art, localizada no Centro de Convivência Djalma Marinho, Campus Central UFRN, entre 9h e 16h.

Para participar da ação, o único critério é ter um cabelo que esteja seco e limpo e cujo comprimento permita a retirada de pelo menos 25 centímetros. Menores de idade também podem participar, desde que estejam acompanhados de responsáveis. Na mesma ocasião, os organizadores recebem lenços de todos os tipos, que serão usados por mulheres em tratamento de câncer. Quem já tem cabelo cortado em casa e quiser doar é só comparecer ao local citado, desde que o cabelo possua no mínimo 25 centímetros e esteja seco e limpo.

No ano passado, a campanha arrecadou cerca de 140 cabelos e 116 lenços. Jéssica Martins é membro da comissão organizadora do Mês do Servidor e fala da ação como uma ocasião para “melhorar a autoestima das mulheres que estão lutando contra o câncer”. Ela comenta que quem enfrenta essa doença passa por uma carga psicológica muito forte, por isso a importância de receber esse tipo de apoio.

Dúvidas

podem ser esclarecidas pelo telefone (84) 3342-2330, ramal 375.

Na próxima terça-feira (22/10), a Prefeitura de Macaíba, através da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, em parceria com o SEBRAE, promove o 1º Seminário de Vendas e Orientação de Crédito, que terá início a partir das 18h, no Centro de Convivência Pax Club.

O evento integra as ações da Semana Nacional de Crédito 2019 e oferecerá duas palestras. A primeira tem como tema “Estratégias para impulsionar as vendas no Natal”, ministrada por David Góis, gerente da Unidade de Mercados do SEBRAE/RN.

Já a segunda palestra abordará as “Linhas de Financiamento com o BNB (Banco do Nordeste), CEF (Caixa Econômica Federal) e BB (Banco do Brasil)”.

As inscrições poderão ser feitas mediante contato telefônico (0800-570-0800) ou pessoalmente no endereço do evento, Rua Governador José Varela, nº 01, Centro, com doação de 1kg de alimento não perecível.

Semana Nacional de Crédito 2019

Trata-se de uma iniciativa da Subsecretaria de Desenvolvimento das Micro e Pequenas Empresas, Empreendedorismo e Artesanato (SEMPE), do Ministério da Economia, Governo Federal, com apoio do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (SEBRAE) em todas as unidades federativas, Confederação Nacional da Indústria (CNI), Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional (PGFN) e diversos bancos nacionais.

Foto: Arquivo-PMM

Assecom-PMM


Francisco Veridiano Fernandes e Wollas Fernandes foram presos pela PM nesta quinta (17). Elizete Moura foi assassinada e teve o corpo esquartejado em 1996

Em uma ação do Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN), a Polícia Militar prendeu nesta quinta-feira (17) dois homens condenados por envolvimento no assassinato de uma menina durante um ritual de magia negra em 1996. Francisco Veridiano Fernandes da Costa e Wollas Cristian Fernandes foram localizados após telefonemas ao Disque Denúncia 127 do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), do MPRN. Os dois são condenados pela Justiça potiguar a 37 anos e quatro meses de reclusão pelo assassinato de Elizete Moura Lemos, crime cometido em Ipanguaçu.

Elizete Moura Lemos foi morta em ritual de magia negra em 10 de novembro de 1996. O assassinato dela teve grande repercussão local e nacionalmente. Segundo apurou a polícia à época do crime, a menina, que tinha 10 anos, foi raptada e assassinada por volta das 19h, na localidade denominada Sítio Arapuá, em Ipanguaçu. Ela morreu vítima de afogamento e posteriormente teve o corpo esquartejado.

Na denúncia oferecida pelo MPRN à Justiça aponta que os condenados, no dia do crime, estavam em um bar, no Sítio Arapuá. Ao entardecer, Francisco Veridiano mandou que um outro homem raptasse uma menina por R$ 10 e levasse até ele. De posse da criança, os três e outras quatro pessoas foram, em dois carros, até o rio Pataxó. Ao chegar no local, a menina foi torturada com queimaduras no corpo.

Em seguida, Francisco Veridiano Fernandes da Costa levou a criança para dentro do rio e passou a afogá-la. Ainda segunda a denúncia, após o afogamento, a menina foi retirada do rio, e teve o corpo esquartejado.
Francisco Veridiano Fernandes da Costa e Wollas Cristian Fernandes foram entregues ao sistema prisional potiguar para cumprimento das penas a que foram condenados.

Projeto Memória

As prisões de Francisco Veridiano Fernandes da Costa e Wollas Cristian Fernandes fazem parte do projeto Memória, do MPRN. O projeto tem por objetivo localizar condenados de Justiça que estejam foragidos. A população pode colaborar com o MPRN na localização de criminosos. Para isso, o Gaeco oferece um canal direto para denúncias de crimes em geral. É o Disque Denúncia 127. A identidade da fonte é preservada.
Além do telefone, as denúncias também podem ser encaminhadas via WhatsApp para o número (84) 98863-4585 ou e-mail para denuncia@mprn.mp.br.

Os cidadãos podem encaminhar informações em geral que possam levar à prisão de criminosos, denunciar atos de corrupção e crimes de qualquer natureza. Pelo aplicativo são aceitos textos, fotos, áudios e vídeos que possam comprovar as informações oferecidas.


Por Fernanda Macedo – Com supervisão da Comunicação EAJ

O Projeto “Presença de estudantes das ciências agrárias em escolas de ensino básico como incentivo para despertar vocações – PDVAGRO” tem o objetivo de contribuir com a formação dos estudantes e com um sistema educacional de qualidade e inclusivo, bem como promover a participação estudantil de alunos da Escola Agrícola de Jundiaí (EAJ-UFRN) para o surgimento do interesse de outros estudantes pelo tema ciências agrárias, licenciatura e tecnologia. A formação estudantil nas ciências agrárias é de extrema importância para o desenvolvimento nacional.

As principais atividades desenvolvidas pelo projeto são as visitas guiadas, onde os alunos representantes de cada município (alunos embaixadores) coordenam a recepção dos estudantes visitantes. Atividades práticas são vivenciadas na área agrícola, os cursos são apresentados pelos próprios alunos, bem como as políticas de permanência. As ações também consistem em levar oficinas de projetos das ciências agrárias até escolas das cidades vizinhas à EAJ. Entre as atividades desenvolvidas no ano de 2018, visitas guiadas à EAJ e recepção de estudantes de outras instituições foram desempenhadas pelos alunos participantes. Ao final do ano vários alunos apresentaram relatos de experiência e artigos no Congresso Internacional das Ciências Agrárias (COINTER) 2018 em João Pessoa.

O PDVAGRO surge a partir da experiência exitosa do Campus Vitória, que fez parte nos anos de 2015 e 2016 com resultados expressivos apresentados no Congresso Internacional das Ciências Agrárias COINTER 2017, em Natal/RN, sobre a participação e inclusão de estudantes da zona rural no Instituto Federal a partir do conhecimento dos cursos da área agrária. O público alvo são os estudantes dos cursos técnicos e graduações nas áreas agrárias e tecnológicas.

O Instituto Internacional Despertando Vocações já existe no Brasil há cinco anos, ele iniciou em parceria com o Instituto Federal de Pernambuco, coordenado pela professora Kilma Viana, do IF de Vitória de Santo Antônio, e pelo Professor Erick Viana da Silva, do Instituto Federal de Recife. O objetivo do Instituto Internacional Despertando Vocações é levar para os estudantes do Ensino Fundamental e Médio as profissões que temos em nossa Universidade, para que os alunos conheçam mais as técnicas, as práticas, e o perfil profissional dos cursos, para que quando eles entrem para fazer um curso técnico ou superior, saibam melhor o que querem, evitando a evasão.

A Professora da Escola Agrícola Viviane Medeiros, descreve que no congresso Internacional do Instituto despertando vocações são recebidos parceiros de diversos lugares da América Latina, de países europeus e da América do Norte. Ano passado foi lançado o primeiro livro, com o título: “Histórias do PDV”, que conta o histórico do PDVAGRO em cada instituição e na vida de muitas pessoas.

“Como nós temos o PDV em seu terceiro ano na Escola e alguns alunos no segundo ano de participação no projeto, eles já fizeram apresentações em diversas escolas, foram para congressos internacionais, apresentaram palestras e minicursos, então eles têm muito o que falar sobre o que mudou em suas vidas em relação as experiências com o PDV. E puderam relatar no livro, como o caso do Jefferson, que é aluno de Agronomia da Escola e entrou no PDV quando era aluno do técnico de Aquicultura, e do José Lucas, que é aluno do Ensino integrado de Aquicultura, está no terceiro ano, mas já faz parte do terceiro ano e ele também é autor de um capítulo do livro sobre o projeto”. Relata a Professora da EAJ, Viviane Medeiros.

O Projeto começou na Escola Agrícola em 2017, depois da formação de um grupo para a participação no COINTER, mas em 2018 a Professora Viviane submeteu como Projeto de Extensão em parceria com o Instituto e desde então é a Coordenadora, atuando juntamente a outros professores. Esse ano foram visitadas escolas na cidade de Natal e Barcelona, além da Mostra de Profissões. Esse ano o Congresso Internacional Despertando Vocações acontecerá em Recife e a Professora integra a comissão científica.


Nesta última quarta-feira (16), após denúncia anônima pelo WhatsApp, policiais militares  do 11°BPM, em Macaíba, no Conjunto Alfredo Mesquita, conseguiram apreender dois menores que estavam praticando vários assaltos naquela localidade. Com os acusados foram recuperados 05 aparelhos celulares, 01 maquineta de cartões e um simulacro de arma de fogo.

 

 

Foto: Reprodução/Inter TV Cabugi

G1 RN – Um homem foi morto a caminho de casa, após sair de um missa com a filha, na noite desta quinta-feira (17). O crime aconteceu na BR-101 Norte, no município de Extremoz, região metropolitana de Natal. De acordo com a polícia, a vítima foi baleada enquanto tentava proteger a filha em um assalto.

O caso foi registrado por volta das 23h, quando João Maria da Silva, de 38 anos, seguia para casa de moto com a filha adolescente. O pai e a garota tiveram o trajeto interrompido pelos criminosos, que chegaram em outra motocicleta.

Segundo a polícia, ele ainda tentou fugir, mas ao perceber que os assaltantes iriam atirar, tentou proteger a filha e acabou sendo baleado.

Três disparos atingiram João Maria. Após ver o pai ferido, a filha da vítima ligou e pediu ajuda. Uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) chegou até o local, mas constatou que o motociclista já estava morto.

Os criminosos fugiram sem levar os pertences das vítimas. Policiais militares do 11º Batalhão da PM fizeram buscas na área, mas os suspeitos não foram encontrados.

Parte da família da vítima foi até o local do crime, mas não quis dar entrevista. João Maria trabalhava como motorista em uma empresa que presta serviço à Urbana – companhia de limpeza de Natal.

Por enquanto, os investigadores da Divisão de Homicídios não tem nenhuma pista da motivação do crime, mas a suspeita é que tenha acontecido uma suspeita de assalto.

João Maria deixou esposa e duas filhas.

Foto: José Cruz

A Caixa Econômica Federal inicia hoje (18) mais uma etapa de liberação do Saque Imediato do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). Esta fase é para trabalhadores que não têm conta na Caixa.

Nesta fase, a liberação ocorre conforme calendário de nascimento. Os trabalhadores nascidos em janeiro que não têm conta no banco poderão sacar até R$ 500 de cada conta ativa ou inativa do fundo, a partir de hoje. Serão cerca de 4,1 milhões de pessoas, com injeção de R$ 1,8 bilhão na economia do país.

Segundo a Caixa, 40% dos 96 milhões de brasileiros com direito ao saque já receberam os valores referentes ao Saque Imediato. Desse total, 82% movimentaram o dinheiro pelo celular, sem precisar ir a agências. O saque começou em setembro para quem tem poupança ou conta corrente na Caixa, com crédito automático.

Em um mês, mais de R$ 15 bilhões em crédito em conta foi feito para quase 37 milhões de trabalhadores

Segundo a Caixa, no total, os saques do FGTS podem resultar em uma liberação de cerca de R$ 28 bilhões na economia. Para 2020, serão mais R$ 12 bilhões. Ler mais…