EAJ-UFRN realiza o II Simpósio Potiguar em Ciências Florestais


A Escola Agrícola de Jundiaí (EAJ-UFRN) realiza, na próxima semana, o II Simpósio Potiguar de Pós-Graduação em Ciências Florestais (II SPPCFL). O evento, promovido pelo Programa de Pós-Graduação em Ciências Florestais (PPGCFL/UFRN) da EAJ-UFRN e com apoio da Escola, acontece de 16 a 19 de novembro.

Segundo Mauro Vasconcelos Pacheco, coordenador do Simpósio e professor do curso de graduação em Engenharia Florestal da EAJ-UFRN e do PPGCFL/UFRN, o evento foi criado para dar mais visibilidade aos resultados de pesquisas voltadas para as florestas do Rio Grande do Norte (RN). “São muitos os potenciais das nossas árvores, arbustos e outras formas de vida que podem ser utilizadas pelo homem, mas sempre pautados pela sustentabilidade. Além disso, o evento serve para dar a oportunidade para que alunos egressos do nosso programa, que hoje já são doutores ou que estão se doutorando em instituições de excelência, como a ESALQ/USP, UFPR e UFLA, possam ter a experiência de atuarem como palestrantes. Isso é muito importante para os egressos, pois isso os ajuda na qualificação de recursos humanos”, comenta.

O II SPPCFL, que está sendo organizado por uma equipe de alunos do Mestrado em Ciências Florestais da EAJ-UFRN, será realizado de forma remota. O evento conta com diversas palestras e minicursos ministrados por docentes e discentes do PPGCFL/UFRN e de várias instituições do país.

O evento será transmitido pelo YouTube no Canal Pós Florestais UFRN.

Confira a programação:

Dia 16

Manhã – Minicursos
13h30-13h50 – Abertura
13h50-14h40 – Palestra 1 – Exploração e Uso dos Recursos Florestais Madeireiros no Estado do Rio Grande do Norte – Rosimeire C. dos Santos (UFRN)
14h40-15h – Sessão Debate
15h-15h50 – Palestra 2 – Estudos e estratégias para a conservação de espécies ameaçadas – Kyvia Pontes Chagas (Doutoranda em Engenharia Florestal – UFPR)
15h50-16h10 – Sessão Debate
16h10-17h – Palestra 3 – Sementes nativas: um negócio de impacto – Bárbara Pachêco (CEO da VerdeNovo Sementes Nativas)
17h-17h20 – Sessão Debate

Dia 17

Manhã – Minicursos
13h30-14h20 – Palestra 4 – A dinâmica do conhecimento ecológico tradicional e a conservação da diversidade biocultural – Marcelo Alves Ramos (UPE)
14h20-14h40 – Sessão Debate
14h40-15h30 – Palestra 5 – Flores comestíveis para uma alimentação biodiversa – Beatriz Carvalho (Fundadora da Mato no Prato)
15h30-15h50 – Sessão Debate

Dia 18

Manhã – Minicursos
13h30-14h20 – Palestra 6 – Qualidade da madeira produzida em sistemas integrados – Rafael Rodolfo de Melo (UFERSA)
14h20-14h40 – Sessão Debate
14h40-15h30 – Palestra 7 – Combustão residencial da biomassa: os possíveis riscos da COVID-19 – Elias Costa de Souza (Doutorando em Recursos Florestais – ESALQ/USP)
15h30-15h50 – Sessão Debate

Dia 19

Manhã – Minicursos
13h30-14h20 – Palestra 8 – Ymbu Agroflorestal: Uma experiência de Reflorestamento e Ativos Florestais na Caatinga – Mathias Lessmann (Fundador da Ymbu Agroflorestal LTDA)
14h20-14h40 – Sessão Debate
14h40-15h30 – Palestra 9 – Como selecionar árvores matrizes visando a produção de semestes florestais? – Francival Cardoso Felix (Doutorando em Engenharia Florestal – UFPR)
15h30-15h50 – Sessão Debate
15h50-16h20 – Encerramento – premiação dos melhores trabalhos e sorteio dos prêmios da rifa

Comunicação EAJ

Compartilhar