A atualização diária divulgada pelo Ministério da Saúde registrou 41.857 novos casos do novo coronavírus e 1.300 óbitos por covid-19 nas últimas 24 horas.

O total de mortes subiu para 74.133, semelhante à população da histórica cidade de Ouro Preto, em Minas Gerais. O resultado marcou um aumento de 1,7% em relação a ontem(13), quando o balanço do ministério trazia 72.833 óbitos.

Já os casos confirmados acumulados desde o início da pandemia chegaram a 1.926.824. Se fosse uma cidade, seria a 9ª mais populosa do país, à frente de Recife. A soma representou uma elevação de 2,2% sobre o total divulgado ontem, de 1.884.967 pessoas infectadas.

Aos sábados, domingos e segundas-feiras, o número registrado diário tende a ser menor pela dificuldade de alimentação dos bancos de dados pelas secretarias municipais e estaduais. Já às terças-feiras, o quantitativo em geral é maior pela atualização dos casos acumulados aos fins de semana.

De acordo com a atualização do Ministério da Saúde, 643.483 pessoas estão em acompanhamento e 1.209.208 se recuperaram da doença. Há ainda 3.928 mortes em investigação.

A taxa de letalidade (número de mortes pelo total de casos) ficou em 3,8%. A mortalidade (quantidade de óbitos por 100 mil habitantes) atingiu 35,3. A incidência dos casos de covid-19 por 100 mil habitantes é de 916,9.

Agência Brasil


Na noite de hoje, o pré-candidato a prefeito, Emídio Júnior, juntamente com o pré-candidato a vereador, Aroldo da Saúde, ouviram atentamente os Agentes Comunitários de Saúde (ACS) e Agentes de Combates às Endemias (ACE), que reivindicaram a criação do Plano de Cargos, Carreiras e Salários.

“Isso será colocado dentro do nosso Plano de Governo, que está sendo construído na base do diálogo e do compromisso que sempre tivemos com o povo macaibense”, declarou Emídio Jr. em suas redes sociais.

Por Assessoria

Foto: Anastácia Vaz

Seguindo com o planejamento acadêmico para o período da pandemia da covid-19, os centros, institutos e unidades acadêmicas especializadas da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) realizaram, nos últimos dias, diversas ações para discutir a retomada das atividades do período letivo 2020.1. A ampla discussão tem como pilares a segurança da comunidade universitária e a diversidade dos cursos, que exigem a construção coletiva de propostas baseadas na inclusão e na flexibilidade.

A Reitoria da UFRN suspendeu, de forma emergencial, as atividades presenciais em 17 de março, devido à crise de saúde ocasionada pelo novo coronavírus. Desde então, a discussão descentralizada foi iniciada, com o intuito de ouvir todos os segmentos da comunidade (técnicos, alunos e docentes), em suas respectivas unidades. Como medida de curto prazo, foi aprovado o Período Letivo Suplementar Excepcional (PLSE) pelo Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (Consepe), que encerrará no final deste mês de julho.

Dando continuidade ao planejamento acadêmico, a Reitoria vem se reunindo com representações de classe e com as direções dos centros e unidades acadêmicas especializadas, as quais realizaram diversas ações para discutir as propostas de retomada do calendário 2020.1:

– Centro de Tecnologia (CT)

De acordo com diretor do CT, Luiz Alessandro Câmara de Queiroz, a unidade realizou na manhã dessa segunda-feira, 13 de julho, uma videoconferência com a participação de professores, técnico-administrativos e alunos, totalizando o debate com 77 pessoas. “Facultamos a palavra a todos os participantes, que tiraram dúvidas e elogiaram a proposta de retomada do semestre letivo por meio remoto”, informou. Aconteceram ainda outros encontros para discutir a retomada das atividades, como reuniões de gestores, com os Centros Acadêmicos e a do Conselho de Centro (Consec). Foi criada uma comissão que já concluiu os trabalhos e apresentou propostas para questões pedagógicas e de infraestrutura, que devem ser adotadas a curto, médio e longo prazo, no caso de volta às aulas.

