COSEMS-RN DEBATE OPERACIONALIZAÇÃO DA VACINAÇÃO DE COVID-19 COM GOVERNO E PREFEITURAS


O debate de estratégias do plano de operacionalização de imunização da população do Rio Grande do Norte aconteceu nesta sexta-feira (8), na Escola de Governo, no Centro Administrativo do Estado, com a presença da governadora Fátima Bezerra, com assessores técnicos do Governo, com profissionais da Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap), com membros da sociedade civil organizada, deputados, prefeitos e secretários municipais de saúde de cidades polo do Estado.

A reunião, que aconteceu de forma híbrida (presencial e via aplicativo zoom), também debateu ações do Pacto Pela Vida no enfrentamento da COVID-19 no Rio Grande do Norte. Na oportunidade, a governadora Fátima Bezerra prestou contas de ações desenvolvidas por seu mandato durante a pandemia e declarou que o Governo do Estado não medirá esforços para apoiar os municípios durante a imunização dos potiguares.

Presente no encontro a presidente do Conselho de Secretarias Municipais de Saúde do Rio Grande do Norte (Cosems-RN), Maria Eliza Garcia, teve a oportunidade de levar sua fala a todos os presentes onde destacou o empenho da governadora Fátima Bezerra no que tange a proteção da vida dos norte-rio-grandenses neste momento de pandemia.

“O programa apresentado tem uma estruturação e de uma organização que vem atender as necessidades da população, mas nós gestores é que vamos executá-lo e cabe a nós toda seriedade e cuidado, e precisamos colocar os profissionais de saúde como verdadeiros soldados nessa execução”, destacou a presidente do Cosems-RN.

Maria Eliza Garcia também lembrou que os prefeitos que acabaram de assumir os mandatos enfrentam uma conjuntura de dificuldades no âmbito municipal, mas que o momento é de todos darem as mãos. “Cabe a nós, gestores municipais, a execução desta vacina. Tenho a convicção que daremos conta do recado”.

Ao final de sua fala Maria Eliza Garcia parabenizou o sistema de regulação do Estado e, posteriormente, concedeu entrevista para o repórter Luiz Henrique, da Tribuna do Norte.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *