Construção civil amplia contratações em 183% no RN

Foto: Elza Fiúza/Agência Brasil

Após três anos acumulando perdas que culminaram no fechamento de 14.457 postos de trabalho no Rio Grande do Norte, a Construção Civil teve, pelo segundo ano consecutivo, saldo positivo na geração de empregos no Estado. De 2018 para 2019, o setor ampliou a contratações de trabalhadores com carteira assinada em 183,03% – saindo de 336 no acumulado de janeiro a dezembro de 2018 para 951 no mesmo período do ano passado. Para este ano, a perspectiva é de retomada dos lançamentos de empreendimentos imobiliários para todas faixas salariais e, consequentemente, aquecimento no mercado de trabalho. As informações são da Tribuna do Norte.

Ao longo de 2019, alguns empreendimentos, a maioria deles da Construtora MRV voltados ao público que pode ser beneficiado pelo Programa Minha Casa Minha Vida foram lançados em Natal e Região Metropolitana. Para Sílvio Bezerra, presidente do Sindicato da Indústria da Construção Civil do Rio Grande do Norte (Sinduscon/RN), o volume de lançamentos ainda é considerado pequeno em comparação com o período pré-crise, quando Natal dispunha de grandes construtoras, do eixo Rio de Janeiro – São Paulo, explorando o pujante mercado local. Com a recessão, elas deixaram o Rio Grande do Norte e se concentraram em suas respectivas regiões de origem, nas quais dominam a expertise de captação de público comprador.

Compartilhar