– Centro de Ciências Exatas e da Terra (CCET)

Conforme a diretora do CCET, Jeanete Moreira, foram formadas comissões, com a participação dos coordenadores de graduação e de pós-graduação, com representação de técnico e de estudante. Além disso, a professora contou que foram criados grupos de Whatsapp, para que o diálogo ocorresse de forma mais frequente e direta entre a direção do CCET e os chefes de departamento, os coordenadores da graduação e da pós-graduação, e os estudantes dos 14 cursos da unidade. Nesta terça-feira, 14, está prevista uma reunião do Consec, quando haverá a apresentação de uma proposta de retomada do 2020.1. Ler mais…


Crédito da Foto: João Gilberto

As atividades plenárias da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte continuam em ritmo acelerado e seguindo o regimento interno da Casa, mesmo acontecendo através do Sistema de Deliberação Remota, instalado em virtude da pandemia da Covid-19. E em mais uma sessão ordinária realizada nesta terça-feira (14), no horário destinado aos líderes partidários, os deputados Gustavo Carvalho (PSDB), Sandro Pimentel (PSOL) e Nelter Queiroz (MDB) destacaram seus projetos.

O deputado Gustavo Carvalho usou o espaço para comentar a tramitação do projeto da Reforma Estadual da Previdência e a derrubada do requerimento do deputado Kelps Lima que pedia que este passasse a tramitar somente na volta dos trabalhos presenciais da Casa Legislativa. “É importante ressaltar que esse bloco está unido. Nós não devemos permitir um debate tão distante da sociedade, dos sindicatos, dos trabalhadores e dos servidores públicos. Nós vamos manter o nosso posicionamento em um segundo momento que é o momento da votação”, garantiu e criticou. “Eu mantenho a minha coerência, diferente daqueles que hoje pregam um discurso, pregam uma ação totalmente diferente da retórica que sempre tiveram historicamente. Tenho convicção que o Governo Federal será sábio e adotará a prorrogação desse prazo, permitindo que a discussão dessa PEC seja feita de forma presencial”, disse.

O deputado Sandro Pimentel tratou sobre as emendas impositivas do seu mandato destinadas aos municípios de Ceará Mirim, Natal, Jaçanã, Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN) – Campos de Assu e para os Centros Estaduais de Educação Profissional (CEEPS) e cobrou celeridade na liberação das emendas. “Esperamos que o Governo do Estado acelere a liberação dessas emendas. É importante que o que foi acertado e comprometido por parte do governo seja cumprido. Peço que faça esse esforço e garanta essas liberações o mais rápido possível”, frisou.

Sandro Pimentel voltou a lamentar a lentidão na apuração da morte de Netinho, militante do PSOL no município de Janduís, assassinado há 100 dias. “Nós, sinceramente, não estamos entendendo por que já se passaram 100 dias e até agora nenhuma resposta. A resposta do Governo do Estado sobre esse caso tem sido o silêncio. Esse caso não está sendo tratado com a prioridade que merece. A morte de Netinho mancha a democracia com sangue e vamos continuar cobrando”, ressaltou.

O deputado Nelter Queiroz voltou a destacar a importância de homenagear o ex-prefeito de Mossoró, Raimundo Soares de Souza, que este ano celebra o centenário de nascimento. A ideia inicial de Nelter era homenageá-lo dando ao Campus da Universidade Estadual do Rio Grande do Norte de Mossoró o seu nome. De acordo com o parlamentar o trabalho desenvolvido pelo professor justificava a homenagem. “Ele foi à frente do seu tempo. Implementou uma reforma administrativa, resolveu o problema secular da falta de água no município, fez chegar energia da Chesf, promoveu importantes avanços na área da educação de Mossoró”, discursou.

Nelter informou que foi na administração de Raimundo Soares de Souza que foram criadas a Faculdade de Serviço Social de Mossoró, o Instituto de Filosofia, Ciências e Letras de Mossoró, Escola Superior de Enfermagem de Mossoró, Escola Superior de Agricultura de Mossoró (ESAM), Universidade Regional do Rio Grande do Norte (URN), hoje Universidade Estadual do Rio Grande do Norte (UERN). “Essa homenagem gerou uma certa polêmica e por isso eu resolvi tirá-la de pauta. Mas é preciso destacar que todos os outros campus da UERN no Estado têm pessoas sendo homenageadas”, lamentou.

Nelter informou ainda que requereu ao ministro das Comunicações, Fábio Faria, a implantação em Serra do Vale, localizado entre Triunfo Potiguar e Jucuturu, de uma torre de celular, além da reforma e recuperação do prédio da Faculdade de Medicina da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN).

ASSECOM – O Governo do RN publicou no Diário Oficial do Estado (DOE) quatro portarias que regulamentam a continuidade do Plano de Retomada Gradual da Atividade Econômica a partir desta quarta-feira, dia 15. As portarias se referem ao início da segunda fração desta fase 1 – que foi adiada do último dia 8 para o dia 15 deste mês – e o início da fase 2 que na sua fração 1 contempla a abertura das academias de ginástica, box de crossfit, estúdios de pilates e afins (sem funcionamento de ar condicionado). Os documentos foram emitidos de forma conjunta entre o Gabinete Civil e as Secretarias de Estado da Saúde Pública (Sesap) e Desenvolvimento Econômico (Sedec).

A continuidade da abertura gradual é possível pelo quadro favorável que a pandemia da Covid-19 vem apresentando nos últimos dias para tal ação. Os dados epidemiológicos desta terça-feira, 14, apontam taxa de ocupação geral de leitos em 83%. Nas regionais, a ocupação em Pau dos Ferros é de 90%, na região Oeste a taxa está em 85%, na região Metropolitana de Natal em 84%, o índice chega a 100% no Mato Grande e a 80% no Seridó.

Oito pacientes aguardavam vagas em leitos críticos e 11 para leitos clínicos no momento da coletiva diária concedida pelo Governo do RN para atualização dos dados e ações de combate à pandemia. O transporte sanitário tinha 20 pacientes aguardando a transferência para o local de internamento. A Coordenadora de Redes de Atenção da Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap), Samara Pereira Dantas, destacou durante a entrevista que, de ontem para hoje, o tempo médio de espera do transporte sanitário caiu de 7 horas para 5 horas e 24 minutos. Em toda a rede hospitalar do RN – pública, privada e filantrópica – 655 pessoas estão internadas em consequência da Covid-19, sendo 342 em leitos críticos.

Os casos confirmados são 40.320. Há 54.131 casos suspeitos, 63.000 descartados e os óbitos somam 1.432 (03 nas últimas 24 horas). Há, ainda, 186 mortes em investigação.

Para Samara Dantas, a população, a sociedade civil e os municípios devem continuar respeitando as medidas de proteção para manter o cenário favorável em todo o Estado. “É importante, todos nós, em conjunto, exercermos o distanciamento, a proteção à vida, aos idosos e mais vulneráveis para mantermos este cenário favorável”.

ESTABELECIMENTOS DEVEM CUMPRIR REGRAS SOB PENA DE MULTA

Embora o cenário aponte o desaquecimento da pandemia, o Secretário de Estado da Tributação (SET), Carlos Eduardo Xavier alertou na coletiva que “ainda não vencemos a pandemia, por isso é necessário o comprometimento de todos, principalmente dos trabalhadores e empresários que estão retornando às atividades, em cumprir as regras de proteção e distanciamento. Os empresários devem fornecer material de proteção e controlar a entrada e a distância mínima entre pessoas nos estabelecimentos. Os trabalhadores devem respeitar as medidas de proteção”.

A Operação Pacto pela Vida continua e o Governo fiscaliza agora o cumprimento dos protocolos de segurança pelos estabelecimentos autorizados a funcionarem. “Mais uma vez pedimos a compreensão de todos e lembramos que há multas para quem não cumprir as medidas decretadas pelo Estado. Isto é extremamente necessário para que não tenhamos no futuro próximo de suspender o processo de retomada das atividades e retornar às restrições”, pontuou Carlos Eduardo. Ler mais…


O presidente do diretório Municipal do PSDB de Macaíba Edi do posto da maré, realizou visitas as bases nesse final de semana. Visa avaliar os cenários para que o partido possa tomar a sua decisão.

O diretório Municipal ainda é composto pela vereadora Ana Catarina, os suplentes Ivanildo de Cajazeiras e Pai Santo, o fisioterapeuta Dr. Naxson Palhares é o Bioquímico Dr. João Batista.

Obs.: Máscaras retiradas durante a realização da fotografia.

Assessoria

Foto: arquivo/Agência Brasil

O Ministério de Minas e Energia (MME) manteve a recomendação de não se adotar o horário de verão neste ano (período de 2020/2021). O horário foi extinto em abril do ano passado, com base em estudos da pasta, que apontaram a pouca efetividade na economia energética, e também em estudos da área da saúde, sobre o quanto o horário de verão afeta o relógio biológico das pessoas.

Em nota técnica publicada quinta-feira passada (9), a pasta avaliou o resultado regulatório da extinção do horário de verão e disse que a economia de energia com a medida diminuiu nos últimos anos e já estaria perto da neutralidade, em razão das mudanças no hábito de consumo de energia da população.

Quando foi criado, o horário de verão tinha por objetivo aliviar o pico de consumo, que era em torno das 18h, e trazer economia de energia na medida em que a iluminação solar era aproveitada por mais tempo. No entanto, nos últimos anos, o Ministério de Minas e Energia constatou uma alteração no horário de pico com maior consumo de energia no período da tarde, por causa da intensificação do uso do ar condicionado, quando o horário de verão não tinha influência.

A nota acrescenta que a descontinuidade da aplicação do horário de verão 2019/2020 implicou também redução do custo de operação do sistema elétrico e que, com a revogação dele, continuou ocorrendo redução de demanda no período noturno, “provavelmente pela alteração natural da luminosidade”.

“Este comportamento, provavelmente, está associado ao uso menor uso de equipamentos de climatização, em especial do ar condicionado, o que decorreu da melhoria das condições de conforto térmico aos consumidores de energia elétrica em seu período de descanso noturno, sem ter havido antecipação de uma hora”, diz a nota.

A nota informa também que as avaliações de impacto do horário de verão nos ciclos anteriores a 2019 superestimaram a redução de demanda no período noturno e que o aumento na carga foi subestimado. Uma avaliação anterior do Ministério de Minas e Energia já havia apontado que, entre os efeitos do fim da medida no setor elétrico, evitaram-se custos ao consumidor brasileiro de energia elétrica de R$ 100 milhões.

“Diante dos ganhos na otimização do uso dos recursos energéticos com a não adoção do horário de verão no ciclo 2019/2020, e na ausência de fatos novos que pudessem implicar a necessidade de avaliações adicionais às ora apresentadas, e também fundamentadas na Nota Técnica nº4/2019/CGDE/DMSE/SEE (SEI nº 0263485), recomendamos que se mantenha a suspensão dessa política pública também para o ciclo 2020/2021”, conclui a pasta.

Agência Brasil

SESAP/ASSECOM – A Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap), recebeu do Ministério da Saúde mais um lote de soros utilizados para tratar picadas de serpentes e outros animais peçonhentos. O quantitativo é estimado para ser utilizado pelos próximos 20 dias, por isso a Sesap mantém o alerta para que a população continue as medidas de prevenção, evitando acidentes.

“Sabemos que até o mês de agosto temos um aumento na incidência de acidentes aqui no RN, sobretudo envolvendo serpentes. Por isso pedimos a colaboração da população para evitar se expor”, explicou Aline Rocha, subcoordenadora de Vigilância Ambiental (Suvam) da Sesap.

Entre os cuidados para prevenção de acidentes com serpentes recomendados pelo Ministério da Saúde estão: usar sapatos fechados de cano alto ou perneiras ao caminhar na mata ou entre folhas secas, ter muita atenção e usar luvas de couro ao manejar locais onde as serpentes possam estar presentes, como matas, tocas, troncos e lenhas de árvores, no amanhecer e no entardecer, evitar aproximar-se de vegetação muito próxima ao chão, gramados ou até mesmo jardins, pois é nesse momento que serpentes estão em maior atividade, não colocar as mãos desprotegidas em buraco e cupinzeiros, folhas secas, monte de lixo, lenha e palhas, evitar acúmulo de lixo ou entulhos que possam atrair ratos ou outros pequenos animais, um dos principais alimentos das serpentes. Trabalhadores rurais devem fazer uso de equipamentos de proteção individual (EPI) que são as botas, perneiras e luvas de couro.

Em caso de acidente, deve-se lavar o local da picada apenas com água e sabão, procurar o serviço de saúde mais próximo, se capturar o animal, levá-lo junto para ser identificado, o que ajudará no tratamento, com o uso do soro específico para cada tipo de envenenamento ou informar ao médico o máximo possível de características do animal, como: fotos, tipo do animal, cor, tamanho. Além disso, não se deve amarrar o membro acometido pela picada, fazer prática de torniquetes ou garrotes, perfurar o local da picada nem utilizar materiais como pó de café, folhas, álcool, querosene, ou outros contaminantes. Ler mais…

PC/ASSECOM – Policiais civis da Delegacia Municipal de Macaíba, com apoio do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) do Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN), deram cumprimento, na manhã desta terça-feira (14), a um mandado de prisão preventiva, contra Josenilson da Silva Rodrigues, 46 anos.

Josenilson da Silva foi preso no bairro Recreio do Trevo, no município de Macaíba, pela suspeita da prática do crime de homicídio qualificado. De acordo com investigações, ele teria assassinado um colega de trabalho utilizando uma arma de fogo na cidade de Conceição do Castelo, no Estado do Espírito Santo, no ano de 2004.

O investigado alegou que teria praticado o crime em razão de a vítima diariamente provocá-lo, chamando os nordestinos de “passa fome”, “comedores de calango”, dentre outros insultos. Após o crime, o suspeito fugiu para o Estado do Rio Grande do Norte, onde estava foragido da Justiça.

Ele foi conduzido até a delegacia e encaminhado ao sistema prisional, onde ficará à disposição da Justiça. A Polícia Civil pede que a população continue enviando denúncias anônimas sobre crimes e foragidos da justiça pelos números 181 ou pelo 98114-4042 (Delegacia Municipal de Macaíba).


A liberação de recursos por parte do governo estadual para as emendas parlamentares, notadamente relativas à saúde, foi o destaque no pronunciamento do deputado Ubaldo Fernandes (PL) na sessão plenária por videoconferência desta terça-feira (14). O deputado citou especialmente os municípios de Ouro Branco, Extremoz, Campo Redondo e Currais Novos, que contaram com emendas destinadas pelo seu mandato.

“Essas emendas que hoje o governo tem tendência de autorizar gradativamente são importantes porque fortalecem os mandatos, o poder Legislativo, o governo e o próprio deputado em suas bases, pois são demandas dos municípios reivindicadas pela população e pelos gestores”, comemorou o parlamentar.

Ubaldo Citou que no caso de Ouro Branco, na região Seridó, o município terá recursos para a compra de uma ambulância, melhorando o atendimento à população. “A prefeita Maria de Fátima me fez essa solicitação quando estive lá e estamos atendendo com o maior prazer essa reivindicação”, afirmou.

Ubaldo Fernandes também comemorou os recursos para a reestruturação na área da saúde em Extremoz, também para a aquisição de uma ambulância. As outras emendas são para a cidade de Campo Redondo, região Trairi, para a compra de medicamentos, e ainda para Currais Novos, também no Seridó, que receberá R$ 40 mil para investir numa academia da terceira idade. “Todas essas emendas se relacionam à saúde, tendo em vista que é uma área que sempre requer atenção e nesse momento mais ainda”, frisou Ubaldo.

América

Ubaldo também parabenizou o América Futebol Clube pelo aniversário de 105 anos, sua torcida e diretoria. “São 105 anos levando alegria e emoção ao povo potiguar, portanto a toda torcida o nosso abraço e apreço, tenho muitos amigos americanos que hoje estão felizes”, parabenizou o deputado.

O Governo do Rio Grande do Norte confirmou que está mantida para esta quarta-feira (15) a retomada do calendário de reabertura das atividades econômicas do Rio Grande do Norte, durante a pandemia do novo coronavírus. A informação foi divulgada pelo secretário de Tributação do estado, Carlos Eduardo Xavier, na entrevista coletiva realizada diariamente no centro administrativo do estado.


“Publicamos ontem quatro portarias que regulamentam a questão dos protocolos sobre a retomada das atividades econômicas. Vamos dar sequência essa semana iniciando a segunda fração da fase 1 e a primeira fração da fase 2”, afirmou.


De acordo com ele, é preciso que os empresários sigam as regras estabelecidas pelas portarias do estado, para que evitar o aumento da contaminação. Caso contrário, ele afirmou que o estado poderá voltar a pausar o cronograma de reabertura ou mesmo voltar atrás e voltar a determinar o fechamento dos serviços.

Do G1RN

Saiba mais AQUI

Durante coletiva de imprensa desta terça-feira (14), a Secretaria Estadual de Saúde Pública do Rio Grande do Norte (Sesap), informou que o estado contabiliza 1.432 óbitos por Covid-19, um incremento de 28 novas mortes em relação ao boletim epidemiológico desta segunda (13). Do total de registros recentes, 3 óbitos ocorreram nas últimas 24 horas.

Ainda de acordo com a Sesap, o RN tem 40.324 casos confirmados de Covid-19, 54.131 casos suspeitos e 63 mil descartados. Em todo o estado, 655 pessoas estão internadas e a taxa de ocupação geral de leitos está em 83%. Há 39 pessoas na fila de regulação, das quais, 8 aguardam leitos críticos, 11 estão à espera de leitos clínicos, além de 20 pacientes que esperam por transporte sanitário.

Leitos

A taxa geral de 83% de ocupação de leitos destinados a tratar a Covid-19 no Rio Grande do Norte, está distribuída da seguinte maneira:

João Câmara: 100%
Pau dos Ferros: 90%
Grande Natal: 84%
Seridó: 80%

Agora RN

A Polícia Rodoviária Federal prendeu, no final da tarde desta segunda-feira (13), no km 118 da BR 101, em São José de Mipibu/RN, um homem de 70 anos, procurado da justiça por estupro de vulnerável.

Durante fiscalização na Unidade Operacional, por volta das 15h50, os policiais abordaram um motor casa, micro-ônibus, cor branca, conduzido por um homem de 70 anos.

Ao realizar consultas aos sistemas, foi constatada a existência de um mandado de prisão em aberto, em desfavor do condutor, expedido pela 7ª Vara Criminal da Comarca de João Pessoa/PB.

O homem foi preso em flagrante e a ocorrência encaminhada à Delegacia de Polícia Civil de São José de Mipibu.

Agência PRF/RN